Dissertações/Teses

Clique aqui para acessar os arquivos diretamente da Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da UNIFEI

2018
Descrição
  • RAFAEL ÁLVARES BRAGANÇA
  • Uso de Sistemas Back-to-Back em Geração Hidráulica com Rotação Variável

  • Data: 14/12/2018
  • Mostrar Resumo
  • As principais tecnologias para conexão com a geração hidrelétrica operando com rotação não síncrona são: A conexão HVDC - High Voltage Direct Current e o DFIG - Double Fed Induction Generator. Apesar de estudos realizados sobre o VFT - Variable Frequency Transformer mostrarem ser uma solução, esta solução ainda é utilizada exclusivamente na transmissão de energia. A escolha natural do HVDC para a conexão com o gerador síncrono é aplicada para longas distâncias, como ocorre nas Usinas Santo Antônio e Jirau, no estado de Rondônia. O sistema Back-to-back, apesar de trabalhar com potência nominal da geração, apresentou rendimentos da ordem de 96%. O VFT também se faz necessário conversor de potência nominal, enquanto o DFIG requer conversor na ordem de 20% para operar com 15% de variação de rotação. Outra vantagem da solução estudada é ter maior possibilidade na variação da rotação já que o conversor é nominal, condição importante para as usinas reversíveis, sendo necessário em alguns momentos utilizar o gerador na função motorizada, trabalhando como bomba. Desta maneira, a confiabilidade do sistema é aumentada, principalmente devido a geração eólica e fotovoltaica que são intermitentes. Neste trabalho foi proposto um modelo para recuperar o rendimento perdido devido a redução do reservatório, visto que a matriz energética brasileira é predominantemente hidráulica, apresentando variações sazonais nos níveis de água, fazendo com que as Usinas trabalhem fora das condições nominais, elevando desgastes e custos de manutenção. Os resultados foram bastantes promissores, pois além de recuperar o rendimento perdido, reduziu o desgaste e os problemas devido a cavitação. A maior contribuição deste trabalho é comprovar, experimentalmente, que a eficiência recuperada devido ao ajuste de rotação em situação de deplecionamento do reservatório mostrou-se superior às perdas do sistema de conexão Back-to-back, essencial no cenário tecnológico atual, buscando a otimização da eficiência energética.

  • JOSEPH PALMA OLIVEIRA SCHUMANN MINAMI
  • Fluxo de Potência para Redes de Distribuição Radiais, Ativas e Ilhadas

  • Data: 12/12/2018
  • Mostrar Resumo
  • O presente trabalho tem por objetivo principal apresentar uma ferramenta de análise de redes de distribuição radiais ativas conectadas a rede básica e funcionando de maneira ilhada. Osobjetivos específicos são avaliar o impacto de fontes renováveis em sistemas radiais de distribuição, considerando impactos da pequena variação a da frequência nos elementos do sistema. A metodologia utilizada é baseada no modelo da varredura considerando droop, sendo o modelo da varredura responsável pelo cálculo do fluxo de potência e o método droop responsável pela inserção de geradores despacháveis de energia. Inicialmente é apresentado objetivo, a motivação, a estrutura da dissertação, seguida da contextualização da geração distribuída no Brasil. Apresenta-se o estado da arte do fluxo de potência para redes de distribuição bem como uma bibliografia auxiliar a respeito de controle para redes de distribuição. Em seguida o método estático da varredura direta e inversa é explicado. Então, a inserção da variação dos parâmetros de rede em função de pequenas variações da frequência é explicada. E por fim, as simulações e suas respectivas análises são feitas em diferentes cenários. Chegou-se à conclusão que a metodologia proposta é eficiente e apresenta resultados coerentes, considerando a dependência com a variação da frequência, a topologia e impactos da geração distribuída.

  • FELIPE ATANÁSIO DE SALES
  • Diagnósticos Preditivos Embasados na Modelagem de um Gerador Aplicados no Monitoramento da Operação

  • Data: 06/12/2018
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho apresenta uma metodologia de monitoramento de geradores e sistemas de excitação estática, por meio de análises das condições elétricas. Os modelos foram implementados em duas usinas localizadas no sul do Brasil. Os geradores síncronos são elementos essencias no sistema elétrico de potência. Assim, mediante um acompanhamento destas máquinas, possibilita-se a prévia detecção de possíveis falhas, a fim de garantir a confiabilidade do fornecimento de energia, estabilidade do sistema e redução das atividades de manutenção, que resultam em paradas não-programadas. A modelagem virtual foi desenvolvida com as características eletromagnéticas dos equipamentos, dados de fabricantes e teste de desempenho. Simultaneamente, demonstra-se a aplicação da técnica Planejamento de experimentos (DOE – Design of experiments) nos testes de monitoramento desenvolvidos nas usinas. Esta fornece com objetividade um procedimento para avaliação dos fatores mais significativos para uma determinada resposta, definição de melhores áreas de atuação e condições operacionais de um processo. Os resultados demonstram sua eficácia, ao contribuir para a otimização das atividades de manutenção.

  • IGOR DE PAULA CARDOSO
  • Efeitos da Representação da Rede em Estudos de Extinção de Arco Secundário em Linhas de Transmissão de Potência Natural Elevada

  • Data: 04/12/2018
  • Mostrar Resumo
  • O Projeto Básico de subestações de rede básica é uma das etapas mais importantes de um empreendimento, pois é nele que, através de estudos elétricos de diferentes naturezas, os equipamentos das instalações da Rede Básica são especificados para estarem operando por todo tempo de concessão (via de regra, 30 anos). No projeto, a transmissora deve atender aos itens definidos no anexo técnico do edital do leilão no qual se sagrou vencedora. A prática atual requer que todos os estudos definidos como “Transitórios Eletromagnéticos” sejam realizados com representação da rede pelo critério de duas vizinhanças elétricas, o que pode não ser necessário para todos os estudos, como é o caso da extinção da corrente de arco secundário (requerido como forma de comprovação da possibilidade de aplicação de religamento monopolar em linhas de transmissão). Para confirmar esse entendimento, buscou-se avaliar os efeitos de diferentes modelagens de rede para esse estudo, considerando a rede tal qual é exigida nas diretrizes vigentes e com representações simplificadas como: utilizando cargas fictícias (usualmente utilizadas por consultoras), equivalentes Thèvenin e até mesmo barras infinitas. Elas foram avaliadas considerando uma linha de transmissão 500 kV base e sob diversas variações de características da própria linha e do sistema em que se conecta. São apresentados e discutidos os resultados associados a cada uma dessas representações, buscando confirmar a possibilidade de utilizar uma modelagem mais simplificada. Compararam-se ainda os resultados obtidos da modelagem simplificada com um estudo de extinção de arco secundário de um projeto real, já aprovado e em operação. Ademais, com os resultados obtidos foram estudados, de forma resumida, os efeitos de diferentes grandezas que interferem na extinção do arco secundário para uma estrutura de SIL (Surge Impedance Loading) elevado, cada vez mais aplicada no SIN (Sistema Interligado Nacional), a fim de verificar o efeito de cada uma delas quanto aos atuais critérios de extinção do arco secundário.

  • VINICIUS VELOSO ELEUTERIO NOGUEIRA
  • Planejamento de Missão para VANTs em Ambientes Estocásticos

  • Data: 30/11/2018
  • Mostrar Resumo
  • Os veículos aéreos não tripulados (VANTs) têm atraído a atenção das pessoas civis pelo
    seu crescente número de aplicações e pela redução de custos. A grande maioria das tarefas
    atuais do UAV ainda possui um baixo grau de autonomia, o que pode levar à falta de
    eficiência, segurança, viabilidade e praticidade. Neste trabalho é analisado o emprego de
    técnicas probabilística em planejamento automático para melhorar a autonomia e robustez
    nas aplicações de UAV. O trabalho contribui ainda com um sistema de planejamento
    probabilístico, denominado DOTPlan, que integra o planejador Prob-PRP em sistemas
    ROS. Este sistema permite a visualização, execução e monitoramento de seus planos com
    base no formato DOT, usando a Máquina de Estados Finitos para execução e uma representação
    gráfica por meio de grafos gerados automaticamente. Para realizar o estudo de
    viabilidade do uso do Prob-PRP, o 𝑓𝑟𝑎𝑚𝑒𝑤𝑜𝑟𝑘 desenvolvido é analisado em um domínio
    de entregas com VANTs. Por fim o sistema é incorporado no controle de missões de alto
    nível em um UAV autônomo simulado no Gazebo.

  • RODRIGO APARECIDO DA SILVA BRAGA
  • Uma Topologia CMOS Nauta OTA sem Calibração em Ultra-Baixa Tensão e Ultra-Baixa Potência

  • Data: 30/11/2018
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho apresenta a topologia do amplificador operacional de transcondutância
    Nauta OTA, construído com inversores CMOS intrinsecamente casados, dispensando qualquer
    tipo de circuito de calibração. Adicionalmente, essa topologia é implementada em
    um processo CMOS utilizando transistores de canal não uniformemente dopado do tipo
    halo-implantado, sendo projetada para se adequar a aplicações 𝐺𝑚-C de baixa frequência,
    tais como aplicações biomédicas. O projeto do inversor CMOS intrinsecamente casado é
    baseado na utilização do transistor MOS matricial halo-implantado operando em inversão
    fraca. Neste trabalho é demonstrado que essa técnica é capaz de estabilizar a tensão de
    switching point de um inversor CMOS, reduzindo sua variação estatística e permitindo o
    aumento do ganho, o que é desejado para projetos de circuitos 𝐺𝑚-C.
    Portanto, baseando-se na topologia original proposta por Bram Nauta (e trabalhos derivados),
    focados na sintonia de filtros VHF, este trabalho adapta o Nauta OTA para
    aplicações com 𝐺𝑚 constante. O circuito proposto apresenta uma transcondutância de
    2,46-𝜇S quando alimentado com 0,25-V, dissipando 55-nW durante sua operação, o que o
    torna adequado para aplicações de baixa potência.

  • ROBERTO SILVA NETTO
  • Framework em Tempo Real para Sistema de Gerenciamento de Energia de uma Smart Microgrid Utilizando Sistema Multiagente

  • Data: 28/11/2018
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho apresenta um Framework de tempo-real composto por um sistema elétrico
    representado por uma microrrede, um sistema de comunicação de dados e um sistema
    multiagentes para monitoramento e gerenciamento do sistema elétrico. Assim, a principal
    contribuição desse trabalho é a criação deste framework, tornando possível a avaliação,
    em tempo real, do impacto da modelagem do sistema multiagentes (para que dentro do
    tempo necessário ele entregue a melhor solução possível de gerenciamento de energia na
    microrrede), a mensuração física das informações de telecomunicações enviadas pelos IEDs
    (para que os sistemas de gerenciamento possuam os dados necessários para a tomada das
    decisões), a determinação quantitativa do impacto na qualidade de serviço do sistema de
    comunicação de fluxo bidirecional, bem como os requisitos de rede para protocolos diferentes
    para a mesma finalidade. A simulação do sistema elétrico de potência foi realizada
    em um simulador digital em tempo real (Real Time Digital Simulator) para que fosse
    possível integrá-lo ao sistema multiagentes, utilizando comunicação TCP/IP (Transmission
    Control Protocol/Internet Protocol) e assim avaliar o desempenho da aplicação e os
    requisitos de comunicação de dados desta proposta. Para o desenvolvimento do sistema
    de gerenciamento de energia baseado em sistema multiagentes, utilizou-se o framework
    JADE (JAVA Agent Development Framework), baseado em JAVA. Interligando esses dois
    mundos, existe um sistema de comunicação de dados para possibilitar a avaliação dos impactos
    desse sistema dentro deste novo contexto de redes elétricas inteligentes. Esse novo
    contexto de simulação em tempo real e com integração de sistemas utilizando comunicação
    TCP/IP, proposto neste trabalho, traz como resultado inédito a medida da eficiência
    de SMA (Sistema MultiAgentes) como ferramenta para solução dos novos desafios das
    Redes Elétricas Inteligentes (REI), atuando no gerenciamento de uma microrrede em
    modo ilhado. Traz também questões de desempenho do sistema de comunicação em aplicações
    com troca de informações bidirecionais, não somente do IED (Intelligent Electronic
    Device) ao sistema de informação, mas também a resposta do mesmo ao SEP (Sistema
    Elétrico de Potencia) de forma a otimizar um cenário dinâmico e que precisa de respostas
    em um curto espaço de tempo.

  • DANIEL MATUMONA MULATO
  • Estudo sobre a Validade da Transformada Óptica Quase-Conforme

  • Data: 27/11/2018
  • Mostrar Resumo
  • Mulato, Daniel Matumona. Estudo Sobre a Validade da Trasnformada
    Óptica Quase-Conforme: Tranformada Óptica. 2018. 55 f. Dissertação de
    Mestrado em Engenharia Elétrica), Universidade Federal de Itajubá, Minas Gerais,
    Brasil, 2018.
    A transformada óptica quase-conforme (QCTO) é uma técnica que emprega transformações
    de coordenadas para o projeto de dispositivos eletromagnéticos e para
    o controle da propagação de ondas eletromagnéticas, tais como: guias de onda e
    mantos de invisibilidade. Geralmente, a QCTO resulta em um meio óptico com um
    índice de refração não-homogêneo. A dedução deste índice de refração considera que
    a equação de Helmholtz pode ser aplicada em um meio não-homogêneo. No entanto,
    a partir do eletromagnetismo clássico, é conhecido que a equação de Helmholtz não
    pode ser empregada em meios não-homogêneos. Portanto, este trabalho estuda a
    validade da aplicação da QCTO para o projeto de dispositivos eletromagnéticos,
    assim como, sua capacidade no controle da propagação das ondas eletromagnéticas.
    Os resultados indicam que a QCTO funciona perfeitamente para o modo TE, porém
    o funcionamento para o modo TM não é garantido, exceto se o gradiente do índice
    de refração for desprezível.

  • Sabi Yari Moïse BANDIRI
  • Desenvolvimento de Técnicas Inteligentes Visando Melhorar a Eficiência Energética em Redes Ópticas Elásticas

  • Data: 23/11/2018
  • Mostrar Resumo
  • Reduzir os gastos energéticos em redes de comunicação tem sido um dos grandes desafios
    enfrentados nos últimos anos. Este trabalho de tese apresenta novas estratégias para a redução de
    consumo de energia e melhoramento da eficiência energética em redes ópticas. Estas estratégias
    baseiam-se na alocação e alteração dos parâmetros da rede óptica de forma mais eficiente (ex:
    modulação, codificação) em função das condições do canal óptico. Neste trabalho, primeiro, foi
    investigada a técnica de modulação adaptativa (Adaptative Modulation - AM), onde o nível de
    símbolos no esquema de constelação de uma modulação é alterado de acordo à distância óptica e
    o número de slots considerada. Assim, foi possível garantir a qualidade de transmissão (Quality
    of Transmission - QoT) durante o processo de roteamento e alocação do espectro da rede. A
    segunda técnica proposta utiliza um código adaptativo. O código corretor de erro (Forward Error
    Correction - FEC) a ser implementado na rede varia como função da relação sinal ruído óptico
    (Optical Signal to Noise Ratio - OSNR) e do número de slots também. Finalmente, é proposta
    uma técnica híbrida, a qual é uma combinação das duas estratégias mencionadas anteriormente
    (modulação adaptativa e código adaptativo). Neste caso, os parâmetros de modulação e o tipo de
    código são alterados simultaneamente. Os resultados analíticos demonstraram que o consumo
    energético é reduzido, a eficiência da rede é melhorada e a probabilidade de bloqueio é diminuída

  • GABRIELA SAMPAIO RÊMA
  • Modelagem Black-Box de Transformadores de Potência em Altas Frequências

  • Data: 14/11/2018
  • Mostrar Resumo
  • Para estudos de transitórios eletromagnéticos faz-se necessário um modelo do
    transformador de potência em altas frequências. Modelou-se o transformador por sua
    impedância vista do terminal de alta tensão. Trata-se de um transformador de potência
    monofásico de 200 MVA, 500/√3 / 138/√3 / 13,8 kV instalado em uma subestação. Foi
    utilizada a metodologia black-box através de medições em campo de impedância
    terminal na frequência de 20 Hz a 10 MHz por meio do acesso a terminais externos
    do transformador. Identificaram-se três modelos do transformador de potência e
    realizou-se uma análise comparativa entre eles: modelo baseado na análise da
    impedância terminal relacionando os pontos ressonantes através do fator de
    qualidade, modelo aproximado através do Vector Fitting e modelo Saturable
    Transformer associado a impedâncias complementares. Os modelos Impedância
    Terminal e Saturable Transformer baseiam-se nos pontos ressonantes da curva de
    impedância terminal na frequência. Já o Vector Fitting gera uma função, através da
    realocação de polos, que se aproxima da curva medida. Simularam-se as manobras
    de chaves seccionadoras através do ATPDraw / ATP – Alternative Transients Program
    – e realizou-se a validação dos modelos na faixa de frequência de 20 kHz a 10 MHz,
    com maior precisão até 2,5 MHz, através da medição em campo de transitórios de
    tensão.

  • MARCIO LUIZ MAGRI KIMPARA
  • Mitigation of Torque Ripple and Vibration in Switched Reluctance Motor Drives: A Switching Optimization

  • Data: 12/11/2018
  • Mostrar Resumo
  • O motor de relutância variável (MRV) representa uma solução alternativa para aplicações industriais, aplicações em transporte e também domésticas devido à sua estrutura robusta, independência em relação à metais de terra rara, design modular, ampla faixa de velocidade e tolerância à ambientes severos. Apesar destas vantagens, a adequação da MRV em muitas aplicações têm sido ofuscada pelo relativo elevado nível de pulsação de torque e elevada vibração radial/ruído acústico. Este trabalho tem por objetivo investivar e propor estratégias de controle para mitigar tais características adversas. Para alcançar este objetivo, a alteração na forma de onda da corrente e a otimização do chaveamento foram propostos. Dois métodos de modelagem foram utilizados neste processo: i) o método de reconstrução do campo para modelar o comportamento eletromagnético; e ii) resposta mecânica ao impulso para modelar o comportamento estrutural. Estes dois procedimentos de modelagem são ferramentas inovadoras abordadas nesta pesquisa, uma vez que tais técnicas foram propostas recentemente na literatura. Mais especificamente, estes dois métodos foram combinados para criar uma estratégia que simultaneamente reduz o ripple de torque e a vibração radial.

    Primeiramente, a vibração estrutural foi investigada em detalhes para um MRV 8/6. A análise modal foi conduzida experimentalmente e também por meio do modelo da máquina no software de elementos finitos Ansys. Em seguida, o conceito de resposta ao impulso mecânico foi aplicado para desenvolver um modelo de predição de vibração que, depois de validado, foi introduzido no algoritmo de otimização desenvolvido no MATLAB para encontrar os instantes precisos de chaveamento para promover o cancelamento ativo da vibração. O método desenvolvido é focado em MRVs operando sob controle de corrente (região de baixa velocidade) e os resultados experimentais mostram uma redução significativa. Além disso, esta técnica é baseada no instante de chaveamento, sem impacto adverso na produtividade e eficiência da MRV. Adicionalmente, a atenuação da vibração também contribuiu para a redução do ruído acústico. Em uma segunda abordagem, uma otimização baseada no modelo do MRV usando o método de reconstrução do campo, é usando para encontrar o perfil ótimo de corrente que atenua o ripple de torque. A porcentagem de redução alcançada é por volta de 44%. Além disso,  o efeito deste novo perfil de corrente na resposta estrutural também foi investigado e um impacto negativo na vibração foi observado. Desta forma, para lidar com essa deficiência, uma banda de histerese adapatada foi implementada sobre o perfil otimizado de corrente para redução do ripple de torque, otendo-se um terceiro perfil de corrente. Os resultados obtidos demonstraram uma melhoria simultânea, com bom compromisso entre a redução do ripple de torque e atenuação de vibração.

     

  • EGÍDIO IENO JÚNIOR
  • Proposta de um Sistema de Tomada de Decisão para Detecção de Veículos em Movimento para FPGA

  • Data: 25/10/2018
  • Mostrar Resumo
  • Os métodos pesquisados para detecção de objetos em movimento através do processamento de imagens em processadores de uso geral (General Purpose Processors - GPPs) apresentam, em sua maioria, uma abordagem que não permite uma implementação com bons resultados em matriz de portas programável em campo (Field Programmable Gate Array - FPGA). Isso ocorre devido à classificação correta dos pixels estar diretamente relacionada à implementação de técnicas mais complexas para modelar a imagem de referência e que requerem muitos recursos em termos de memória. Além disso, quase todos os métodos analisados realizam apenas o processamento da tomada de decisão clássica, sendo poucas as propostas que baseiam sua tomada de decisão na integral fuzzy. Assim, visando melhorar a classificação dos pixels durante o processo de detecção de veículos em movimento é proposta uma abordagem que realiza a fusão das tomadas de decisão fuzzy e clássica combinando técnicas convencionais de processamento digital de imagens. Dessa forma, o sistema de tomada de decisão proposto para detectar os veículos em movimento busca não comprometer os resultados em termos de classificação dos pixels mesmo utilizando uma técnica de modelagem simples para obter a imagem de referência. Essa imagem é obtida através da estimativa do valor mediano e possibilita que o sistema de detecção de veículos em movimento proposto não precise do armazenamento de várias imagens para obter a imagem de referência. Os resultados são verificados em termos de recursos ocupados, frequência máxima de operação e classificação dos pixels em FPGAs de baixo custo. Além disso, os resultados em termos de classificação dos pixels são comparados através de várias medidas com outros métodos, apresentando resultados promissores no processamento de imagens em tempo real em FPGAs de baixo custo.

  • OLATOUNDJI GEORGES GNONHOUE
  • Modelagem de Transformador Trifásico de Três Enrolamentos, para Aplicação em Sistemas HVDC

  • Data: 05/10/2018
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho consiste em analisar e implementar um sistema HVDC (High
    Voltage Direct Current) de 12 pulsos, para propiciar a comparação dos resultados
    obtidos pela simulação do sistema conversor, com resultados experimentais
    providos por esta bancada implementada. Consiste, também, na modelagem dos
    transformadores trifásicos do retificador e inversor do sistema HVDC, realizando
    ensaio em curto-circuito no laboratório e calculando os ângulos de disparo e de
    comutação. Isso será feito para comparar com os resultados experimentais
    obtidos, usando esta bancada didática. Finalmente, ajudará a visualizar de forma
    prática as formas de onda de tensão e corrente do sistema de conversão de 12
    pulsos, para comparar com os resultados de simulação.

  • TIAGO ELIAS CASTELO DE OLIVEIRA
  • The Concept Of Dynamic Hosting Capacity Of Distributed Renewable Generation Considering Voltage Regulation and Harmonic Distortion

  • Data: 28/09/2018
  • Mostrar Resumo
  • Esta tese apresenta uma proposta de análise sobre a capacidade de hospedagem e conceitos relacionados aplicados aos sistemas de rede de distribuição. Além disso, aborda a aplicabilidade de metodologias de capacidade de hospedagem para distorção de tensão harmônica causada por painéis fotovoltaicos (PV) conectados em um lado de baixa tensão (LV) de uma grade de campus universitário. A análise das novas tecnologias de geração distribuída, como painéis fotovoltaicos, na rede de distribuição do campus foi realizada através de processos de medição e, posteriormente, por análise de simulações computacionais, um novo conceito de abordagem de capacidade em relação à distorção de harmônicos de tensão. O aumento de tensão devido à injeção harmônica é analisado e discutido com o objetivo de validar e discutir a geração de energia fotovoltaica através de outros sistemas de rede. Além disso, apresenta uma nova abordagem para a capacidade de hospedagem em relação à distorção de tensão harmônica com variação no tempo, seja diária, semanal, mensal ou mesmo anual. Este conceito é abordado como Dynamic Hosting Capacity (DHC). Aspectos gerais do DHC são demonstrados, bem como a aplicação de sistemas de armazenamento de energia como uma ferramenta de mitigação para controlar o perfil do perfil de capacidade.

  • DIEGO BARBOSA CARVALHO
  • Impacto Econômico de Sistemas Híbridos Renováveis no ACR face à Antecipação e Atraso do Empreendimento

  • Data: 27/09/2018
  • Mostrar Resumo
  • Apesar das fontes renováveis de energia possuírem algumas vantagens em relação às fontes
    tradicionais como as termelétricas, por exemplo, elas apresentam certos riscos financeiros a
    investidores do setor. Estes riscos estão associados, principalmente, à própria produção de
    energia, aos preços e às regras do mercado energético e, também, a possível ocorrência de
    atrasos e antecipações na conclusão de obras. Para mitigação da probabilidade de déficit
    de produção energética, diferentes fontes de energia vem sendo combinadas em um sistema
    integrado de modo a se aproveitar a complementariedade das fontes e o compartilhamento
    de ativos da rede. Este trabalho também estudou o risco financeiro associado à antecipação e
    atraso na conclusão de empreendimentos no ambiente de contratação regulada considerando
    a inserção de fonte fotovoltaica em uma planta integrada eólica-solar. Para avaliação do
    risco, o método do Valor Presente Líquido é empregado na análise determinística e a
    Simulação de Monte Carlo executada como modelo de avaliação estocástica. Primeiramente,
    dados de velocidade de vento e de irradiância solar são obtidos e associados a funções
    de distribuição de probabilidade para estimar a geração de energia por cada uma das
    fontes: eólica e fotovoltaica, respectivamente. Além disso, valores históricos de variáveis
    importantes à análise estocástica também são usados e associados a curvas de distribuição
    de probabilidade. A partir da energia produzida, estima-se a receita anual do investidor.
    Obtém-se, também, o investimento inicial do empreendimento, os custos, os impostos e
    as despesas relacionadas a financiamentos e monta-se o fluxo de caixa para cálculo do
    Valor Presente Líquido. A Simulação de Monte Carlo é executada e a probabilidade de
    VPL positivo é mensurada para cada situação proposta. A análise de sensibilidade de cada
    variável empregada na abordagem estocástica é obtida a fim de se estudar o impacto de
    cada uma à saída VPL. A avaliação de risco econômico mostrou que a contínua inserção de
    fonte fotovoltaica no sistema integrado de energia diminui as chances de retorno financeiro
    do investidor na atual situação regulatória do Brasil. Quanto às situações de entrega
    de obras, empreendimentos atrasados diminuem significativamente a probabilidade de
    retorno financeiro ao passo que empreendimentos em situação adiantada elevam as chances
    de se obter um negócio rentável, embora esse aumento seja diferente e correlacionado à
    proporção de fonte fotovoltaica instalada no sistema integrado. A análise de sensibilidade
    das variáveis selecionadas, por sua vez, indicou a velocidade do vento, a irradiância solar,
    o investimento por potência eólica instalada, o investimento por potência fotovoltaica
    instalada e o Preço de Liquidação das Diferenças como os parâmetros mais influentes na
    avaliação do risco do empreendimento.

  • GABRIEL DE SOUZA PEREIRA GOMES
  • Uma Solução Embarcada Leve para Localização de Complexos QRS e Filtragem ECG utilizando Wavelets

  • Data: 31/08/2018
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho é parte do projeto FINEP sob o convênio 01.13.0387, cujo objetivo geral
    é a construção de um microssistema de eletrocardiografia portátil de baixo custo para
    monitoramento remoto. Dentro desse contexto, a dissertação aqui apresentada propõe
    uma solução leve (uma vez que pode ser implementada em um arduino sem necessidade
    de memória extra), fundamentada em wavelet e análise de limiar para filtragem de sinais
    ECG e detecção de complexos QRS em sistemas embarcados de monitoramento de sinais
    eletrocardiográficos. O algoritmo desenvolvido requer menos recursos computacionais
    (por exemplo, não requer unidade de ponto flutuante) e, mesmo assim, mantém um
    alto nível de precisão (99,2%) e alta robustez quando comparado com soluções similares.
    O método foi avaliado primeiramente utilizando a base de dados padrão de arritmia
    do MIT BIH (Instituto de Tecnologia de Massachussets Hospital Beth Israel) e depois
    implementado na placa BlackHeart, que é o hardware desenvolvido no projeto no qual este
    trabalho se enquadra, sendo ele composto por uma placa baseada em um microcontrolador
    Arduino Leonardo c , contando também com uma interface de eletrododo. O método aqui
    apresentado foi validado e comparado a três outros algoritmos, sendo um deles o famoso
    método de Pan-Tompkins.

  • GUILLERMO PEDRO ALONSO CARDOZO
  • OPERAÇÃO ÓTIMA DE SISTEMAS DE DISTRIBUIÇÃO, UTILIZANDO SISTEMAS IMUNOLÓGICOS ARTIFICIAIS E LÓGICA FUZZY, CONSIDERANDO A CURVA DE CARGA DIÁRIA

  • Data: 28/08/2018
  • Mostrar Resumo
  • A eficiência na operação dos sistemas elétricos é um desafio cada vez maior para as empresas concessionárias, quanto à redução das perdas elétricas, o aumento da confiabilidade do sistema, e a qualidade do abastecimento aos usuários.
    O presente trabalho tem como objetivo propor uma metodologia de otimização para a reconfiguração horária de uma rede de distribuição do tipo radial com recursos, considerando os dados da curva de carga diária estimada.
    A reconfiguração horária da rede é abordada como um problema de otimização multiobjetivo, onde os objetivos são a minimização das perdas elétricas, do desvio da tensão de seu valor nominal e do desequilíbrio das correntes nos circuitos.
    Analisam-se dois problemas, primeiro a reconfiguração para a demanda fixa considerando a corrente média dos circuitos no período de tempo considerado, e o segundo problema considerando a demanda variável propondo três mudanças da configuração do sistema por dia, considerando esta condição como uma restrição da operação levando em conta a vida útil do equipamento, o estudo pode ser posteriormente estendido a diferentes quantidades de operações diárias.
    São considerados 24 níveis de carga (demanda média horária), obtidos da estimação da curva de carga por cada alimentador em uma determinada configuração, para cada nível de carga é utilizado um fluxo de potência adequado considerando o desequilíbrio presente nas redes de distribuição.
    É utilizada a representação topológica da rede mediante a Teoria de Grafos devido a sua versatilidade e ampla utilização nos problemas de distribuição aferida pela bibliografia consultada, as diferentes configurações são obtidas mediante operações algébricas propostas neste trabalho.
    Para a abordagem do problema é proposto um novo algoritmo baseado na heurística de Sistemas Imunológicos Artificiais, com o auxílio da lógica Fuzzy para a procura da solução do problema multiobjetivo, propondo modificações de forma a melhorar o desempenho quanto à procura da solução e custo computacional.

  • LUIZ CARLOS RIBEIRO JUNIOR
  • Inversores Inteligentes em Sistemas Fotovoltaicos para Controle Integrado de Funções utilizando o OpenDSS

  • Data: 22/08/2018
  • Mostrar Resumo
  • Nos últimos dois anos houve um crescimento exponencial no uso de sistemas distribuídos, sobretudo fotovoltaicos no país, que se interligam a rede de distribuição através de inversores, geralmente com fator de potência unitário. Este crescimento por um lado é interessante, pois diversifica a matriz energética, diminui a dependência das grandes usinas hidrelétricas e cria novos campos de emprego no setor. Porém, também gera algumas incertezas e preocupações de natureza social e técnica. Dentro deste contexto esta dissertação busca apresentar os impactos que a geração distribuída pode acarretar a todos os envolvidos no sistema elétrico. Do lado social é realizada uma breve reflexão dos impactos deste tipo de geração e da rede inteligente do futuro; do lado técnico, são apresentados os principais problemas relatados na literatura devido à alta inserção de sistemas distribuídos fotovoltaicos, tais como: problemas de sobretensão, desequilíbrios de tensão, fator de potência e harmônicos. Para solucionar alguns destes problemas a proposta desta dissertação é o uso de inversores inteligentes que atuam na regulação de grandezas elétricas e assim, minimizam os impactos na rede de distribuição. São descritas algumas funções inteligentes e a que elas se destinam. A fim de avaliar os impactos da geração distribuída na rede de distribuição e atuação dos inversores inteligentes, são realizadas simulações em um sistema teste, através do software OpenDSS, específico para este tipo de estudo. São apresentados, comparados e discutidos alguns resultados em três cenários: quando não há inserção de geração distribuída fotovoltaica, com inserção de geração distribuída e por fim, com inserção das funções inteligentes. Espera-se que os problemas descritos diminuam e haja menor impacto no sistema elétrico e para a sociedade de um modo geral.

  • CHRISTIANO HENRIQUE REZENDE
  • Aplicabilidade de Planejadores Automáticos em Jogos e Estudo de Caso em um Ambiente de Simulação

  • Data: 13/08/2018
  • Mostrar Resumo
  • A indústria de jogos digitais está em constante crescimento e um dos desafios enfrentados
    pelos desenvolvedores é manter uma experiência atrativa para os jogadores. Para tanto,
    uma das ferramentas utilizadas é a inteligência artificial. Dentre as diversas áreas da
    inteligência artificial, o planejamento automático se destaca pela sua flexibilidade de
    resolução de problemas utilizando uma mesma codificação. Visando o estudo desta
    técnica, foi desenvolvido um ambiente de simulação nomeado de Labirinto do Minotauro
    e um agente inteligente utilizando técnicas de planejamento automático para atuar nele.
    Utilizando este ambiente, foram discutidos alguns casos pertinentes evidenciando suas
    peculiaridades. Em sequência foi avaliado a aplicabilidade do estudo desenvolvido em
    outras áreas, apresentando exemplos de problemas e os solucionando usando a abordagem
    desenvolvida neste trabalho.

  • GUILHERME SOUTO CHAGAS
  • Fluxo de Potência Numericamente Robusto via Método de Levenberg-Marquardt de Ordem Superior

  • Data: 13/08/2018
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho apresenta um algoritmo robusto por Levenberg-Marquardt de ordem
    superior no plano complexo para resolver problemas de fluxo de potência de sistemas
    bem e mal condicionados numericamente, exibindo uma taxa de convergência
    biquadrática e desempenho superior quando comparado com os procedimentos tradicionais.
    Uma vez que os modelos de fluxo de potência são não lineares, o cálculo
    de Wirtinger é aplicado no desenvolvimento de algoritmos baseados em expansões
    em séries de Taylor de funções não lineares de variáveis complexas e complexas
    conjugadas. Poucas alterações no código do algoritmo de Newton-Raphson são necessárias
    para transformá-lo no algoritmo de Levenberg-Marquardt, que é então
    diretamente desenvolvido no plano complexo. O presente trabalho demonstra que
    o domínio complexo se apresenta mais versátil e natural para incorporar a modelagem
    de novas tecnologias smart grids como os dispositivos FACTS. Demonstrações
    e análises são feitas sobre os sistemas testes bem condicionados IEEE-14, -30, -
    57 e -188 barras, além do sistema interligado nacional brasileiro SIN-1916 barras.
    Para os sistemas mal condicionados ou sem solução, o desempenho do algoritmo
    proposto é comparado com o desempenho do método de fluxo de potência baseado
    no multiplicador otimizado. Para estas últimas análises foram testados os já
    conhecidos sistemas mal condicionados IEEE-11, -13 e -43 barras.

  • NATANAEL DE SOUZA FIGUEIREDO
  • Aplicação de Filtros de Savitzky-Golay no Processamento de Sinais de Eletrocardiografia

  • Data: 02/08/2018
  • Mostrar Resumo
  • O presente trabalho é parte do projeto FINEP sob o convênio 01.13.0387, cujo objetivo global é a
    construção de um microssistema de eletrocardiografia de baixo custo para monitoramento remoto.
    Neste contexto, o objetivo específico deste trabalho é projetar filtros digitais diferenciadores,
    baseados na técnica dos mínimos quadrados de Savitzky-Golay, capazes de eliminar ruídos
    provenientes das interferências de alta frequência e também da rede elétrica, para melhorar
    confiabilidade das medidas, mantendo o projeto comprometido com as normas técnicas aplicáveis
    e com o baixo custo. As novas abordagens mantêm as mesmas propriedades da abordagem
    clássica, porém resultam em filtros com menor amplificação de ruído.

  • LEANDRO MARQUES RIBEIRO
  • Central de Comunicação em VERILOG para Eletrodos Ativos de EEG

  • Data: 31/07/2018
  • Mostrar Resumo
  • Este estudo apresenta o desenvolvimento de uma central de controle em Verilog para eletrodos ativos, que será utilizado em um aparelho de Eletroencefalograma - EEG com Eletrodos Ativos que está sendo desenvolvido pelo Grupo de Microeletrônica da Universidade Federal de Itajubá. No trabalho serão apresentados o desenvolvimento teórico e prático da central de controle. O projeto foi desenvolvido utilizando a linguagem de descrição de hardware Verilog, na plataforma Quartus. Como meio de comunicação entre eletrodos e central, foi utilizado o protocolo I²C. Posteriormente, foi validado o trabalho a partir de emulações utilizando FPGAs e observação de sinais com um osciloscópio digital, onde o resultado do funcionamento é apresentado no trabalho.

  • MARIO MARCIO TORRES
  • Sistema de Monitoramento e Diagnóstico de Falhas em Geradores com Sistema de Excitação brushless

  • Data: 30/07/2018
  • Mostrar Resumo
  • Os empreendimentos de gerac~ao termeletrica emergenciais sofreram uma alterac~ao signi -
    cativa no seu volume de despacho, dada as restric~oes hidrologicas e os atrasos na entrada
    em operac~ao de novos empreendimentos de gerac~ao e transmiss~ao. Este cenario demanda
    um ajuste signi cativo ao planejamento da manutenc~ao dos geradores destas UTEs, de
    modo a garantir a disponibilidade e con abilidade energetica ao Sistema Interligado Nacional
    - SIN . Geradores com excitac~ao brushless ou simplesmente geradores brushless
    como o proprio nome ja indica, a alimentac~ao do enrolamento de campo n~ao se da por
    meio de escovas de carv~ao. Estas escovas s~ao substitudas por um sistema de excitac~ao
    formado por um conjunto de tr^es bobinas defasadas em 120 graus, girantes, acopladas ao
    eixo do gerador, juntamente com uma ponte de diodos, ou seja, a alimentac~ao de corrente
    contnua ao campo se da de forma indireta. Toda esta estrutura de acoplamentos magn
    eticos e elementos girantes di cultam a obtenc~ao de informac~oes relevantes do campo
    do gerador e a aus^encia deste monitoramento pode resultar na queima de polos, ou em
    curtos-circuitos entre os enrolamentos do rotor, provocando de ci^encias operacionais no
    atendimento das pot^encias exigidas dos mesmos. Certas falhas ou condic~oes operacionais
    indevidas no sistema de excitac~ao de geradores brushless, tais como queima de diodos
    da ponte girante, sobre temperaturas nos enrolamentos de campo,etc., di cilmente s~ao
    diagnosticadas em tempo habil de intervir preventivamente. Esta pesquisa apresenta uma
    metodologia de monitoramento e diagnostico n~ao invasiva, de baixo custo de implementa-
    c~ao, possibilitando identi car falhas num conjunto de elementos do sistema de excitac~ao
    brushless . Trata-se, portanto, de uma metodologia de avaliac~ao da integridade operacional
    de geradores brushless em fase de sincronizac~ao, bem como em fase de operac~ao integrada.
    A metodologia foi concebida para ser aplicada numa planta termeletrica do SIN, previu
    ensaios operacionais num conjunto de cinco geradores brushless sendo quatro com pot^encias
    nominais individuais de 10,954 MVA e o outro de 5,444 MVA. Dentro da metodologia
    foi desenvolvido um conjunto de regras e correlac~oes de grandezas eletricas para atrav
    es das mesmas, descobrir e segregar possveis falhas operacionais. Tais regras ao serem
    implementadas numa plataforma computacional, acompanhar~ao em tempo-real possveis
    anormalidades internas em alguns componentes espec cos dos geradores brushless sendo
    capaz de emitir alertas e subsidiar aos gestores da planta de informac~oes relevantes para a
    tomada de decis~ao quanto a parada imediata ou programada da(s) unidade(s) geradora(s)
    sob suspeitas. Busca-se com esta metodologia de monitoramento e diagnostico contribuir
    com a disponibilidade e con abilidade das Unidades Geradoras e melhorar suas condic~oes
    operacionais, garantindo a vida util deste tipo de geradores.

  • GERSON ANDRÉ BRAULIO
  • AVALIAÇÃO DE VIDA ÚTIL REMANESCENTE DE HIDROGERADORES

  • Data: 16/07/2018
  • Mostrar Resumo
  • O parque gerador do Brasil vem se tornando cada vez mais velho. Os principais
    produtos da Engenharia de Manutenção são a capacidade de definição de
    procedimentos de manutenção e subsidiar os gestores para correta definição dos
    investimentos necessários a fim de tornar o negócio cada vez mais lucrativo. Dentre
    os componentes principais das unidades geradoras está o gerador elétrico. A
    determinação da correta forma de manutenção e necessidade de investimento
    envolvem inúmeras variáveis como equipes de manutenção disponível, custo de
    paradas para avaliação inspeções, normas regulamentadoras e melhores práticas
    do mercado. No caso de definição de grandes investimentos para a reforma
    completa, a definição do momento adequado esbarra na avaliação do estado do
    equipamento e da vida útil remanescente destes hidrogeradores. O princípio básico
    de final de vida útil, no caso de geradores elétricos, é a incapacidade de realização
    da função em que uma pequena reforma não consiga colocá-lo de volta à operação,
    e está ligado diretamente ao seu isolante. Dentre as diversas fontes de degradação
    e perda de funcionalidade deste material isolante podem-se destacar o
    envelhecimento natural do material aplicado, influência de agentes catalizadores
    desta degradação como ciclos de carga, umidade, sujeira, dentre outros. Existem
    vários ensaios inspeções que comumente são executados nos geradores com o
    intuito de avaliar o estado e acompanhar o processo de degradação deste sistema
    isolante, mas muitas das vezes a definição para reformas totais ainda é muito
    superficial. Este trabalho tem como objetivo obter uma correlação entre os
    resultados destes ensaios, experiências com reformas e com falhas dos diversos
    tipos de geradores instalados com a degradação do isolamento e consequente final
    da vida útil do equipamento, a fim de subsidiar as análises econômicas de
    viabilidade de intervenções ou substituição por novos equipamentos.

  • MATHEUS LASMAR PEREIRA
  • Restabelecimento de Redes de Distribuição sob Condição de Falta Permanente através de Sistema Próprio de Sinalização

  • Data: 13/07/2018
  • Mostrar Resumo
  • O restabelecimento de redes rurais em condições de falta permanente impõe algumas
    dificuldades às equipes de atendimento, o que resulta em elevado tempo de indisponibilidade
    do alimentador e deteriora os indicadores de qualidade de serviço. Desprovidas
    de elementos de proteção sofisticados e com um número limitado de religadores, alguns
    defeitos podem causar a desconexão de trechos com elevada extensão territorial, que cortam
    morros, vegetações, e que, de forma geral, impõem dificuldade no acesso e inspeção
    da rede. Essa condição ainda pode ser agravada pela falta de cobertura telefônica, condições
    meteorológicas e horário da ocorrência. Por isso, o presente trabalho propõe um
    novo método de restabelecimento com utilização de um sistema próprio de sinalização de
    falta, capaz de agilizar o processo de atendimento. O sistema é composto por indicadores
    de falta de instalação temporária com módulo de comunicação Xbee, uma central móvel
    para parametrização e operação dos sensores e um software para indicação georreferenciada
    dos dispositivos. O método proposto é aplicado em diferentes alimentadores reais sob
    diferentes condições. Os resultados apontam que a aplicação do mesmo pode reduzir em
    até 60% o tempo de localização do trecho com defeito se comparada com os procedimentos
    atuais. Destacam-se também, como vantagens do método supramencionado, a redução de
    exposição da equipe de atendimento a condições desfavoráveis de trabalho e a diminuição
    de custos hora homem.

  • MARCOS VINÍCIUS DA COSTA
  • Uma Contribuição à Regulamentação das Variações de Tensão de Curta Duração

  • Data: 03/07/2018
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho apresenta um estudo relativo à regulamentação das variações de tensão de curta duração. São abordados os conceitos, os parâmetros e os indicadores propostos na literatura técnica para quantificar tanto a severidade dos eventos quanto o desempenho dos sistemas elétricos. Ademais, são apresentados alguns métodos de classificação, os quais visam extrair informações adicionais a respeito dos eventos registrados, sendo descrito como os tipos de afundamentos de tensão foram estabelecidos com base nos tipos de faltas, considerando a sua propagação através dos transformadores e a forma de conexão das cargas.
    No cenário nacional, houve recentemente grandes avanços no sentido de regulamentação das variações de tensão de curta duração ao ser definida uma metodologia própria para o acompanhamento desses fenômenos nas redes de distribuição, incluindo a criação de um novo indicador denominado Fator de Impacto. No entanto, dado o caráter recente dessa metodologia, é de se esperar que alguns aprimoramentos ainda sejam necessários.
    Neste contexto, este trabalho busca avaliar a adequação desse indicador, a fim de verificar se o mesmo realmente reflete o impacto sofrido pelos consumidores. Dessa forma, é avaliada a sua correlação com o número de desligamentos dos equipamentos, que por sua vez, é estimado utilizando uma abordagem probabilística, a qual leva em conta a incerteza envolvida na análise de sensibilidade das cargas. Além disso, são definidas, de maneira sistemática, novas regiões de sensibilidade e fatores de ponderação para o cálculo do Fator de Impacto, visando obter uma maior correlação com os níveis de sensibilidade de diferentes tipos de equipamentos amplamente utilizados na indústria.

  • MATEUS GABRIEL SANTOS
  • Automação de Bancada de Ensaios de Descargas Parciais em Estatores de Hidrogeradores

  • Data: 03/07/2018
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho é relacionado ao projeto de pesquisa "Proposta de uma abordagem para
    diagnóstico e avaliação de vida útil de geradores" desenvolvido pela UNIFEI (Universidade
    Federal de Itajubá) em parceria com a CEMIG, e apresenta o projeto e desenvolvimento de
    automação de uma bancada de ensaios do Laboratório de Alta Tensão da UNIFEI, para ser
    utilizada em testes de descargas parciais em estatores de hidrogeradores, visando permitir
    a realização de ensaios que simulem o envelhecimento dos estatores com o monitoramento
    da evolução das descargas parciais por toda a duração dos ensaios.
    Diversos equipamentos e dispositivos foram incorporados à bancada para o monitoramento
    e operação automatizada da bancada. A integração dos dispositivos é feita através do uso
    do PI System, um dos mais conceituados softwares de PIMS, que executa a coleta e
    gerenciamento dos dados e um CLP que comanda a operação do ensaio.
    Foram realizados os ensaios de envelhecimento: 1000 horas com tensão aplicada, com
    tensões de 1pu e 2pu, ensaio de ciclos térmicos com tensão aplicada, com as tensões
    de 1pu e 1,25pu e o teste de resistência a tensão. Os resultados são analisados usando
    ferramentas do PI System (PI), e então discutidos.
    A bancada atende aos objetivos propostos possibilitando a realização dos ensaios de forma
    automatizada, com necessidade pequena de interferências de operadores - restrita apenas
    para correção de eventuais falhas que são prontamente identificadas e notificadas à equipe
    através do sistema de monitoramento. Os dados são armazenados pelo PI formando um
    repositório que permite à equipe do projeto realizar análise detalhada dos dados de diferentes
    ensaios.

  • EDITH ANGÉLICA ARCA BOGARÍN PENA
  • Análise da Resposta de Demanda em Microrredes

  • Data: 29/06/2018
  • Mostrar Resumo
  • A grande revolução associada à instalação de redes elétricas inteligentes (smart grids -SG) nos sistemas de distribuição está no fato de colocar o consumidor como um elemento ativo, diferente do que se tem hoje, visto que o consumidor geralmente reage quando falta energia ou quando recebe a conta de energia. As novas tecnologias, como os medidores inteligentes, melhoram a comunicação entre a rede e os consumidores através de aplicativos que chegam inclusive a aparelhos móveis. Portanto, é possível usar os preços como interface para uma melhor gestão dos recursos energéticos por parte do consumidor e consequentemente melhorar o desempenho do sistema de distribuição. Com base nas condições de oferta e demanda, determina-se o preço em tempo real para que dessa maneira o consumidor consiga mudar os hábitos de consumo, contribuindo para a diminuição dos aumentos de preços e sua volatilidade. A demanda pode responder assim, como uma margem de reserva diante da ocorrência de desequilíbrios na oferta.
    Ao considerar o transporte de energia na tarifação tradicional deste serviço de distribuição, utiliza-se como premissa o fluxo de potência indo da subestação através da rede de distribuição até o consumidor final. Com a entrada gradativa da geração distribuída e da microgeração, esta premissa vai sendo invalidada necessitando assim, de um método de tarifação dinâmico. Entre estes métodos estão os utilizados na transmissão, que já vêm sendo adaptados à distribuição. Portanto, além do mercado varejista que precifica o valor da energia e da capacidade de geração, é necessária uma tarifa para os serviços de transporte que acompanhe a evolução da rede. Como exemplo, a entrada de geradores distribuídos dentro do sistema de distribuição existente, necessita de sinais de localização para orientar os seus tamanhos e locais. Este trabalho apresenta o Preço Marginal de Localização para a Distribuição - DLMP, como uma alternativa em plataforma multiagente. O DLMP proposto, emprega uma metodologia de fluxo de potência ótimo (OPF), determinando cada nó do sistema de distribuição para avaliar o componente marginal da energia de capacidade e transporte para os geradores renováveis inseridos na rede de distribuição. Neste contexto, as componentes de congestionamento e perda são introduzidas a cada hora de utilização. É também ilustrado que o DLMP pode ser usado como sinal de preços para atingir o máximo excedente socioeconômico do sistema; neste caso consiste da soma de duas componentes, custo marginal de energia (MEC) e custo marginal de congestionamento (MCC).
    A introdução dos sinais locacionais na tarifa foram testados em quatro casos piloto. Os resultados mostram que a utilização de mecanismos de resposta da demanda (RD), tornaria o sistema mais flexível contra congestionamentos e aumentos de carga, podendo ser útil para induzir os consumidores a reduzirem as cargas em momentos de escassez ou elevá-las em momentos de maior disponibilidade dos recursos distribuídos.

  • FRANCISCA LANAI RIBEIRO TORRES
  • Modelagem de Livre Mercado com Negociação Multilateral entre Agentes em Sistemas de Geração Hidrotérmicos

  • Data: 29/06/2018
  • Mostrar Resumo
  • Nas últimas décadas, tem-se verificado uma mudança de paradigma no modo como é feita a comercialização de energia elétrica em vários países. Os setores eletro-energéticos reestruturados, ou que ainda estão passando por esse processo, seguem uma clara tendência de liberalização em que o Estado, faseadamente, abre mão do controle sobre os agentes produtores e consumidores a fim de que eles se tornem mais independentes e possam participar ativamente de ambientes de comercialização de energia. Apesar das diferenças estruturais e regulatórias, observa-se um padrão em grande parte dos casos de mercados reestruturados: a existência de um mercado a curto prazo do tipo Loose-Pool, em que os agentes detentores de usinas ofertam o par preço/quantidade a um operador de mercado, que, por seguinte, efetua a liquidação das ofertas e demandas com base no preço marginal locacional. Em países como o Brasil, a implantação de um mercado do tipo Loose-Pool não seria uma tarefa fácil, pois há características, inerentes as suas matrizes elétricas fundamentadas em energia renovável, que, ao serem exploradas por agentes naturalmente favorecidos, poderiam originar externalidades negativas e até mesmo desotimizar a operação do sistema. Neste contexto, destaca-se a dependência operativa de Usinas Hidrelétricas (UHEs) no final de cascata com relação às UHEs a montante além da não despachabilidade de Usinas de Energia Eólica (UEEs) e Usinas Fotovoltaicas (UFVs). No primeiro caso, observa-se que a dependência operativa de UHEs pode distanciar o sistema da operação ótima, pois as firmas detentoras das UHEs situadas na cabeceira das cascatas detêm o poder de controlar parte da matéria prima “água” que aflui aos reservatórios das UHEs a jusante, influenciando, assim, na disponibilidade de água e no volume de seus reservatórios. Idealmente, o melhor aproveitamento dos recursos hídricos ocorre quando as usinas situadas no final de cascatas operam com o nível dos seus respectivos reservatórios próximo ao máximo. Neste caso, as usinas a montante devem defluir quantidade de água suficiente para que, em conjunção com a contribuição da precipitação, seja possível manter o nível das usinas a jusante. Entretanto, no mercado Loose-Pool, essa condição pode não ser respeitada, já que o despacho das usinas se dá por ordem de mérito baseado nas ofertas de cada um dos agentes que, individualmente, buscam a maximização do benefício próprio sem levar em consideração a operação ótima de todo o sistema. A fim de aprofundar as questões apresentadas, esta dissertação propõe um Problema de Equilíbrio com Restrições de Equilíbrio (EPEC) para a análise do comportamento estratégico de produtores que atuam em sistemas hidrotérmicos com UHEs em cascata. Tendo em vista que o regime de mercado Loose-Pool expõe os agentes detentores de UHEs à externalidades negativas, é avaliado, também, um mecanismo de mercado fundamentado no Teorema de Coase, que permita a negociação multilateral, no qual todos os produtores atuantes em uma cascata possam firmar acordos de operação com o intuito de eficientizar o processo de geração e, consequentemente, maximizar seu payoff. Esse processo de negociação multilateral entre as partes é modelado por meio do Jogo de Barganha de Nash, que admite como entrada os resultados do Loose-Pool. A partir da aplicação dos dois modelos descritos em um sistema teste, foram obtidos resultados que apontam uma preferência por parte dos agentes controladores das UHEs em agir estrategicamente por meio do preço, através de ofertas mais caras que conduzem o operador do mercado a aumentar o despacho de UTEs e elevar o preço da energia. Para o caso das cascatas, o Modelo de Barganha Multilateral de Nash mostrou que se houverem incentivos suficientes, os agentes controladores de usinas espacialmente acopladas podem chegar a acordos economicamente benéficos que conduzem a uma aproximação entre os resultados do Loose-Pool pós-barganha e o Tight-Pool.

  • CAROLINA CORTEZ
  • DESENVOLVIMENTO DO MODELO ECONÔMICO TAROT ESTOCÁSTICO PARA ANÁLISE ECONÔMICA DE UMA DISTRIBUIDORA DE ENERGIA ELÉTRICA REGULADA

  • Data: 22/06/2018
  • Mostrar Resumo
  • Ao longo da história, é possível avaliar como a economia e os fatores climá- ticos tiveram impacto no setor energético e, consequentemente, afetaram o con- sumidor final, seja por meio da variação no valor da tarifa, ou quando da necessi- dade de implantação de campanhas de racionamento do consumo de energia elé- trica. A fim de compreender melhor essa dinâmica foi proposto nesta dissertação a inserção da análise de risco no modelo TAROT® (Tarifa Otimizada) utilizado na avaliação econômica das empresas de distribuição reguladas pela ANEEL. Por meio da simulação e análise dos possíveis cenários, o modelo avalia de forma es- tocástica os impactos econômicos decorrentes da variação da receita e dos custos operacionais devido às incertezas da atividade. Além disso foi feito uma simulação utilizando dados reais das empresas nacionais de distribuição de energia elétrica para avaliação do risco econômico do setor. Utilizando teorias econômicas tais como: binômio risco-retorno no plano de Markowitz e expectativa da Utilidade de John Von Neumann e Oskar Morgenstern, a simulação resultou na comparação do desempenho das empresas levando em consideração o risco e o retorno das mesmas.

  • RAFAEL FARIA DA SILVA
  • Análise de Metodologia de Cálculo de Esforços Estáticos e Dinâmicos para Dimensionamento de Estruturas de Subestações Isoladas a Ar com Barramentos Flexíveis

  • Data: 15/06/2018
  • Mostrar Resumo
  • Esse trabalho tem como principal objetivo compilar, em um único documento, as informações necessárias para a análise de esforços estáticos e dinâmicos em estruturas de suporte de subestações isoladas a ar com barramentos flexíveis. Os detalhes da aplicação das normas brasileiras utilizadas para consideração da ação dos ventos nos condutores e nas cadeias de isoladores são apresentados bem como toda a metodologia exposta na norma internacional para considerações acerca dos efeitos das correntes de curto-circuito nos condutores. O resultado de uma pesquisa junto a concessionárias, fabricantes, consultorias e projetistas brasileiras mostrou que não existe um consenso com relação à aplicação das normas e da consideração dos esforços dinâmicos para o dimensionamento das estruturas de suporte: esse fato foi essencial para a continuidade do desenvolvimento do trabalho. Um exemplo real, com todas as etapas de cálculo para o dimensionamento de uma estrutura de uma subestação isolada a ar, no qual calculam-se os esforços estáticos e dinâmicos considerando ambas as normas para a ação dos ventos nos condutores e cadeias de isoladores, é apresentado. Apresenta-se também um cálculo adicional considerando o efeito simultâneo de ventos e curto-circuito. Na última seção do trabalho é apresentada uma análise de sensibilidade para variação de diversos parâmetros utilizados nas metodologias de cálculo estudadas e apresentadas ao longo do texto. Observou-se, através do acesso a diversas memórias de cálculo de empresas nacionais e internacionais, que, em muitos dos casos, as normas são aplicadas de forma equivocada ou as metodologias contém erros graves de conceito ou cálculo. Ressalta-se que a forma de considerar os esforços dinâmicos para o dimensionamento ainda está em discussão, apesar de existir metodologia em norma para sua determinação numérica. Desta forma, este trabalho busca ser um guia para o dimensionamento de estruturas de subestações isoladas a ar com barramentos flexíveis, tanto com relação aos esforços estáticos quanto com relação aos esforços dinâmicos

  • JOAO PAULO REUS RODRIGUES LEITE
  • Classi cac~ao Automatica de Batidas Cardacas Utilizando Parametros de Hjorth

  • Data: 07/06/2018
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho apresenta metodos para processamento de sinais de eletrocardiograma
    (ECG), visando realizar a classi cac~ao automatica de batidas cardacas com bom desempenho
    e baixo custo computacional. Em especial, uma nova abordagem para a extrac~ao
    de caractersticas e apresentada, na qual o sinal de ECG e caracterizado por valores de
    intervalos entre batidas (intervalos R-R), dados de amplitude do sinal e, principalmente,
    par^ametros de Hjorth. Os par^ametros de Hjorth foram utilizados anteriormente em uma
    variedade de areas de pesquisa, especialmente para caracterizac~ao de sinais cerebrais, mas
    sua aplicac~ao no processamento de sinal de ECG e ainda pouco explorada.
    Alem disso, este trabalho introduz uma nova estrategia para a soluc~ao do problema
    de segmentac~ao de batidas cardacas, que evita que informac~oes de batidas adjacentes a
    batida de interesse sejam levadas em considerac~ao, aumentando o desempenho de classi -
    cac~ao. Para o teste das tecnicas propostas, utilizou-se o banco de dados norte-americano
    MIT-BIH de arritmias e classi cadores do tipo maquina de vetor de suporte (SVM). Recomenda
    c~oes da Associac~ao para o Avanco da Instrumentac~ao Medica (AAMI) foram
    seguidas, de modo que o trabalho pudesse ser comparado a outros trabalhos importantes
    recentes.
    O modelo proposto apresenta ndices de desempenho compatveis ou superiores a cinco
    outros trabalhos de metodologia semelhante utilizados para comparac~ao, que comp~oem
    o estado da arte nesse campo. Os resultados obtidos nos testes indicam que as tecnicas
    propostas neste trabalho podem ser aplicadas com sucesso ao problema da classi cac~ao
    automatica do batimento cardaco. Alem disso, esta nova abordagem tem baixo custo
    computacional, o que permite sua posterior implementac~ao em dispositivos de hardware
    com recursos limitados, como FPGA, sistemas embarcados e circuitos integrados.

  • MARCOS VINICIUS SANTOS
  • Um Controle Secundário de Tensão em Sistemas de Transmissão com Presença de Fontes Intermitentes de Energia em Larga Escala

  • Data: 18/05/2018
  • Mostrar Resumo
  • Diante do atual cenário de preocupação quanto às consequências ambientais severas da exploração desenfreada de energia proveniente de fontes de origem fóssil e, também, do eventual esgotamento das reservas conhecidas, a busca pela utilização de fontes de energia renovável tem ganhado grande atenção em âmbito global.
    A integração cada vez maior de fontes de energia renovável, em particular as com característica intermitente, sinalizam para uma eventual mudança de paradigma na operação do sistema elétrico de potência. Sob o aspecto do controle de tensão, a presença destas fontes insere uma maior capacidade de suporte de potência reativa ao sistema, porém eleva a diversidade e complexidade dos cenários operativos ao qual o sistema pode se submeter.
    No que diz respeito ao problema de controle de tensão e potência reativa, os sistemas elétricos de potência são dotados de níveis hierárquicos de controle. Destes níveis, o Controle Secundário de Tensão é responsável pelo gerenciamento das reservas de potência reativa do sistema elétrico. Este controle é comumente realizado através de ações manuais realizadas por um operador do sistema baseado em normas e manuais de operação e, também, na própria experiência do operador.
    Neste contexto, o presente trabalho busca avaliar a aplicação de um Controle Secundário de Tensão em sistemas elétricos com alta penetração de Geração Eólica em nível de transmissão. Em um primeiro momento discute-se o efeito sistêmico da inserção de fonte eólica na rede elétrica, no controle secundário de tensão e na identificação de áreas e subáreas de controle de tensão. Na sequência, avaliar-se-á a possibilidade de integração desta fonte na malha do Controle Coordenado de Tensão. Para tanto, uma plataforma de simulação dinâmica e análise estática de sistemas elétricos foi desenvolvida em MATLAB®, permitindo avaliar o comportamento do sistema diante do cenário discutido.

  • GUILHERME PEDRO AQUINO
  • Sistema de Sensoriamento Cooperativo Eficiente

  • Data: 10/05/2018
  • Mostrar Resumo
  • O conceito de rádio cognitivo (CR – Cognitive Radio) surgiu com o propósito de mitigar
    os problemas de escassez e subutilização do espectro de frequência nas redes sem fio de
    telecomunicações. Basicamente, por meio do sensoriamento espectral, o CR explora de
    forma oportunista alguma banda que não esteja sendo usada em dado momento pelo sistema
    que detém sua licença de uso, conhecido por usuário primário (PU – Primary User).
    O desempenho do sensoriamento espectral pode ser prejudicado devido às imperfeições
    do ambiente de propagação das ondas eletromagnéticas tais como ruído, desvanecimento,
    sombreamento e perda por propagação. Uma forma de mitigação destes problemas é o
    uso do sensoriamento espectral cooperativo (CSS – Cooperative Spectrum Sensing). O CSS
    compreende uma rede formada por vários CRs, espacialmente distribuídos, que realizam
    de forma individual o sensoriamento local sobre a atividade do transmissor primário. No
    caso especial de uma rede CSS com fusão centralizada de decisões locais distribuídas,
    existe um centro de fusão que recebe as decisões locais de todos os CRs e toma uma decisão
    global baseada em alguma técnica de fusão de decisões. Nesse caso, o CSS tradicional
    utiliza técnicas de múltiplo acesso ortogonais para oferecer canais de controle dedicados
    aos CRs para transmitirem suas decisões locais ao centro de fusão. No entanto, esta abordagem
    requer uma grande quantidade de recursos de transmissão no canal de controle, o
    que diverge de uma das premissas do CR que é a eficiência espectral.
    O objetivo deste trabalho é propor um esquema de sensoriamento espectral cooperativo
    com alta eficiência espectral e energética. A eficiência espectral é atingida por meio da
    utilização de um método de transmissão não-ortogonal no qual todos os CRs da rede
    cooperativa transmitem suas decisões locais ao centro de fusão ao mesmo tempo e na
    mesma frequência. A eficiência energética é conseguida por meio da utilização das técnicas
    de pré-compensação das decisões locais e censura dos CRs que não detectaram a
    presença do sinal do usuário primário. Expressões matemáticas para cômputo das principais
    métricas de desempenho de sensoriamento espectral são desenvolvidas e validadas
    por meio de simulações computacionais. Também é feita uma análise extensiva sobre a
    eficiência energética do esquema proposto, bem como comparações com esquemas propostos
    na literatura. Além de propor um novo esquema de CSS, este trabalho também traz
    um compêndio de novas propostas de esquemas eficientes que são abordagens no estado
    da arte em sensoriamento espectral cooperativo.

  • MILTON RAFAEL DA SILVA
  • Modelagem de um Ataque Cibernético em um Ambiente IEC 61850 usando Redes de Petri Coloridas

  • Data: 06/04/2018
  • Mostrar Resumo
  • No padrão IEC 61850, define-se a transmissão dos pacotes de mensagens Sampled Values
    (SV) no processamento da comunicação, que são valores amostrados de medidas elétricas,
    e estas mensagens são realmente importantes e críticas na automação de sistemas de
    potência. Com relação à análise de segurança das redes de comunicação, uma ferramenta
    muito útil são as Redes de Petri Coloridas (CPNs), porque elas modelam processos assíncronos
    e concorrentes, o que caracteriza o funcionamento das redes de comunicação, além
    de permitir a análise de atrasos em sistemas temporizados.
    Assim, com base neste contexto e sabendo-se que o valor correto das medidas dos valores
    amostrados (Sampled Values) é realmente crítico na transmissão de mensagens no contexto
    IEC 61850, para que atue corretamente a automação dos sistemas elétricos de potência,
    modela-se em três cenários IEC 61850 um ataque cibernético usando as CPNs, que visa
    modificar os dados a serem transmitidos antes de serem empacotados como uma mensagem
    SV, o que é realmente crítico para a operação do sistema.
    Além disso, modela-se uma classificação para os pacotes de mensagens enviados, para que
    seja possível determinar quais pacotes foram atacados pelo ataque cibernético, ou quais
    pacotes não foram corretamente enviados ao seu destino final. Os resultados correspondem
    ao ataque cibernético modelado, mostrando a eficácia do método de modelagem proposto.
    Por fim, são sugeridas algumas técnicas de mitigação deste tipo de ataque cibernético.

  • ADRIANO HENRIQUE ROSSETTE LEITE
  • Um framework para o Desenvolvimento de Arquiteturas para Alocação de Tarefas em Sistema Multirrobô

  • Data: 16/03/2018
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho apresenta um framework cujo propósito é facilitar o desenvolvimento de
    arquiteturas de alocação de tarefas em sistema multirrobô. O framework proposto é denominado
    TAlMech, acrônimo para Task Allocation Mechanisms, pois este encapsula mecanismos
    que são utilizados por arquiteturas baseadas em comportamento e negociação
    para alocar tarefas aos robôs de um sistema. Para isso, é feito um estudo sobre os frameworks
    utilizados em aplicações de robótica, as características presentes em um sistema
    multirrobô (MRS) e o problema de alocação de tarefas em sistemas de múltiplos robôs
    (MRTA). Além disso, as arquiteturas que resolvem problemas desta natureza são revisadas
    abordando as características de arquiteturas baseadas em comportamento, em negociação
    e em métodos de otimização. Enfim, é apresentado o funcionamento de algumas arquiteturas
    de comportamento e de negociação. A formulação do framework TAlMech foi realizada
    a partir de uma comparação entre as arquiteturas revisadas. Cinco ensaios foram executados
    para testar os mecanismos do framework TAlMech. Em um dos ensaios, o framework
    foi configurado para funcionar como uma aproximação da arquitetura Murdoch. A arquitetura
    ALLIANCE foi desenvolvida a partir do TAlMech e testada em outro ensaio.
    Os resultados mostraram que o framework TAlMech pode ser configurado e estendido
    para simplificar o desenvolvimento de arquiteturas de alocação de tarefa em sistemas com
    múltiplos robôs.

  • LUCAS RAMALHO DE LIMA
  • Avaliação da criticidade estática e dinâmica de subestações em sistemas elétricos de potência

  • Data: 16/03/2018
  • Mostrar Resumo
  • Esta Tese de Doutorado apresenta novas metodologias para classificar nós e subestações baseadas nos desempenhos estático e dinâmico (estabilidade transitória) em sistemas elétricos de potência. A abordagem é capaz de oferecer um ranking de nós (i.e., barras) ou subestações, pelo qual os planejadores e operadores do sistema identificam as instalações mais propensas a receber novos reforços (i.e., investimentos).
    Do ponto de vista estático, a avaliação da criticidade nodal é baseada na análise de todas as contingências “N-1” e “N-2” possíveis com suas respectivas probabilidades de ocorrência, considerando apenas equipamentos diretamente conectados à barra. Este processo é repetido para todos os nós. O corte de carga obtido pelo fluxo de potência ótimo e as probabilidades dos eventos são usadas como base para o cálculo do indicador estático de cada nó do sistema.  
    Do ponto de vista dinâmico (i.e., estabilidade transitória), os nós são classificados baseados em índices de estabilidade, que medem os impactos de eventos (i.e., curtos-circuitos) monofásico e trifásico envolvendo contingências simples de equipamentos conectados a um determinado nó do sistema, focando-se em uma abordagem que melhora a consistência e a precisão do método SIME (Single Machine Equivalent). Os impactos destes eventos são devidamente ponderados por probabilidades.
    A avaliação da criticidade nodal é também estendida para subestações, consistindo basicamente em identificar os elementos de transmissão e nós que compõem uma subestação, através de um algoritmo topológico de rede, e como a falha destes é combinada no cálculo dos indicadores estático e dinâmico, para a classificação do desempenho das subestações do sistema. Com o auxílio desta metodologia, Esquemas de Proteção de Sistemas (EPS) são implementados afim de melhorar a estabilidade da rede. Diversas aplicações em sistemas testes são realizadas para confirmar a criticidade das instalações das redes. Por último, conclusões são estabelecidas e propostas para trabalhos futuros são incluídas.

  • RODOLPHO LOPES LIMA
  • METODOLOGIA PARA TARIFAÇÃO DE SISTEMAS DE TRANSMISSÃO CONSIDERANDO CONTINGÊNCIAS NA
    REDE ELÉTRICA

  • Data: 09/03/2018
  • Mostrar Resumo
  • Esta dissertação propõe uma nova metodologia para alocação de custos de sistemas de transmissão,
    considerando contingências nos equipamentos de geração e transmissão. Inicialmente,
    é apresentado um algoritmo que permite decompor o custo total da transmissão em duas parcelas.
    A primeira corresponde ao custo da capacidade efetivamente utilizada da rede, estimada
    em um ponto de operação previamente especificado. A segunda parcela corresponde ao custo
    da capacidade não utilizada do sistema de transmissão, que se deve a investimentos em reforços
    e ampliações da rede para o atendimento de solicitações de carga e geração previstas para
    um horizonte futuro. A alocação da primeira parcela é feita a partir de um método marginal,
    capaz de considerar a localização dos geradores e cargas na rede, i.e., se eletricamente mais
    próximos ou distantes dos centros de consumo e produção de energia. A segunda parcela é
    alocada através de selo postal, levando em conta apenas a magnitude da injeção de potência
    de cada gerador e carga.
    A principal contribuição desta dissertação consiste na inserção do algoritmo de alocação de
    custos de transmissão em um ambiente de simulação Monte Carlo não sequencial, para permitir
    a análise de diversos cenários operativos com contingências de geradores, linhas de transmissão
    e transformadores. Isto possibilita a determinação de uma tarifa média para cada gerador
    e carga, que contempla as diferentes (e possíveis) formas de utilização da rede, visando a
    uma alocação de custos de transmissão imparcial e coerente com a operação dos sistemas elétricos
    de potência.
    A metodologia proposta, implementada em plataforma Matlab, é aplicada ao IEEE Reliability
    Test System. Diversos exemplos numéricos são realizados para identificar os fatores mais influentes
    sobre as tarifas e custos do sistema de transmissão, bem como a coerência da sinalização
    econômica provida pelas tarifas médias.

  • GUILHERME DOMINGUES DE CERQUEIRA
  • MODELAGEM DINÂMICA NÃO LINEAR DE TURBINA FRANCIS A PARTIR DE DADOS DE ENSAIO DE MODELO REDUZIDO

  • Data: 05/03/2018
  • Mostrar Resumo
  • Esta dissertação descreve a modelagem computacional de turbina hidráulica do tipo
    Francis para estudos de transitórios eletromecânicos a partir de informações obtidas nos ensaios
    de modelo reduzido. Esse modelo, que é mais completo e bastante não linear, é tão útil quanto
    maior for a variação do nível da água na barragem, como por exemplo, nas usinas a fio d’água.
    Os modelos computacionais são construídos no programa de Análise de Transitórios
    Eletromecânicos, ANATEM, do CEPEL.
    A UHE Furnas foi escolhida para ser modelada, e as simulações são realizadas na rede
    completa da base de dados de fevereiro de 2016 do Operador Nacional do Sistema Elétrico
    (ONS). Os resultados das simulações são validados através de registros oscilográficos obtidos
    durantes os ensaios de comissionamento da modernização dessa usina.
    Inicialmente é feita uma abordagem baseada no projeto da UHE Itaipu, onde foi realizada
    primeiramente esta modelagem mais completa de turbina a partir de conhecimento obtido em
    ensaio de modelo reduzido.
    Nesta dissertação é realizado o desenvolvimento matemático da origem dos modelos de
    turbina no domínio de Laplace, assim como a modelagem da influência do circuito hidráulico no
    fenômeno de regulação de velocidade e potência do grupo gerador.
    A título de comparação, são analisados os mesmos casos de simulação com modelo mais
    simplificado de turbina e conduto forçado, conhecido como HYGOV-PTI.
    A modelagem dos demais componentes como a rede elétrica, o gerador, o regulador de
    tensão e o regulador de velocidade baseiam-se nas informações fornecidas pelos fabricantes, e
    foram previamente consolidados pelas oscilografias dos ensaios de aprovação em fábrica e
    ensaios de comissionamento na usina.

  • FRANCISCO MARTINS PORTELINHA JUNIOR
  • Análise da Interoperabilidade de Sistemas de Comunicações Móveis na Operação e Controle Resiliente de Microrredes.

  • Data: 02/03/2018
  • Mostrar Resumo
  • O grau de inteligência atribuído a um sistema elétrico é diretamente proporcional à quantidade
    de informações coletadas através de seus sensores em tempo real, atuando através
    de uma integração da rede elétrica com as redes de comunicações de forma robusta, confiável
    e flexível. A modernização do sistema passa por várias etapas, desde a integração de
    sistemas de energia distribuídos, sistemas de armazenamento, à operação desconectada.
    Neste contexto, as microrredes, com as suas próprias unidades de geração de energia e
    cargas controladas, podendo trabalhar ilhadas ou conectadas à rede de energia principal,
    são consideradas essenciais para o desenvolvimento da próxima geração do sistema elétrico.
    A operação em modo ilhado, durante algum evento de falha ou desastre natural,
    permite que o sistema opere em cenários adversos, tais como falta de energia na rede
    principal, fornecimento de energia independente do sistema principal nos horários de pico
    devido a preços elevados de energia e, principalmente, para o fornecimento de energia
    em áreas remotas. No entanto, a operação de microrredes em modo ilhado requer uma
    maior atenção devido ao risco de interrupção, pois a capacidade de geração de energia
    é limitada. Consequentemente, as microrredes devem ser dotadas de sistemas capazes de
    gerir e controlar todas as fontes de recursos energéticos, a fim de manter o fornecimento
    de energia o maior tempo possível para os usuários conectados a microrredes. Essa gestão
    de energia é uma tarefa complicada e ambiciosa e exige a integração com um sistema de
    comunicação altamente robusto e confiável. Comunicações sem fio são flexíveis, escalonáveis
    e cobrem todos os requisitos necessários para suprir as necessidades das futuras
    aplicações inteligentes. A rede elétrica inteligente pode ser considerada como uma grande
    rede de sensores conectados, gerando um elevado número de informações, com várias máquinas
    trocando informações, com uma grande variedade de dispositivos conectados para
    controle e monitoramento do sistema. Todavia, a investigação e análise desta grande rede
    de sensores na operação resiliente do sistema de energia se faz necessária. Novas metodologias
    de controle e gestão de energia devem ser investigadas, bem como a influência e
    restrição de tecnologias de comunicação para prover conectividade ao sistema. Tendo em
    vista esta complexa integração, faz-se necessária uma análise precisa dos requisitos e parâmetros
    essenciais para o funcionamento de redes de comunicações aplicadas a sistemas
    operando em modo ilhado. Neste trabalho, são propostas metodologias para a gestão e
    controle de energia da microrrede com uma infraestrutura de comunicação robusta para
    maximizar e otimizar a operação em modo ilhado. Para amenizar a influência do consumo
    de cargas de comunicação durante o ilhamento, regras de controle são criadas para
    otimizar a resiliência, bem como fornecer energia pelo maior tempo possível. A análise
    do impacto do grande número de dispositivos conectados e as restrições impostas pelas
    diferentes tecnologias são analisadas, assim como regras de gestão de troca de mensagens
    entre dispositivos com o objetivo de prover a maior robustez ao sistema. O intuito deste
    trabalho é contribuir com o estudo da operação otimizada de microrredes.

  • GIULIA OLIVEIRA SANTOS MEDEIROS
  • ANÁLISE DE DESEMPENHO DE EMPRESAS DE DISTRIBUIÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA UTILIZANDO DEA E REA

  • Data: 22/02/2018
  • Mostrar Resumo
  • O setor de distribuição de energia elétrica no Brasil apresenta características de monopólio natural e, portanto, necessita de forte regulamentação econômica. O mecanismo adotado para regulamentação tarifária é a Revisão Tarifária Periódica (RTP), realizada pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL). A RTP tem o papel de garantir que a energia elétrica seja fornecida com qualidade aos consumidores e que os investimentos e os custos operacionais sejam compatíveis para que se tenham tarifas justas tanto para o concessionário como para o cliente. Este trabalho foca em um dos desafios do processo de RTP que é a determinação dos custos operacionais eficientes das concessionárias de distribuição, mais especificamente, na análise de eficiência das distribuidoras. O documento traz uma visão geral do terceiro e quarto ciclo de RTP no Brasil bem como a experiência internacional acerca do tema. Como base metodológicas, o trabalho faz uso de duas técnicas de benchmarking: o Data Envelopment Analysis (DEA) e o Ratio-based Efficiency Analysis (REA). O DEA é a metodologia vigente, baseada no conceito de fronteira de eficiência, adotada pela ANEEL para a análise de eficiência das distribuidoras. O REA é apresentado como uma alternativa de metodologia a ser aplicada ao setor. Ele é baseado não somente no conceito de fronteira de eficiência, mas também na comparação aos pares e eficiências relativas, trazendo, portanto, uma maior riqueza à análise. O REA faz uma avaliação da homogeneidade dos conjuntos e, como as características das áreas de concessão das distribuidoras brasileiro são bem heterogêneas, a aplicação do REA pode auxiliar, por exemplo, no estabelecimento das restrições de limites aos pesos. Os limites aos pesos vêm sendo aplicado na regulação da transmissão desde o 3º CRTP e foi adicionado ao segmento da distribuição no 4º CRTP na tentativa de homogeneizar a amostra de distribuidoras. Esta limitação aos pesos gerou questionamentos, pois a forma como os mesmos foram estabelecidos não foi divulgada pela ANEEL. Este trabalho faz uma avaliação do impacto da utilização destes limites e sua aderência ao modelo brasileiro, considerando a base de dados do 4º CRTP.

  • JORGE AUGUSTO COSTA JUNIOR
  • Um filtro Gm-C notch CMOS de baixa potência para alta rejeição de ruídos da rede elétrica para EEG com seletor de frequência de corte

  • Data: 16/02/2018
  • Mostrar Resumo
  • Sistemas de aquisição e processamento de sinais exigem constante desenvolvimento e pesquisa com o avanço da tecnologia, a fim de diminuir área e consumo de energia dos circuitos. O filtro, elemento essencial em sistemas de aquisição e processamento, deve ser capaz de atenuar sinais indesejados e permitir a passagem livre dos sinais de interesse, com um cuidado ainda maior quando se trata de aplicações médicas. Neste trabalho, é proposto um filtro CMOS notch elíptico G𝑚-C de 5𝑎 ordem para rejeição de ruídos provenientes da rede elétrica em aplicações de eletroencefalograma. O circuito é desenvolvido em tecnologia CMOS 130 nm, alimentado por uma fonte de 1,0 V, e possui um circuito de capacitância programável capaz de chavear entre eliminar ruídos de 50 ou 60 Hz. Foram realizadas simulações no ambiente CADENCE (Virtuoso Analog Design Environment LEditing), apresentando atenuação superior a 90 dB para as frequências de interesse, consumo abaixo de 600 nW e área de 879,2 𝜇m2, mostrando que o circuito é capaz de filtrar os ruídos dos sinais de EEG, além de operar com baixa potência, permitindo utilização em aplicações portáteis.
  • RAFAEL GABRIEL OLIVEIRA
  • Projeto, Modelagem e Implementação de um Carga Resistiva Controlável para Aplicação em Corrente Alternada

  • Data: 26/01/2018
  • Mostrar Resumo
  • O objetivo deste trabalho é realizar o projeto e a construção de um protótipo de carga resistiva série controlável para ser usada com equipamentos geradores de tensão alternada. Este protótipo possui um microcontrolador para o controle digital das diferentes combinações de carga. A carga resistiva série é composta por oito elementos resistivos, cujos valores têm pesos binários. Esta configuração fornece 255 opções de resistências equivalentes. A alteração da resistência equivalente é realizada na passagem por zero dispensando a utilização de filtros para os harmônicos de corrente. A modelagem desta carga é apresentada para desenvolvimento de avaliações analíticas e são confrontados os resultados obtidos a partir de simulações elétricas no software LTSpice. Validados estes resultados, são apresentados o desenvolvimento do projeto e a confecção do protótipo para aquisição de resultados experimentais. Os resultados obtidos experimentalmente são utilizados para mostrar e avaliar o comportamento da carga em diferentes situações comprovando seu funcionamento.

2017
Descrição
  • LIGIA CINTRA PEREIRA
  • ANÁLISE DE POLÍTICAS PÚBLICAS DE INCENTIVO ÀS
    FONTES DE ENERGIA RENOVÁVEIS ATRAVÉS DE UM
    MODELO ECONÔMICO DO MERCADO ELÉTRICO

  • Data: 18/12/2017
  • Mostrar Resumo
  • O interesse do consumidor em gerar a própria energia tem crescido em todo o
    mundo, e apesar de alguns estímulos à inserção de fontes renováveis de energia no
    Brasil terem sido realizados, ainda não foram suficientes para disseminar essas fontes, principalmente no nível da microgeração. Dessa maneira, esta dissertação tem
    como objetivo apresentar e discutir os principais conceitos relativos à aplicação de
    políticas públicas de incentivo às fontes de energia renováveis, com foco na micro e
    minigeração distribuída, através de um modelo econômico do mercado elétrico. O
    modelo escolhido foi o modelo TAROT – Tarifação Otimizada, que é capaz de exprimir, de maneira simples e fiel, a interação dos agentes prestadores do serviço elé-
    trico com aqueles que o contratam. A fim de consolidar todo o conteúdo apresentado
    e ilustrar a aplicação do modelo TAROT, é desenvolvida uma modelagem aplicada
    a diversos cenários no qual a inserção de uma política pública, a criação da Tarifa
    Branca, pode ser analisada. Como resultado, pode-se estabelecer uma conexão entre o tipo de consumidor e a melhor política de incentivo a ser adotada, avaliando a
    sua capacidade de promover bem-estar socioeconômico e incentivando a utilização
    de fontes renováveis de energia na micro e minigeração em diversos cenários.

  • ARIMATÉA ARAÚJO NUNES
  • CONTRIBUIÇÃO PARA A ADAPTAÇÃO DA COORDENAÇÃO DE ISOLAMENTO DE SISTEMAS SOLIDAMENTE ATERRADOS PARA A UTILIZAÇÃO PLENA DA BOBINA DE PETERSEN

  • Data: 15/12/2017
  • Mostrar Resumo
  • O aterramento por meio de bobina ressonante é uma técnica amplamente utilizada pelas concessionárias de energia elétrica de diversos países europeus. Entretanto, esta é uma tecnologia recente no Brasil. Este tipo de aterramento traz inúmeros benefícios para a rede elétrica, em especial a continuidade do fornecimento mesmo sob falta monofásica e a minimização das correntes de falta. Isto se traduz em melhoria dos índices de qualidade das concessionárias e redução dos riscos materiais e pessoais. Este trabalho apresenta o processo inicial de implantação da bobina ressonante, bem como as adaptações que ocorreram em uma subestação da AES Sul, pioneira no Brasil neste tipo de aterramento em subestações. Esta implantação inicial partiu de sistema solidamente aterrado para um sistema com aterramento ressonante com atuação por 15 segundos durante uma falta monofásica. Em um segundo momento, realizou-se a adaptação para o sistema com aterramento ressonante com atuação por 8 horas ininterruptas sob a mesma condição de defeito. Desta maneira, partindo do conceito a respeito do sistema de aterramento ressonante, são mostrados os modos de operação possíveis de serem utilizados, os benefícios obtidos e as dificuldades encontradas, principalmente relacionadas à coordenação de isolamento durante as adaptações mencionadas. Ainda, foi desenvolvido um método alternativo para redução de custos para a substituição dos para-raios instalados no sistema, devido ao redimensionamento da coordenação de isolamento, apresentando-se uma solução viável técnica e economicamente. Por fim, é possível verificar que os benefícios trazidos por este sistema superam as dificuldades e custos inerentes a sua implementação. Este seria o primeiro passo para uma mudança positiva na concepção do aterramento em subestações no Brasil.

  • GENIVAL ALVES DOS ANJOS FILHO
  • Desenvolvimento de um Sistema de Controle de Posição Utilizando a Abordagem de Conjuntos Aproximados

  • Data: 15/12/2017
  • Mostrar Resumo
  • Este projeto de pesquisa apresenta o estudo e desenvolvimento de controladores utilizando os conceitos dos conjuntos aproximados (rough sets) para serem aplicados em um sistema de controle de posição utilizando o motor CC. A Teoria dos Conjuntos Aproximados é uma ferramenta matemática desenvolvida no início da década de 80, e possibilita a obtenção de um conjunto de regras com base no conhecimento sobre determinado sistema. Esse conceito é propício para situações práticas, devido a possibilidade da sua aplicação em dados que contenham incertezas ou imprecisões.  Uma das contribuições refere ao desenvolvimento de estruturas de controle simplificadas de modelos baseado em regras, também denominado controladores aproximados. A inteligência desses sistemas é representada pela capacidade de classificar determinadas condições nas quais são submetidos para tomada de decisões adequadas. São apresentadas duas abordagens para o desenvolvimento do controlador aproximado, resultando em duas estruturas diferentes. Em ambos os casos, buscou-se pelo menor tempo de processamento e por condições estáveis para o sistema. Para demonstrar a viabilidade da abordagem proposta, são apresentados resultados de simulações e ensaios experimentais envolvendo as malhas de controle. Além de comparações de desempenho entre os modelos aproximados e os sistemas que utilizam o controlador fuzzy.

  • WALLACE PEREIRA NEVES DOS REIS
  • O Problema da Alocação de Tarefas sob o Aspecto da Escolha Social:uma Análise Arroviana de Sistemas Multirrobô

  • Data: 14/12/2017
  • Mostrar Resumo
  • Apesquisaemsistemasmultirrobôéumaáreafértil,quetemrecebidomuitaatençãonasúltimasdécadas.Comosavançosdehardwareesoftware,comoodesenvolvimento doRobotOperatingSystem-ROS,aaplicaçãorealdessessistemastemsetornadocadavez mais factível. Porém, novos desafios emergem, principalmente, a coordenação dos robôs e a alocação de tarefas para o correto cumprimento de uma missão. Apesar das muitas propostas apresentadas na literatura, a alocação de tarefas ainda não é um assunto esgotado, tantoemaplicaçõesquantoemteorias.Assim,estetrabalhopropõeumavisãodoproblema de alocação de tarefas em sistemas multirrobô baseada na Teoria da Escolha Social, mais especificamente, na estrutura proposta por Kenneth J. Arrow em seu famoso Teorema da Impossibilidade. As condições impostas por Arrow visam criar um mecanismo agregador de preferências padrão por meio da análise axiomática. Essa análise é transportada para o domínio multirrobô. Classes de problemas com robôs mono-tarefa e algumas arquiteturas são analisadas desse ponto de vista. Além disso, é discutida a comparação de utilidades cardinais entre robôs e as vantagens da utilização de preferências ordinais. Também são propostos e analisados algoritmos para a agregação de preferências ordinais.

  • RODNEY DAMIAN FARIÑA MARTINEZ
  • ANÁLISE DE CONTINGÊNCIAS COM A AJUDA DE FERRAMENTAS DE ESTABILIDADE DE TENSÃO. PROPOSTAS DE AÇÕES CORRETIVAS  EMPREGANDO GERAÇÃO  DISTRIBUÍDA

  • Data: 11/12/2017
  • Mostrar Resumo
  • O consumo energético é um indicador sensível no teste do bem-estar e prosperidade de uma população, porém as fontes fósseis são limitadas e contaminam. O consumo de energia é uns dos mais grandes medidores do progresso de uma sociedade. O conceito de crise energética aparece quando as fontes de energia que fornece à sociedade se esgotam. O rápido crescimento da demanda de potência do país e o esgotamento das reservas de geração das centrais geradoras atuais, obriga fazer o estudo de outras opções de geração, como é a geração alternativa. Os objetivos de apostar pelas energias renováveis são frenar a dependência das importações energéticas, limitar o efeito estufa, fornecer energia necessária para garantir o correto fornecimento elétrico e manter o sistema com alto grau de estabilidade. Nos Sistemas de Potência ocorrem eventos de natureza dinâmica e transitória, os quais são monitorados pelos Centros de Controle com o principal propósito de evitar situações que ponham em risco a Estabilidade da Rede. Sendo assim, neste projeto apresenta-se uma ferramenta de análise de estabilidade de tensão para um Sistema Elétrico de Potência, baseada em análise de pontos de equilíbrio. Para abordar o problema descrito, foi desenvolvida uma metodologia onde, aplicando ferramentais de estabilidade de tensão como são os dados obtidos pela Margem de Potência Reativa (MPR) e classificação do Vetor Tangente (VT), foram identificadas as barras mais críticas, e logo foram injetadas nas mesmas gerações alternativas. Isto levaria ao sistema a melhorar o desempenho em termos de estabilidade de tensão e operar em margens de carga mais distante do ponto do colapso de tensão. Este trabalho tem como objetivo proporcionar ferramentas baseadas nas curvas P-V e Q-V para análises de estabilidade de tensão. Estes ferramentais foram aplicados ao sistema de potência real, obtendo das mesmas, os valores de Margem de Potência Reativa (MPR) em MVAr e a classificação de sensibilidade do Vetor Tangente (VT) das barras do sistema analisado. Uma vez processadas estas informações, serão determinadas as barras mais críticas e que em consequência, nas mesmas comparados com os resultados obtidos. serão injetadas gerações adicionais (geração alternativa) e posteriormente.

  • JULIANA SOUZA NUNES
  • Impacto da Confiabilidade de Redes de Transmissão e Subtransmissão nos Índices de Desempenho de Sistemas de Distribuição

  • Data: 08/12/2017
  • Mostrar Resumo
  • O cenário atual de distribuição de energia elétrica no Brasil, com a presença de um órgão governamental
    regulador do setor, exige cada vez mais qualidade e modicidade tarifária por parte
    das empresas concessionárias. Devido aos orçamentos limitados das empresas no atual momento
    econômico, torna-se essencial desenvolver métodos de análise apurada que indiquem os
    pontos prioritários para investimentos no sistema elétrico.
    A configuração de redes radiais, associada a subestações com baixa flexibilidade operativa,
    reduz a confiabilidade dos sistemas, causando prejuízos aos consumidores e às empresas, que
    serão penalizadas por não atingirem as metas dos índices de continuidade. O desempenho de
    um sistema pode ser simulado com base no histórico de interrupções, através dos parâmetros
    taxa de falha e tempo médio para reparo dos componentes da rede.
    Esta dissertação apresenta uma metodologia probabilística para análise de confiabilidade conjunta
    de sistemas de transmissão e subtransmissão, para verificar o impacto destes segmentos
    sobre os índices de desempenho de sistemas de distribuição de energia elétrica. O método inclui
    a modelagem de falhas dos principais equipamentos de subestações e de linhas de transmissão,
    além do efeito da realização de transferências de carga através da rede de alta e média tensão
    em situações de contingência, de forma a se aproximar da realidade operativa das empresas.
    O método é aplicado a um sistema real de grande porte (288 barras) que faz parte do Sistema
    Elétrico Brasileiro, com níveis de tensão entre 34,5 e 500 kV. São simuladas falhas em 50
    subestações e 70 linhas, que atendem cerca de 525.000 consumidores.
    A metodologia desenvolvida permite realizar um ranking das regiões com maior necessidade
    de investimento e calcular a melhoria do nível de confiabilidade de obras de reforço ou de
    estratégias operativas. Além disso é proposta uma análise de viabilidade econômica, baseada
    em entradas e saídas financeiras de um empreendimento. O resultado é um estudo técnico-econômico
    para subsidiar a tomada de decisão de planejamento de sistemas elétricos de potência.

  • DANILO SIMÕES GASPAR
  • Análise de Desempenho de Sistemas GFDM considerando Erros de Sincronização

  • Data: 01/12/2017
  • Mostrar Resumo
  • As redes 5G serão empregadas, dentre diversas outras aplicações, como gateway para
    IoT (Internet of Things). Os dispositivos IoT têm no baixo consumo de energia um dos
    seus principais requisitos, visando atingir autonomia de bateria de dez anos de operação.
    Assim sendo, os dispositivos IoT não podem gastar energia em esquemas complexos de
    sincronismo. Neste sentido, a demanda por um baixo consumo de energia e um esquema
    de sincronização mais relaxado pode resultar em deslocamentos residuais no tempo de
    símbolo e na frequência de portadora, reduzindo o desempenho do sistema. Sendo o GFDM
    (Generalized Frequency Division Multiplexing) uma das formas de onda candidatas para
    a interface aérea da 5a geração de redes móveis, é relevante analisar o seu desempenho sob
    influência de desalinhamentos de tempo e frequência. O objetivo principal deste trabalho
    é apresentar um modelo analítico para avaliar a degradação de desempenho em termos da
    probabilidade de erro de bit do GFDM quando o sincronismo é imperfeito. Os resultados
    analíticos são corroborados através de simulação computacional. A conformidade entre a
    simulação e as curvas teóricas demonstra que o modelo apresentado neste trabalho pode
    ser usado para predizer o desempenho do GFDM em termos da taxa de erro de bit sob a
    presença de erros de sincronismo

  • LUANA BATISTA MORAES
  • Análise do Acoplamento Eletromagnético Entre Linhas de Classes 72,5 kV e 15 kV que Compartilham A Mesma Torre.

  • Data: 01/12/2017
  • Mostrar Resumo
  • Com o crescimento da demanda de energia elétrica em áreas densamente povoadas e sua con- sequente falta de espaço para faixas de servidão exclusivas, o compartilhamento de estruturas entre linhas de transmissão e de distribuição tem se tornado uma solução comumente utilizada, especialmente em países emergentes. Essa prática tem grande potencial na redução de inves- timentos para a construção de um novo ramal de distribuição, uma vez que as estruturas de transmissão se encontram em operação. Entretanto, a diferença nos níveis de tensão entre as linhas compartilhadas pode resultar em transitórios eletromagnéticos de intensidade elevada, principalmente na distribuição em média e baixa tensão. Neste aspecto, a avaliação de curtos- circuitos e manobras de energização na linha de transmissão é de grande importância. Desta forma, esta dissertação tem como objetivo avaliar os efeitos do acoplamento eletromagnético en- tre as redes de transmissão, distribuição em média tensão e baixa tensão, instaladas em estruturas de aço do tipo monotubular, que operam em uma área urbana. O caso em questão compreende a linha de transmissão em 69 kV que interliga as subestações de Nova Friburgo e Conselheiro Paulino, ambas de propriedade do Grupo Energisa e localizadas no município de Nova Friburgo – RJ. A linha de transmissão em questão possui comprimento de 8,6 km e compartilha suas estruturas com a rede de distribuição de 11,4 kV em um trecho de 3,82 km, incluindo trechos seccionados da rede de baixa tensão em 220/127 V.

  • CARLOS RUBENS RAFAEL DORNELLAS
  • Precificação Nodal do Sistema de Transmissão Brasileiro considerando Múltiplos Cenários Hidrológicos

  • Data: 01/12/2017
  • Mostrar Resumo
  • A tarifação do uso do sistema de transmissão afeta diretamente a remuneração das empresas
    concessionárias de transmissão e os custos dos agentes participantes do mercado. Uma vez
    definido o montante total necessário para cobrir despesas com operação e manutenção, além
    de garantir investimentos no setor para ampliação e reforço, torna-se necessário estabelecer a
    forma com que este custo será rateado entre os usuários, o que pode ser feito por métodos
    baseados em diferentes princípios. Como sabido, o despacho hoje utilizado pelos programas
    de tarifação, principalmente no Brasil, não guarda qualquer semelhança com aqueles
    praticados na realidade operativa, resultando em sinais inadequados para a instalação de
    novos geradores e cargas, o que pode ocasionar elevação de congestionamentos e perdas na
    transmissão, bem como deterioração dos níveis de confiabilidade da rede.
    Como contribuição principal desta Tese de Doutorado, propõe-se um procedimento inovador
    para a consideração na precificação nodal de múltiplos cenários hidrológicos, obtidos a partir
    da modelagem energética hidrotérmica, mais próximos da realidade operativa do sistema e
    mais adequados ao planejamento da operação da transmissão. Assim, o objetivo é tornar a
    tarifação do uso do sistema de transmissão mais locacional e aderente aos cenários de
    geração, ou despacho, utilizados em estudos de planejamento da operação de médio prazo, na
    determinação da política operativa e precificação.
    Os desenvolvimentos desta tese são descritos detalhadamente, com a apresentação dos
    conceitos, equações e algoritmos correspondentes. Características importantes do
    procedimento proposto, como a sensibilidade aos múltiplos cenários hidrológicos, são
    analisadas e ilustradas com base em aplicações numéricas com o sistema interligado brasileiro
    para o ciclo tarifário de 2014/2015. Por fim, são apresentados e discutidos os resultados de
    análises probabilísticas para o conjunto de encargos de transmissão finais e anuais para usinas
    termelétricas e hidrelétricas, bem como para consumidores industriais eletrointensivos,
    localizados em distintos submercados, obtidos a partir da consideração de múltiplos cenários
    hidrológicos. O método também traz a inovação de permitir a análise de risco de portfólio
    para empreendedores que detêm a concessão/propriedade de diversas unidades
    geradoras/fabris

  • CLAUDIO INACIO DE ALMEIDA COSTA
  • APLICAÇÃO DE TÉCNICAS DE BIG DATA À PREVISÃO DA CARGA ELÉTRICA

  • Data: 01/12/2017
  • Mostrar Resumo
  • Com o avanço das telecomunicações e com o barateamento dos dispositivos de medição, os sistemas elétricos de potência passaram a gerar um enorme volume de dados. Estes chegam aos centros de operação com diferentes frequências, desde alguns minutos para o estado de disjuntores, até alguns milissegundos para medidas de tensão e corrente durante transitórios. O desafio atual é tornar estes dados disponíveis de forma simples e eficiente aos operadores. O objetivo é transformar a avalanche de dados em informações úteis ao processo de decisão. Neste sentido, várias técnicas de mineração de dados foram desenvolvidas. Recentemente, as técnicas de Big Data possibilitaram a manipulação de grandes bases de dados e a elaboração de modelos baseados em aprendizado de máquina e inteligência artificial. Este trabalho apresenta a aplicação das técnicas de Big Data ao problema de previsão de carga. Bons modelos de previsão são fundamentais para o planejamento, operação e manutenção dos sistemas elétricos. Diversos fatores podem influenciar o comportamento futuro da carga, não necessariamente em intervalos regulares, ou da mesma forma, para os diversos horizontes de previsão. Dentre as diversas técnicas de Big Data disponíveis, foi escolhida a modelagem por Florestas Aleatórias (Random Forests). Esta técnica permite tratar grandes bases de dados, formadas tanto por atributos numéricos como categóricos, além de serem bastante robustas quanto à presença de dados faltosos, inconsistentes e com ruído. Seu algoritmo de aprendizado é rápido e gera modelos precisos e de fácil aplicação. Este trabalho propõe também alterações na técnica de Florestas Aleatórias para a previsão de carga. Estas alterações foram aplicadas com sucesso a um conjunto de dados de uma concessionária brasileira obtendo-se bons resultados sem nenhuma intervenção humana. Por exemplo, a carga média no horizonte de até um ano à frente, importante para a contratação da energia pela concessionária, foi prevista com erro da ordem de décimos de porcentagem.

  • AELLFCLÊNITON MOURONER MACIEL DINIZ
  • PROJETO E AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO DO DESLIGADOR AUTOMÁTICO
    ELETROMECÂNICO PARA PARA-RAIOS DE MÉDIA TENSÃO

  • Data: 30/11/2017
  • Mostrar Resumo
  • Os para-raios de distribuição são amplamente utilizados na proteção contra sobretensões
    transitórias nas redes de média tensão. A operação correta dos para-raios deve ser assegurada
    para evitar falhas inesperadas. Devido à grande quantidade desses equipamentos em redes de
    média tensão, eles são conectados em série com um desligador automático que deve atuar
    para níveis elevados de degradação ou quando o para-raios é submetido a correntes acima da
    sua capacidade de absorção de energia, indicando a necessidade de sua substituição. Os
    desligadores automáticos dos para-raios de distribuição operam devido à presença de agentes
    explosivos, dando origem a uma série de problemas operacionais que provocam risco de
    acidentes aos transeuntes em virtude do lançamento indesejado de fragmentos. A utilização
    destes dispositivos provoca a retirada precoce de para-raios do sistema ainda em boas
    condições operacionais. Dessa forma, condena-se o componente principal pela atuação
    indevida de um acessório. Considerando os problemas associados aos desligadores
    convencionais, surgiu a necessidade de melhorar a proteção de transformadores instalados em
    redes de média tensão. Sendo assim, o objetivo da presente tese é apresentar o
    desenvolvimento de um novo projeto de desligador automático. O novo desligador,
    denominado de desligador eletromecânico, foi desenvolvido utilizando novos materiais e
    técnicas estatísticas de análise de taxa de falhas, resultando em um dispositivo de menor custo
    e mais adequado para as redes de distribuição brasileiras. Sua parte ativa compreende
    essencialmente um elemento fusível especial que permite atuações precisas frente a surtos de
    origem atmosférica, de manobra e correntes na frequência industrial. Em virtude disso, não
    opera através de uma explosão sendo considerado um dispositivo seguro para equipamentos e
    transeuntes locais. A partir da análise do desempenho do desligador eletromecânico e do
    desligador convencional, notou-se que apenas o novo desligador opera corretamente quando
    submetido às condições de serviço previstas nas normas vigentes. Portanto, a utilização do
    desligador eletromecânico, além de garantir a confiabilidade da proteção de transformadores
    contra surtos, tem influencia direta na gestão de ativos da concessionária, reduzindo índices
    de falha, custos com manutenção e tarifas.

  • FADUL FERRARI RODOR
  • Modelagem de Sistemas Dinâmicos Não Lineares via RBF-GOBF

  • Data: 24/11/2017
  • Mostrar Resumo
  • Trata-se neste trabalho trata da modelagem e identificação de sistemas dinâmicos não
    lineares estáveis representáveis por modelos de Wiener por um estrutura formada por bases
    de funções ortonormais generalizadas (Generalized Orthonormal Basis Functions - GOBF)
    com funções internas e redes neurais com funções de base radial (Radial Basis Functions
    - RBF). Os modelos GOBF com funções internas são capazes de representar dinâmicas
    lineares intrincadas com uma parametrização que se vale apenas de valores reais, sejam
    os polos do sistema a ser representado complexos e/ou reais. Com informações de entrada
    e saída do sistema a ser identificado é possível obter um modelo GOBF-RBF inicial. Os
    clusters que determinam os parâmetros inciais das RBFs (centros das funções gaussianas e
    larguras ou spreads) são obtidos pelo método fuzzy C-means, o qual é inicializado com um
    número de centros pré-determinado, obtido pela técnica subtractive clustering, garantindo
    clusters com volume e densidade apropriados. São propostas duas técnicas para o ajuste
    dos parâmetros da estrutura. A primeira delas se baseia em um método de otimização não
    linear e os gradientes exatos da estrutura. Apresenta-se um procedimento para a obtenção
    dos cálculos analíticos dos gradientes de saída do modelo GOBF-RBF em relação a seus
    parâmetros (polos da base ortonormal, centros, larguras e pesos de saída da rede RBF). A
    segunda proposta se vale de um método metaheurístico chamado otimização por enxame
    de partículas com comportamento quântico. As metodologias são validadas com suas
    aplicações em três diferentes sistemas não lineares associados a modelos de processos
    práticos.

  • PAOLA KARELYS LIOY MATUTE
  • Uma metodologia de projeto de conversor A/D SAR-PWM híbrido

  • Data: 23/11/2017
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho propõe uma metodologia de projeto para o desenho de uma nova arquitetura de conversão analógico digital A/D por aproximação sucessiva, com o uso de um circuito modulador de pulso (PWM) híbrido baseado em contadores e linhas de atrasos no estágio de conversão D/A. Esta técnica de conversão consegue aumentar a resolução do circuito e diminuir a necessidade de um ciclo de relógio muito alto, em comparação com a técnica de conversão A/D, a qual utiliza um PWM baseado em contadores como conversor A/D. A metodologia de projeto proposta considera o erro de propagação da rede de atrasos gerado pela tolerância dos componentes que o formam, a fim de definir uma quantidade máxima de resolução do circuito que garanta que este seja monotônico, sem perda de códigos, e assegurando o seu correto funcionamento.

  • CARLOS ALBERTO VILLEGAS GUERRERO
  • PROPOSTA DE SOFTWARE-IN-THE-LOOP PARA TESTE EM TEMPO REAL DE UM CONTROLE COORDENADO
    DE VOLT/VAR

  • Data: 22/11/2017
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho de Tese propõe o desenvolvimento de uma estratégia de Software-in-theLoop (SIL) para teste em tempo real de um Controle Coordenado de Volt/VAr (CCVV), através
    do uso do Simulador Digital em Tempo real (RTDS –
    Real-Time Digital Simulator) e o
    programa Matlab®. Esta estratégia visa emular as ações de interoperabilidade comumente
    estabelecidas entre as principais funções de um DMS (
    Distribution Management System) e o
    sistema de SCADA (
    Supervisory Control and Data Adquisition) durante a operação de um
    CCVV. Para tais fins, um algoritmo de controle é desenvolvido no Matlab® e uma interface de
    comunicação baseada em TCP/IP (
    Transmission Control Protocol/Internet Protocol) é
    estabelecida entre o módulo de simulação do RTDS (o RSCAD/
    Runtime) e o Matlab®. A fim
    de avaliar a eficiência da estratégia de SIL, uma metodologia de otimização do CCVV, baseada
    na técnica metaheurística “Sistema Imunológico Artificial (SIA)”, é testada no sistema de 34
    barras do IEEE composto de vários equipamentos de controle, tais como comutador de tapes
    sob carga, reguladores de tensão e bancos de capacitores chaveáveis. Aspectos importantes
    associados com a implementação da bancada de teste são também discutidos neste trabalho. Os
    resultados das simulações demonstraram que a estratégia de SIL proposta é promissória para
    analisar o desempenho no domínio do tempo de algoritmos de CCVV projetados para operar
    em tempo real em Redes de Distribuição.

  • REINALDO LIMA DE ABREU
  • Projeto e Implementação de um Dispositivo para Transferência de Energia Sem Fios por Modos Ressonantes Autossintonizáveis

  • Data: 09/11/2017
  • Mostrar Resumo
  • Esta tese de doutorado apresenta uma nova abordagem aplicada à técnica de transferência de energia sem fios por modos ressonantes, introduzindo um dispositivo autossintonizável ao sistema.
    Foi realizada a modelagem de todo o sistema de transferência de energia sem fios, calculados os valores analíticos, realizadas simulações numéricas e implementado um circuito experimental visando aperfeiçoar a eficiência do sistema.
    Um modelo numérico com casamento em célula em L capacitivo foi projetado para operar na distância de separação de 10 cm. Foi implementado utilizando antenas do tipo quadro de mesma configuração para o sistema emissor e receptor, obtendo-se uma máxima eficiência de 78,39 % para 10 cm, 35,83% para 30 cm, 8,14% para 50 cm e 0,174% para 100 cm.
    Posteriormente, propôs-se uma nova abordagem de modelo para autossintonia entre os dispositivos emissor e receptor, realizando a autossintonia por frequência e por capacitância. Foi possível obter para um dos casos (autossintonia por capacitância) uma melhora percentual de eficiência de até 27,39% para 30 cm, 98,53% para 50 cm e 154,16% para 100 cm, ou seja, os valores de eficiência obtidos foram 45,64%, 16,16% e 0,4426%, respectivamente, para 30 cm, 50 cm e 100 cm.
    Experimentalmente, foi implementada a célula L capacitiva e por meio de um circuito embarcado com chaveamento por relés, pode-se realizar a autossintonia por capacitância. Nos ensaios experimentais obteve-se eficiências de 72,20% para 10 cm, 59,10% para 20 cm, 43,42% para 30 cm, 27,07% para 40 cm e 14,45% para 50 cm, com isso, validando o sistema de autossintonia proposto.

  • BRUNO EDUARDO CARMELITO
  • Sistema Integrado de Gestão Energética do câmpus José Rodrigues Seabra

  • Data: 30/10/2017
  • Mostrar Resumo
  • O trabalho propõe a implantação de um sistema integrado de gestão energética para a UNIFEI (Universidade Federal de Itajubá), câmpus José Rodrigues
    Seabra que possa trabalhar com todos os dados gerados dentro da instituição. A
    utilização de softwares e hardwares que integram a pirâmide da automação, em especial às camadas PIMS (
    Plant Information Management System) e SCADA (Supervisory Control and Data Acquisition), compõem o sistema. O sistema é composto por medidores de energia, sistemas fotovoltaicos, softwares de controle e supervisão.
    Os softwares comerciais utilizados no trabalho foram o Elipse Power na camada
    SCADA, o software PI System na camada PIMS, e o software Power BI na camada
    ERP (
    Enterprise Resource Planning). Através de todo o sistema foram realizadas
    análises de indicadores que classifcam e caracterizam a instalação a partir das questões técnicas, apontando a efciência do uso da energia elétrica. O sistema proposto
    obteve resultados de armazenamento de grande quantidade e diversidade de dados,
    consultas em tempo real, análises e correlação de diversos tipos de dados para geração de relatórios e estudos futuros, bem como a tomada de decisões estratégicas
    por parte da instituição.

  • HENRY DOUGLAS RODRIGUES
  • Linearização de Amplificadores de Potência de RF com Pré-Distorção Digital Ortogonal e Realimentação Escalar

  • Data: 20/10/2017
  • Mostrar Resumo
  • Sistemas de comunicação sem fio empregam amplificadores de potência de RF, que são
    dispositivos intrinsecamente não-lineares. A não-linearidade distorce o sinal, gerando produtos
    de intermodulação que interferem tanto no próprio sinal a ser transmitido, quanto
    nas frequências adjacentes. Sistemas de linearização com pré-distorção digital são empregados
    para reduzir a intermodulação na saída de um transmissor. Tradicionalmente, os
    algoritmos de linearização são baseados em regressão linear e tem como critério de otimização
    minimizar o erro entre sinais no domínio do tempo. Essa solução apresenta alta
    complexidade e desempenho limitado. Este trabalho propõe um sistema de pré-distorção
    inovador em que a métrica a ser otimizada é uma medida custo escalar, proporcional
    à característica do sinal de saída do amplificador que deseja-se minimizar, como por
    exemplo, a intermodulação no domínio da frequência. A não-linearidade produzida pela
    pré-distorção é representada por meio de um modelo comportamental matemático contendo
    um conjunto de coeficientes. Assim, o algoritmo de linearização é feito ajustando-se
    cada coeficiente com o objetivo de minimizar a métrica escolhida. Um novo algoritmo de
    ortogonalização dos coeficientes remove a interação entre a intermodulação de diferentes
    ordens, resultando em uma convergência mais rápida e uma menor variação de potência
    na saída do amplificador ao longo das iterações. A identificação dos coeficientes a partir
    da medida custo é tratada como um problema de otimização numérica, genérico, em que
    qualquer método iterativo pode ser empregado. Devido à ortogonalização, o problema
    de otimização é simplificado, uma vez que o ajuste de um dado coeficiente não afeta os
    demais. A técnica proposta foi simulada computacionalmente, implementada em FPGA e
    testada com um amplificador de RF Doherty, comprovando seu funcionamento e eficácia.
    Além de demonstrar estes resultados, o trabalho também traz a fundamentação teórica
    da linearização através da pré-distorção digital, possibilitando ao leitor uma compreensão
    mais abrangente do assunto, incluindo sua implementação em tempo real. Esta técnica
    inovadora pode ser empregada em qualquer amplificador, cujo sinal a ser amplificado
    apresenta envoltória variante no tempo, o que engloba a grande maioria dos sistemas de
    comunicação sem fio.

  • NAYANA SCHERNER
  • AVALIAÇÃO DA COMPLEMENTARIDADE ENERGÉTICA ENTRE FONTES
    RENOVÁVEIS NO HORIZONTE DE LONGO PRAZO, CONSIDERANDO OS
    EFEITOS DAS VARIAÇÕES CLIMÁTICAS

  • Data: 20/10/2017
  • Mostrar Resumo
  • As usinas eólicas e hidrelétricas são consideradas fontes renováveis de energia, ou seja, sua
    produção energética é suportada por recursos renováveis, bem como, as plantas de geração solar,
    biomassa, geotérmica e maré motriz. Além disso, são consideradas fontes limpas de energia, pois
    durante a sua produção não há emissão de gases que contribuem para o aquecimento global.
    Apesar disso, a disponibilidade de recursos para produção de eletricidade depende das variáveis
    que são afetadas por condições climáticas e consequentemente do processo de aquecimento do
    globo. A avaliação do comportamento destas variáveis, bem como sua previsão, é importante
    para o planejamento e operação do Sistema Interligado Nacional (SIN). Além da avaliação
    independente da produção de energia, considerando plantas de geração renovável, é importante
    considerar os efeitos das interações entre as variáveis climáticas. Esta interação pode resultar na
    existência de correlações entre as diversas fontes, que acabam por tornar-se importantes no
    dimensionamento como, por exemplo, da garantia física, ademais do fato de alterar o nível ótimo
    de complementação térmica do parque gerador. Alguns trabalhos comprovam a existência da
    complementaridade entre fonte eólica e hídrica em diversas regiões do Brasil, através da análise
    de séries históricas de vento e precipitação. A região Nordeste do país destaca-se das demais,
    pois é a região com maior produção de energia por fontes eólicas e, quando se analisa as séries
    históricas de precipitação e de velocidade de vento, nota-se que nos períodos hidrológicos secos
    a intensidade do vento aumenta. Já a região Sul, segunda maior produtora de energia por fonte
    eólica, apresenta comportamento diferenciado, ou seja, nos períodos chuvosos o vento apresenta
    maior velocidade, não subsistindo a complementaridade energética hidro-eólica internamente à
    região, porém quando verificado no contexto nacional, a maior intensidade do vento da região
    Sul é complementar à baixa precipitação das demais regiões do país, podendo vir a assumir papel
    relevante no suprimento da demanda do SIN. Este trabalho tem como objetivo avaliar se a
    complementaridade hidro-eólica observadas nas séries históricas até o momento permanecem
    válidas para o período futuro, em decorrência do efeito das mudanças climáticas para as regiões
    Nordeste e Sul do Brasil. Para este estudo foram utilizadas as séries de vento e precipitação do
    modelo regional ETA para diferentes cenários originados dos modelos climáticos globais
    japonês MIROC5 e britânico HadGEM-ES, e a estes foram aplicados dois caminhos de
    concentração de gases que provocam o efeito estufa, o RCP 8.5 e RCP 4.5. O trabalho aponta a necessidade de considerar no planejamento da expansão e da operação cenários de mudanças
    climáticas. A não consideração destes cenários leva a "erros" significativos no dimensionamento
    do parque gerador e no dimensionamento das capacidades de transferências entre submercados.

  • NOÉ SILVA NETO
  • METODOLOGIA PROBABILÍSTICA PARA AVALIAÇÃO DA CONFIABILIDADE DE PARQUES DE TRANSFORMAÇÃO COM RESERVA TÉCNICA COMPARTILHADA

  • Data: 06/10/2017
  • Mostrar Resumo
  • Uma subestação de distribuição de energia elétrica deve ser planejada para minimizar o prejuízo
    aos consumidores quando seus transformadores falham. Assim, as subestações são normalmente
    projetadas com dois ou mais transformadores em paralelo, de modo a conseguir
    suprir à carga mesmo com a falha de um deles. Essa solução, embora confiável, possui alto
    custo de implantação. Alternativamente, soluções baseadas em compartilhamento de estoques
    de transformadores reservas têm sido utilizadas com sucesso, por apresentarem menor custo e
    confiabilidade compatível com o padrão desejado.
    Assim, estudos que permitam realizar o dimensionamento correto do estoque de transformadores
    reservas tornam-se altamente importantes, tanto em relação à confiabilidade, quanto em
    relação ao investimento necessário, visto que um número muito grande de transformadores
    reservas pode representar um alto investimento da distribuidora, enquanto uma quantidade
    insuficiente de transformadores reservas diminui a confiabilidade do sistema e provoca um
    aumento em seus custos de operação.
    Esta dissertação apresenta uma nova metodologia probabilística baseada em simulação Monte
    Carlo cronológica para a definição estratégias de dimensionamento de estoques de transformadores
    reservas ao longo do tempo, de forma que se possa avaliar o nível de confiabilidade,
    aspectos financeiros e outros parâmetros importantes para os gestores de empresas concessionárias
    de distribuição de energia elétrica.
    A ferramenta desenvolvida permite considerar, além dos tempos de falha e reposição de transformadores,
    já analisados em trabalhos anteriores, o tempo de instalação de um novo transformador
    no campo e a possibilidade de transferência de carga para um transformador vizinho
    ou subestação próxima, em casos de avaria. O método é ainda capaz de modelar eventos como
    crescimento de carga, expansão do parque de transformador e ampliação do estoque de reservas
    ao longo do período considerado. Diversas aplicações numéricas e análises de sensibilidade
    são realizadas para ilustrar os desenvolvimentos propostos.

  • ANDRÉ BARROS DE MELLO OLIVEIRA
  • Diagnóstico de Falhas de Curto-Circuito nos Interruptores de um VSI Monofásico em Ponte baseado na Teoria de Conjuntos Proximados

  • Data: 06/10/2017
  • Mostrar Resumo
  • Neste trabalho é apresentado um método de diagnóstico de falhas de curto-circuito (SC) em interruptores de um Inversor Fonte de Tensão (Voltage Source Inverter, VSI), com o uso da Teoria de Conjuntos Aproximados (TCA) – em inglês, Rough Sets Theory (RST). Esta teoria é uma ferramenta matemática que descreve o comportamento de um sistema através de um conjunto de regras, baseadas em um número reduzido e suficiente de dados. Diversos estudos mostram que a falha de SC em um interruptor de potência eleva o custo do VSI, além de comprometer a sua vida útil e o seu desempenho. Este contexto justifica a busca por um eficiente método de diagnóstico que utilize o menor número possível de variáveis para a detecção dos sinais de interesse no processo. Inicialmente são apresentados no texto diversos métodos de diagnóstico, suas variáveis, vantagens e desvantagens. Em seguida, é apresentada a TCA e a sua viabilidade como ferramenta no diagnóstico de falhas de SC em interruptores de potência. A topologia do VSI é monofásica, em ponte, com carga indutiva. A aplicação da TCA proporcionou um número reduzido de variáveis e um conjunto de regras de diagnóstico, as quais são realizadas com funções lógicas básicas. Logo, o circuito de diagnóstico obtido é digital. O diagnóstico de falhas é realizado com apenas quatro variáveis: dois sinais de comando e dois sinais de corrente dos interruptores do VSI. De posse dos resultados adequados obtidos em simulação foi montado um protótipo em laboratório, cujos resultados experimentais validam o método de diagnóstico.

  • EDGARDO MANUEL ARRIETA MARTINEZ
  • Estudo do Comportamento do Fluxo Magnético de Geradores Síncronos com Falhas de Curto Circuito no Rotor usando o Método de Elementos Finitos

  • Data: 28/09/2017
  • Mostrar Resumo
  • A grande importância dos geradores síncronos dentro do sistema de potência faz que a análise de falhas seja muito importante para prevenir paradas que possam afetar o funcionamento normal do sistema de geração. As falhas de curto circuito nas bobinas do estator são bastante comuns e podem influenciar tanto na temperatura do gerador síncrono como na tensão gerada por este.
    As falhas de curto circuito nas bobinas do rotor, geralmente são difíceis de detectar pelos métodos comuns de análise de falhas. Uma das formas de detectá-las, portanto, é mediante a análise do comportamento da densidade de fluxo magnético em diferentes regiões das máquinas síncronas.
    No presente trabalho se estuda o comportamento da densidade de fluxo magnético em máquinas síncronas de pequeno e grande porte, visando determinar como o curto circuito afeta a densidade de fluxo em várias regiões das máquinas quando estas trabalham a vazio e com carga, além disso, estuda-se como o curto circuito afeta a tensão de saída, e comparam-se os resultados da simulação da máquina de pequeno porte com os resultados de ensaios feitos no laboratório em uma máquina de características iguais.

  • MOZART FERREIRA BRAGA JUNIOR
  • Impacto da Geração Distribuída na Proteção de Sistema de Distribuição

  • Data: 19/09/2017
  • Mostrar Resumo
  • Atualmente, com a regulamentação e incentivos fiscais para inserção de fontes
    renováveis ao sistema de distribuição, as pequenas centrais geradoras, conhecidas por Geração
    Distribuída (GD) tem papel fundamental na matriz energética, contribuindo para aumentar a
    capacidade de geração e fornecimento de energia elétrica mais próximas das unidades
    consumidoras.
    A liberação de créditos bancários aos produtores independentes proporcionou um
    avanço nos empreendimentos desta natureza, representando um grande desafio para as
    distribuidoras de energia elétrica para elaborar estudos de planejamento, proteção, operação e
    manutenção de suas redes, devido a migração de um sistema anteriormente radial e
    unidirecional para um sistema bidirecional.
    Neste contexto, este trabalho tem como objetivo avaliar os impactos da conexão de
    geração distribuída nos sistemas de proteção de redes de distribuição, analisar as políticas de
    religamentos automáticos, as filosofias de proteção adotadas pelas concessionárias e propor
    soluções mitigadoras para os problemas identificados.
    Como estudo de caso foram utilizados quatro alimentadores da CEMIG Distribuição
    S.A que possuem conexão com geração distribuída através de fontes hídricas, térmica a gás e
    fotovoltaica.
    De posse dos resultados obtidos através destas simulações, foi possível vislumbrar e
    propor soluções para os problemas identificados destacando a implementação da função
    direcional de sobrecorrente no religador de conexão e grupos de ajustes em função da
    configuração operacional do sistema.

  • CAMILA PAES SALOMON
  • Contribuições na aplicação da análise da assinatura elétrica para detecção de falhas em geradores síncronos.

  • Data: 15/09/2017
  • Mostrar Resumo
  • Geradores síncronos são elementos fundamentais dos sistemas elétricos de potência. Desta
    forma, o monitoramento contínuo destas máquinas, incluindo a detecção precoce de falhas,
    torna-se imperativo para garantir a confiabilidade do fornecimento de energia, a estabilidade
    do sistema e a redução de prejuízos causados por paradas não-programadas. No
    contexto de manutenção preditiva de máquinas rotativas, tem se destacado a utilização
    da análise da assinatura elétrica (ESA - Eletrical Signature Analysis), que consiste basicamente
    na análise dos sinais elétricos da máquina sob monitoramento no domínio da
    frequência. Este trabalho apresenta contribuições na aplicação de ESA para a manutenção
    preditiva de geradores síncronos, considerando-se aspectos práticos. O trabalho abrange
    as particularidades da aplicação de ESA para geradores síncronos com rotor de polos salientes
    e polos lisos. As principais contribuições deste trabalho são a proposição de uma
    metodologia para distinção de falhas rotóricas de origem elétrica e de origem mecânica nas
    componentes espectrais e a aplicação de ESA a geradores interligados no sistema elétrico
    de potência. As hipóteses levantadas são abordadas através de análise teórica, resultados
    experimentais em laboratórios de modelo reduzido e análise de sinais de grandes geradores
    em operação em usinas.

  • MARINO PIAZZA LEITE
  • Identificação e Localização de Faltas de Alta Impedância utilizando Medidores Inteligentes

  • Data: 01/09/2017
  • Mostrar Resumo
  • A detecção e a localização de faltas de alta impedância em sistemas de distribuição ainda representam um grande desafio para as concessionárias, visto que tais faltas são sutis quando comparadas aos eventos de baixa e de média impedância. Geralmente, as faltas de alta impedância não são detectáveis pelo sistema de proteção convencional de sobrecorrente.
    Neste contexto, o objetivo desta dissertação é propor e aplicar duas metodologias relacionadas à faltas de alta impedância (FAI) série. A primeira é dedicada à identificação de uma FAI originada por ruptura de condutores primários em sistemas de distribuição. Já a segunda, apresenta uma técnica para sua localização.
    A identificação da ruptura de cabo é baseada no fator de desequilíbrio calculado no secundário de transformadores de distribuição de MT/BT através de uma nova funcionalidade a ser implementada nos modernos medidores inteligentes trifásicos. Com esta metodologia determina-se um limite adequado para o fator de desequilíbrio a partir do qual é possível diferenciar desequilibrios resultantes de severas cargas desequilibradas daqueles provenientes de abertura monopolar.
    A segunda metodologia aborda a localização de FAIs provocadas por aberturas monopolar ou bipolar, utilizando-se de duas informações básicas: o conhecimento prévio da posição elétrica de cada medidor inteligente e seu respectivo transformador de MT/BT no sistema de distribuição; e a realização da comparação dos fatores de desequilíbrio calculados pelos diversos medidores inteligentes instalados a montante e a jusante do local onde ocorreu a ruptura de cabos.
    Para testar e validar as metodologias propostas foi utilizado um alimentador de distribuição típico, constituído de 5 ramais, 2 sub-ramais e 33 transformadores de distribuição. O algoritmo proposto foi implementado no MatLab®/Simulink e no Excel.
    Os resultados obtidos foram relevantes, com identificação correta de todas as faltas série simuladas, com cabos tocando ou não o solo, tanto do lado da fonte como do lado da carga.
    Em contrapartida, a tentativa de aplicar o algoritmo para localização de faltas shunt não apresentou resultados satisfatórios.

  • WIRLLAN DORNELES ROCHA
  • Utilização do Design de Interação na Elaboração das Interfaces de Sistemas de Supervisão e Controle Aplicados à Operação do Sistema Elétrico de Potência

  • Data: 18/08/2017
  • Mostrar Resumo
  • Esta dissertação apresenta um estudo das principais ferramentas de Design de Interação no desenvolvimento, especificação e manutenção das IHM – Interface Homem-Máquina utilizadas em subestações, usinas e centros de operação de sistemas elétricos de potência.
    Design de Interação é uma das matérias do estudo do Design Centrado no Usuário e na Usabilidade de Sistemas que se utiliza da observação das experiências e de testes com usuários para desenvolver telas e aplicações com desenvolvimento ergonomicamente eficaz.
    O que este trabalho quer apresentar como resultado é um método que potencialize as ideias das equipes de operação buscando-se assim mitigar erros de operação, que podem levar a riscos de segurança, blecautes, multas, etc. dando tratamento científico para o assunto na busca de interfaces mais amigáveis e eficazes e que sejam pautadas em recomendações já consolidadas no estado-da-arte.
    A aplicabilidade na empresa passa pela visão da operação na especificação de sistemas de supervisão de controle, bem como na manutenção destes sistemas que invariavelmente requerem melhorias e demandam evoluções.
    Além dos centros dos vários agentes que executam a operação da geração, transmissão e distribuição de energia, este trabalho aplica-se também às IHM locais, como subestações e usinas. Tais conceitos facilitam as ações das equipes de mantenedores que, cada vez mais, estão envolvidas na manutenção dos ativos e precisam de uma interface de operação que facilite a visualização das informações e minimize as possibilidades de erros.
    Aliada a esta demanda de agregar melhorias à usabilidade dos sistemas de supervisão e controle, também é necessário apresentar maneiras de proporcionar aos operadores dos centros de operação maior clareza na interpretação das informações. Objetiva-se assim minimizar as possibilidades de falhas e ações de controle equivocadas neste processo. Consequentemente, permite-se aumentar a velocidade de tomadas de decisão e maximizar a segurança na operação do sistema. Assim, a eficiência na operação dos ativos é maximizada e o risco de diminuição da receita das empresas de geração, transmissão e distribuição por falha na operação é mitigado

  • MATHEUS FERREIRA ZAMBRONI DE SOUZA
  • Modelagem e Simulação Integrada ao Processamento e Diagnóstico do Desempenho de Parâmentros Elétricos no Contexto de Redes Inteligentes

  • Data: 11/08/2017
  • Mostrar Resumo
  • Os sistemas elétricos de potência têm experimentado mudanças significativas ao longo
    dos últimos anos. A crescente inserção de energia por fontes renováveis tende a mudar a matriz
    energética, introduzindo novos conceitos, como redes ativas e microrredes.
    O uso de fontes renováveis é muito comum nessas redes, que podem operar conectadas
    à rede convencional ou ilhada. Quando na condição ilhada, trata-se de um sistema mais fraco,
    i.e., com baixa capacidade de curto-circuito, sujeita a sofrer grandes impactos diante de
    contingências. Isso faz com que o monitoramento das condições operativas da rede seja de
    grande importância.
    Este trabalho foca no estudo do monitoramento da qualidade de microrredes. A principal
    contribuição deste trabalho reside no desenvolvimento de duas ferramentas para monitoramento
    da rede. Uma é em uma janela de tempo executada no Simulink, que usa o filtro Discrete-Time
    Wavelet Transform (DTWT), para decompor a forma de onda em diferentes níveis de
    frequência. O monitoramento desses diferentes níveis, pode ser usado para detectar
    contingências na rede. Também foi proposto o monitoramento da distorção harmônica total
    (THD) das três fases de uma barra de interesse. Isso permite a entrega automatizada de um
    diagnóstico que avalia se a rede está operando em condições aceitáveis ou não.
    A outra ferramenta desenvolvida em uma interface do MATLAB, tem a proposta de
    decompor as formas de onda das tensões trifásicas através da ferramenta de processamento de
    sinais Wavelet Packet Tree (WPT), resultando em uma melhor visualização da fundamental e
    das harmônicas de maiores magnitudes em um dado intervalo de tempo. A ferramenta ainda
    permite visualizar o espectro de frequência no período selecionado e a amplitude de cada
    frequência ao longo do período de operação em um gráfico tempo - frequência.
    Os resultados mostraram eficiência em ambas ferramentas desenvolvidas.

  • ERICA NORONHA NISHIDA
  • Propriedades da filtragem de Savitzky-Golay aplicadas na identificação de complexos QRS em sinais de eletrocardiograma.

  • Data: 03/08/2017
  • Mostrar Resumo
  • Essa dissertação apresenta as propriedades da filtragem de Savitzky-Golay e sua aplicação
    em uma das etapas de um algoritmo de detecção do complexo QRS em um sinal
    de eletrocardiograma (ECG). Esse algoritmo também foi implementado em um sistema
    eletrocardiógrafo portátil em desenvolvimento pelo Grupo de Microeletrônica UNIFEI.
    Nessa aplicação foi utilizada a filtragem diferencial de Savitzky-Golay devido, principalmente,
    a suas características de supressão de ruídos em uma frequência estabelecida
    (60Hz) e a utilização de coeficientes inteiros. Tais características permitiram a simplificação
    de etapas, redução de tempo e memória de processamento, além da diminuição
    de etapas de filtragem analógica e digital no sistema.
    Eficiência, exatidão e imunidade a ruído são comprovados através de figuras de mérito
    analisadas a partir de sinais padrão de ECG.

  • CHRISTEL ENOCK GHISLAIN OGOULOLA
  • Estudo e implementação de um sistema multiconversor de 48 pulsos (conversor CA/CC) empregando transformadores especiais trifásicos de três enrolamentos para mitigação de harmônicos.

  • Data: 20/07/2017
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho propõe uma novidade para implementação de sistema multi-conversor de
    48 pulsos (conversor CA/CC), para aplicação na indústria de alumínio, para extração
    deste, em processos que exigem correntes da ordem de centenas de quilo-amperes [kA].
    Uma mitigação harmônica, é portanto bastante necessária, para que a rede enxergue uma
    corrente praticamente senoidal, evitando-se, desta forma, poluição harmônica para os
    demais consumidores do sistema. Transformadores especias, unidades idênticas, de três
    enrolamentos, com conexão primária especial delta estendido e conexões convencionais,
    secundária estrela e terciária delta, respectivamente, são apresentados e descritos, para
    viabilização de aplicação deste novo sistema com favorecimento acentuado no aspecto de
    facilidade de manutenção, menor custo e espaço físico necessário. Um autotransformador
    especial também foi apresentado para propiciar a implementação do multi-converter de
    48 pulsos. O protótipo versão laboratório deste sistema foi apresentado, implementado e
    simulado em Matlab/Simulink R  2014 cujas diferentes curvas tais que a tensão e corrente
    da fonte e da carga foram analisadas.

  • MAURO JOSÉ RENÓ FERREIRA
  • Estudo do conversor comutado a capacitor de 12 pulsos aplicado a uma sistema HVDC.

  • Data: 20/07/2017
  • Mostrar Resumo
  • Os sistemas High Voltage Direct Current (HVDC), ou Corrente Contínua em Alta
    Tensão, constituídos de conversores estáticos convencionais, apresentam alguns problemas
    operacionais quando conectados a sistemas elétricos com baixo nível de curto-circuito. Com o
    objetivo de diminuir tais dificuldades, tem sido proposta a utilização de conversores
    alternativos que utilizam capacitores série como dispositivo auxiliar no processo de
    comutação, denominados conversores comutados a capacitores (CCC). Nesta configuração, os
    capacitores oferecem uma tensão adicional sobre os tiristores, possibilitando a utilização de
    uma faixa maior de ângulos de disparo e extinção nos retificadores e inversores. A tensão
    adicional fornecida pelos capacitores ajuda no processo de transferência de condução entre os
    tiristores, evitando possíveis falhas de comutação e melhorando o fator de potência do
    conversor. Trata-se, portanto, de um arranjo mais robusto e menos suscetível às perturbações
    da rede elétrica.
    Diante das possíveis vantagens operacionais deste novo arranjo nestas aplicações
    específicas, apresenta-se neste trabalho uma análise do desempenho do CCC através de
    simulação computacional e comparação com dados reais de um Conversor Comutado a
    Capacitor de doze pulsos instalado na usina de Garabi, localizada no estado do Rio Grande do
    Sul. O programa computacional desenvolvido utilizou o método Newton-Raphson para
    cálculo do ângulo de comutação () e apresentou convergência no processo iterativo de
    cálculo, apresentando resultados satisfatórios. A linguagem utilizada para a elaboração deste
    programa foi a VISUAL C. O programa para o cálculo do fator de potência foi implementado
    em Matlab.
    Embora o CCC apresente o inconveniente de gerar mais harmônicos que um conversor
    convencional, esta desvantagem não se mostrou significativa e as vantagens da utilização
    destes conversores se mostraram suficientes para a sua adoção em instalações conversoras.
    Foi possível concluir também que houve uma melhora no fator de potência de conversores
    quando se aumenta o número de pulsos deste conversor. A comparação entre os dados obtidos
    através da simulação e os dados reais da usina de Garabi permitiu concluir que o método
    utilizado se mostrou adequado e os programas confiáveis, fornecendo dados próximos aos
    reais.

  • JAILSON AUGUSTO OLIVEIRA DO NASCIMENTO
  • Alocação de religadores normalmente abertos em redes de distribuição de energia elétrica.

  • Data: 07/07/2017
  • Mostrar Resumo
  • Nesta dissertação é apresentada uma opção de cálculo para otimizar a alocação de
    religadores normalmente abertos. Para tanto, foram utilizados quatro alimentadores reais de
    um sistema de distribuição de energia elétrica. Inicialmente são escolhidos os lugares
    candidatos para receber os equipamentos e, em seguida, é utilizada uma equação que
    relaciona a confiabilidade dos sistemas envolvidos com a equação do DEC. Dessa forma,
    verifica-se a melhor escolha sendo o ponto que apresenta o maior potencial de melhoria da
    continuidade no fornecimento de energia elétrica. Finalmente, o lugar escolhido é aquele
    com o maior potencial de melhoria de desempenho para todo o sistema.
    A fim de validar tecnicamente a viabilidade de instalação do religador normalmente
    aberto priorizado por meio da equação adotada, foi utilizado um programa de fluxo de
    potência. Nele se avaliou, na configuração normal do sistema elétrico em estudo e na
    configuração com carga transferida, o carregamento dos componentes da rede, os níveis de
    tensão, e as correntes de curto-circuito. A análise do carregamento dos componentes da rede
    garante a integridade do sistema. Os níveis de tensão foram avaliados a fim de garantir a
    qualidade do produto. E as correntes de curto-circuito foram avaliadas para o estudo da
    proteção do sistema em sua nova configuração após transferência de carga.

  • GABRIEL HENRIQUE DE FARIA
  • Estudo do comportamento dielétrico de equipamentos de manobra em média tensão frente a impulsos não padronizados.

  • Data: 23/06/2017
  • Mostrar Resumo
  • As descargas atmosféricas podem causar sobretensões no sistema elétrico de potência,
    capazes de provocar danos em equipamentos e componentes, principalmente na rede de
    distribuição de energia elétrica. A sua incidência no sistema elétrico de potência é dividida em
    dois tipos: direta e indireta. As descargas diretas são as que incidem diretamente na linha,
    resultando em sobretensões de amplitudes elevadas. Por outro lado, as descargas indiretas
    incidem nas proximidades da rede, induzindo sobretensões com amplitudes reduzidas se
    comparadas com as descargas diretas, porém, capazes de afetar o sistema de distribuição de
    energia elétrica. As normas que estabelecem os ensaios em equipamentos frente a tensões de
    impulso atmosférico, consideram a utilização da forma de impulso de tensão padrão, com 1,2 μs
    de tempo de frente e 50 μs de tempo de cauda. Esta forma é representativa de uma descarga
    atmosférica direta. Entretanto, as formas de impulso induzidas diferem consideravelmente da
    forma de impulso padrão, apresentando tempos de frente de 1,2 μs a 3,5 μs e cauda de 4 μs a
    10 μs, por exemplo. Nesse sentido, este trabalho tem a finalidade de avaliar a suportabilidade
    dielétrica de equipamentos de manobra, que consistem nas chaves seccionadoras e chaves
    fusíveis de média tensão, projetadas para operar em linhas aéreas de distribuição, nas classes
    de 15,0 kV e 24,2 kV. Para isto, são utilizadas a tensão disruptiva crítica (U50%) e a curva tensão
    x tempo (Curva Vxt). A fim de avaliar a suportabilidade dielétrica frente a sobretensões
    induzidas, foram selecionadas cinco formas de impulso não padronizadas, com tempo de frente
    e cauda de 0,5 x 5 μs, 0,5 x 20 μs, 1,2 x 10 μs, 3 x 16 μs e 5 x 50 μs, respectivamente. A forma
    de impulso padrão também foi avaliada com a finalidade de comparação e os ensaios foram
    realizados na condição a seco, para as polaridades positiva e negativa. Os resultados oriundos
    deste trabalho foram comparados com os resultados apresentados na literatura para isoladores
    de porcelana, também nas classes de 15,0 kV e 24,2 kV. A avaliação destes resultados indica
    que para ambos os parâmetros utilizados (tensão U50% e Curva Vxt) e formas de impulso, a
    menor suportabilidade é observada na polaridade positiva para as chaves seccionadoras, mesmo
    comportamento apresentado pelos isoladores de porcelana. No caso das chaves fusíveis, a
    menor suportabilidade é observada na polaridade negativa, significando uma mudança da
    polaridade crítica. Esta mudança pode ser avaliada considerando o processo de formação da
    descarga disruptiva, que depende da disposição física dos elementos (condutores e isolantes)
    que compõem os equipamentos. Adicionalmente, os resultados da tensão U50% indicam um
    aumento da suportabilidade quando os equipamentos são submetidos às formas de impulso com
    frentes rápidas e caudas curtas – 0,5 x 5 μs e 0,5 x 20 μs. As conclusões apresentadas neste
    trabalho são importantes para se obter o comportamento dielétrico dos equipamentos e
    componentes frente a impulsos de tensão, auxiliando na determinação do nível real de
    isolamento da rede de distribuição.

  • JANAÍNA DA GLÓRIA MOREIRA DE OLIVEIRA
  • Uma arquitetura reconfigurável de Rede Neural Artificial utilizando FPGA.

  • Data: 23/06/2017
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho apresenta uma nova implementação em hardware de Rede Neural Artificial
    que permite reconfiguração da arquitetura que é implementada. Este tipo de design é
    importante em aplicações em que o ambiente varia de tal maneira que é necessária uma
    mudança na arquitetura da Rede Neural para que os resultados continuem adequados.
    A topologia usada foi a MultiLayer Perceptron, onde os neurônios são organizados em
    camadas e cada camada recebe como entrada as saídas da camada anterior, ou seja,
    elas têm uma execução sequencial. A implementação desenvolvida permite mudanças no
    número de neurônios de cada camada, número de entradas e saídas da Rede Neural e
    do tipo de função de ativação que os neurônios de cada camada irão executar. Apesar
    de implementada em FPGA, a Rede Neural proposta não depende de nenhum de seus
    modelos, já que nenhum bloco proprietário foi usado. Esta característica permite que o
    sistema aqui proposto seja implementado com facilidade em um circuito integrado a ser
    usado em implantes médicos, por exemplo. A Rede Neural foi submetida a três testes
    práticos que provaram seu funcionamento e os resultados em termos de erros atingidos
    foram analisados.

  • MATEUS MENDES CAMPOS
  • MEDIDOR DE VAZÃO ULTRASSÔNICO DE MULTI-TRAJETÓRIAS

  • Data: 05/06/2017
  • Mostrar Resumo
  • Embora existam diversas abordagens para medições de vazão, o método ultrassônico de multi-trajetórias tem ganhado interesse pela indústria e por pesquisadores, pois tais medidores apresentam robustez, boa exatidão e precisão, e podem atingir classes de exatidão menores que 1%. Esta abordagem também permite a medição de grandes vazões, medições bidirecionais de fluxo e flexibilidade quanto ao fluido a ser medido. O presente trabalho apresenta o desenvolvimento de um medidor de vazão ultrassônico de multi-trajetórias utilizando o método de tempo de trânsito, com base nas informações contidas na norma IEC41. O protótipo desenvolvido consiste na eletrônica de emissão e recepção das ondas ultrassônicas, processamento de sinais e no software de cálculo de vazão. O projeto visa o uso de dezesseis transdutores, formando oito trajetórias acústicas divididas em dois planos cruzados, porém, arranjos com outras estruturas são previstos no sistema. A técnica de Correlação Cruzada foi utilizada para medir os tempos de trânsitos entre os sinais ultrassônicos.
    Resultados de simulação são apresentados no documento, assim como medições feitas em laboratórios de calibração de medidores de vazão comparando os valores medidos pelo protótipo com o valor obtido no laboratório.

  • BRUNO PIRES DE CAMPOS
  • Integração de informações para o monitoramento de métricas de desempenho de uma smart microgrid.

  • Data: 30/05/2017
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho implementa a integração dos diversos componentes de uma microgrid
    fotovoltaica em uma plataforma única de monitoramento. O sistema monitora a planta
    do Centro de Excelência em Redes Elétricas Inteligentes (CERIn) da Universidade
    Federal de Itajubá, que conta com uma capacidade instalada de 27 kWp, um sistema
    ininterrupto de energia e uma minicentral meteorológica. Com foco na qualidade da
    energia elétrica, o desenvolvimento dessa dissertação se baseia nas recomendações
    do guia técnico “CIGRE WG C4.112” sobre o monitoramento de condições elétricas.
    As medições são exibidas em tempo real e armazenadas em banco de dados,
    possibilitando posterior processamento e correlação de informações. A integração de
    todos os sistemas envolvidos na geração fotovoltaica do CERIn facilita a análise das
    principais métricas de desempenho dessa
    microgrid.

  • DIOGO MARUJO
  • Estabilidade de Sistemas Elétricos de Potência com a Presença de Redes de Distribuição Ativas

  • Data: 26/05/2017
  • Mostrar Resumo
  • Devido ao impacto causado ao meio ambiente e ao esgotamento inevitável dos combustíveis fósseis, cada vez mais as fontes alternativas de energia têm sido consideradas atraentes para enfrentar os desafios energéticos no curto e longo prazos. Em grande escala, essas fontes podem ser diretamente ligadas ao sistema de transmissão. Por outro lado, a integração destas fontes na rede de distribuição deu origem às chamadas redes de distribuição ativas. Em cenários de grande penetração de geração distribuída, as redes de distribuição ativas podem gerar, durante certos períodos do dia, montantes de potência superiores à quantidade necessária para suprir suas cargas e, portanto, a energia excedente pode ser exportada para o sistema de transmissão. Isto resulta em uma série de implicações na área de planejamento, operação e expansão dos sistemas elétricos de potência. Neste sentido, esta tese tem como objetivo o desenvolvimento de metodologias que permitam analisar o impacto das redes de distribuição ativas na estabilidade dos sistemas de transmissão, tanto nas fases de planejamento e operação dos sistemas elétricos, bem como numa possível expansão do mesmo. Tais impactos são avaliados por meio de uma plataforma de simulação, desenvolvida em Matlab®, cujas principais aplicações abrangem estudos de fluxo de potência monofásico e trifásico, avaliação estática da estabilidade tensão, simulações dinâmica e quase-dinâmica, estudos relacionados ao efeito oposto no controle de tensão, bem como na unificação dos modelos para avaliação da interação entre as redes de distribuição ativas e os sistemas de transmissão. A partir da plataforma desenvolvida e das metodologias propostas, apresentam-se estudos relacionados ao impacto da presença de redes de distribuição ativas no sistema de transmissão, em regime permanente e dinâmico. Na sequência, propõe-se uma estratégia de redespacho de potência reativa e um novo índice que permite identificar regiões de operação das possíveis ações de controle. Finalmente, uma metodologia combinada para análise da estabilidade de longo prazo dos sistemas de transmissão quando da presença de redes de distribuição ativas é proposta e vários testes são então realizados para validar as metodologias e estratégias apresentadas diante de alguns cenários aos quais o sistema elétrico é submetido.

  • ALINE LIDIANE RIBEIRO
  • ENERGIA SOLAR FOTOVOLTAICA: VIABILIDADE NO SEGMENTO RESIDENCIAL

  • Data: 24/05/2017
  • Mostrar Resumo
  • A geração de energia sem impactos ambientais é o objetivo atual de vários países que buscam
    obter uma matriz energética sustentável. Neste contexto, cada vez mais se utiliza no mundo a
    energia fotovoltaica devido à sua característica renovável, à fácil instalação, à manutenção
    simples, à flexibilidade e de poder ser divisível. Comparada a outras fontes, o seu alto custo ainda
    torna pouco atrativa economicamente, razão de sua pequena exploração em vários lugares no
    mundo, principalmente no Brasil. Com a finalidade de aproveitar esse recurso energético, o
    governo brasileiro adotou incentivos para sistemas fotovoltaicos que, aos poucos, vem surtindo os
    seus efeitos.
    Inicialmente, este trabalho apresenta um levantamento do potencial fotovoltaico existente
    nos telhados residenciais de determinadas cidades e uma análise da atratividade econômica com
    os incentivos regulatórios existentes e financiamentos disponíveis no Brasil. Não apenas se
    limitando ao cenário brasileiro atual, é avaliada também a comercialização da energia gerada pelo
    setor residencial, pois em muitos países esta possibilidade já é viável.
    Uma das variáveis importantes na tomada de decisão quanto à instalação de sistemas
    fotovoltaicos é o nível de insolação. Apesar de ser menos sensível que outras variáveis climáticas
    no que se refere ao aquecimento global, este nível pode se alterar ao longo do período de vida útil
    do empreendimento. Por essa razão, foi feita a avaliação do comportamento dos níveis de radiação
    solar das capitais do nordeste no futuro. As estimativas foram obtidas através dos modelos
    climáticos globais Hadgem e Miroc e pelo modelo regional ETA.

  • SUZANA MENSCH DE CARVALHO
  • Implementação de um Sistema de Transmissão em CCAT utilizando um Simulador Digital em Tempo Real - RTDS

  • Data: 05/05/2017
  • Mostrar Resumo
  • A validação de sistemas de proteção através do uso do simulador RTDS (Real Time
    Digital Simulator) permite a criação de um ambiente de testes que, em termos de transitórios
    eletromagnéticos, se aproxima muito das condições reais às quais os equipamentos de
    proteção estarão submetidos quando estiverem instalados em campo. A fidelidade deste
    ambiente criado em laboratório dependerá das características do modelo do sistema de
    potência em questão implementado no software do RTDS. No caso de ITAIPU, por exemplo,
    até o desenvolvimento da pesquisa apresentada nesta dissertação, todos os ensaios de sistemas
    de proteção do setor de 50 Hz consideravam o sistema de transmissão em CCAT (Corrente
    Contínua em Alta Tensão) de forma simplificada, através de uma carga. Desta forma, o intuito
    desta dissertação é a apresentação de um novo modelo do sistema de transmissão de ITAIPU
    no RTDS, com um detalhamento maior do setor de 50 Hz, através da representação
    monopolar do sistema em CCAT. Através de análises comparativas entre este novo modelo e
    aqueles utilizados anteriormente chegou-se à conclusão de que as diferenças entre eles são
    sutis e que a escolha de um modelo mais simplificado ou de um mais detalhado deverá ser
    feita considerando-se o compromisso entre os fenômenos transitórios que se deseja
    representar e as limitações de hardware e software impostas pelo RTDS.

  • OCTÁVIO VIEIRA MONIZ
  • Ganhos Econômicos e Energéticos dos Transformadores Monofásicos Eficientes de Distribuição em Média Tensão nos Meios Rurais baseados nos Valores das suas Impedâncias.

  • Data: 19/04/2017
  • Mostrar Resumo
  • O transformador de distribuição é responsável por aproximadamente um terço das perdas totais na rede, onde se encontra inserido, apesar de possuir rendimento em torno de 95 a 99 % [1]. A redução das perdas de energia nos transformadores de distribuição resulta em ganhos econômicos para as concessionárias, e em ganhos ambientais com a redução de dióxido de carbono (CO2) na atmosfera. No meio rural, verifica-se que os transformadores operam em condição de subcarregamento quase o dia todo, pelo que a redução das perdas em vazio do projeto padrão pode ter maior importância do que o aumento das suas perdas nos enrolamentos, para adequá-los ao perfil de carga rural, com o objetivo de obter ganhos econômicos e energéticos. Tradicionalmente, para estas situações, faz-se uso dos transformadores com núcleos de materiais amorfos, mas, devido ao elevado preço deste material, o retorno financeiro não compensa, tornando o meio rural menos atrativo ao investimento. A proposta deste trabalho é verificar a possibilidade de realizar projetos de transformadores rurais com núcleos e enrolamentos convencionais (aço-silício e cobre) de modo a se obter projetos mais eficientes e mais econômicos, em relação aos projetos padrão, tornando o meio rural mais atrativo ao investimento. A metodologia utilizada para alterar o projeto do transformador padrão para um transformador eficiente para meio rural pode ser baseada na alternativa redução volts por espira, quando o objetivo é encontrar apenas os projetos mais econômicos e mais eficientes, ou pode-se utilizar a alternativa aumento volts por espira, quando no processo de otimização dos projetos é utilizado um projeto de referência com a impedância anormalmente elevada, e através dele se obtém um número de projetos elevado (22 neste caso), permitindo analisar graficamente o comportamento dos ganhos com a variação dos parâmetros ao longo do processo. Estas estratégias permitem obter maior redução dos custos das perdas do que aumento dos custos de aquisição, em relação ao projeto padrão, permitindo, portanto, o tempo de retorno relativamente baixo.

  • JOSÉ HUGO DE CARVALHO SOUZA
  • AUMENTO DE PRODUTIVIDADE INDUSTRIAL (OEE) ATRAVÉS DA OTIMIZAÇÃO DOS SISTEMAS DE VELOCIDADE POR TÉCNICAS DE MODELAGEM DE REDE DE PETRI COLORIDA (RdP)

  • Data: 27/03/2017
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho apresenta uma nova abordagem para tratativa de ineficiência operacional industrial que contenha sistemas automatizados. A proposta desta dissertação é realizar estudos para fins de otimização de um sistema distribuído discreto, a partir de dados amostrados no setor industrial, que contenha problemas no sistema de eficiência de velocidade que compõe um dos pilares do Overall equipment effectiveness - OEE. Para propor soluções destes problemas, foi realizada a modelagem do sistema distribuído e a análise das propriedades do mesmo através de simulações em computador. A ferramenta que foi utilizada para sistema discreto, é a Rede de Petri Colorida no CPN TOOLS. A partir do modelo RDP obtém-se um sistema de tomada de decisão autônomo para acelerar ou desacelerar o equipamento automaticamente até a velocidade especificada de “set point” estabelecida pelo trabalho, eliminando a instabilidade do processo industrial pelos critérios de velocidade. Concluindo o desenvolvimento e implementação do novo modelo lógico de sistema de automação de velocidade, foi possível alcançar 16,62% de aumento de OEE (produtividade total) no processo industrial escolhido (Laminação a Frio). O sistema também possibilitou um melhor entendimento estruturado de lógica de automação e assertividade na implementação do sistema no controlador industrial, não gerando interferências no processo e retrabalhos.

  • HOMERO KRAUSS RIBEIRO FILHO
  • Impacto de Diferentes Filosofias de Proteção nos Indicadores de Qualidade da Energia Elétrica.

  • Data: 17/03/2017
  • Mostrar Resumo
  • Esta dissertação apresenta duas propostas de procedimento para a análise do impacto da
    filosofia de proteção nos indicadores de qualidade da energia elétrica em determinado ponto
    de monitoramento da rede de distribuição. Os eventos analisados serão as interrupções de
    curta e longa duração, os afundamentos de tensão e as elevações de tensão. O primeiro
    procedimento se baseia no método de simulação de Monte Carlo, com possibilidade de
    análise da variabilidade dos indicadores, e o segundo, intitulado algébrico, utiliza equações
    algébricas, dependentes de parâmetros de fácil obtenção, onde se calcula os valores médios
    para os indicadores.
    Para a aplicação das metodologias propostas, foi utilizado como base o caso teste
    disponibilizado pelo IEEE, conhecido como sistema IEEE 34 barras. Para a realização das
    análises, foram monitorados quatro barramentos do sistema localizados estrategicamente na
    rede. Para cada ponto de interesse, foram aplicadas as filosofias de proteção coordenada e
    seletiva, com as variações pertinentes e mais utilizadas no setor elétrico.
    O trabalho apresenta os resultados obtidos através de dois procedimentos propostos, e
    realiza uma comparação entre estes métodos, chegando-se a resultados adequados. Quando se
    busca avaliar variabilidade dos indicadores, o método da simulação de faltas é mais
    apropriado. Entretanto, quando se deseja obter apenas o valor médio dos indicadores, o
    método algébrico se revela bastante eficaz.

  • BRUNA DE ALMEIDA FERNANDES
  • Utilização do Filtro de Savitzky-Golay no Cancelamento de Interferências de 60-Hz em Sinais de Eletrocardiograma.

  • Data: 14/03/2017
  • Mostrar Resumo
  • Esta dissertação apresenta a utilização do filtro de Savitzky-Golay no cancelamento de interferências de 60-Hz em sinais de eletrocardiograma. Um filtro de Savitzky-Golay com janela de onze amostras e polinômio de sétima ordem, operando com uma taxa de amostragem de 192-Hz, possibilita o casamento da frequência de primeiro nulo espectral em 60-Hz para uma banda passante de 40-Hz, satisfazendo a norma ABNT NBR IEC 60601-2-27:2013. A simplicidade aritmética e a utilização de poucos coeficientes inteiros permite que o filtro seja implementado em microcontroladores de baixo custo presentes em sistemas de monitoramento remoto.

  • ALONSO JOSÉ TORRES DE LIMA SILVA
  • Confiabilidade da Energia Eólica para o Atendimento à Carga da Região Nordeste

  • Data: 03/03/2017
  • Mostrar Resumo
  • A dependência da sociedade moderna por energia elétrica vem aumentando a cada ano, e com
    o desenvolvimento tecnológico cada vez maior, a tendência é de aumento do consumo desta
    energia. Entre as fontes que mais são inseridas no sistema elétrico brasileiro, se encontra a
    eólica. Inicialmente desenvolvida por questões climáticas, para redução da emissão de gases
    do efeito estufa, atualmente esta fonte goza de vantagens econômicas para se manter com potencial de crescimento em diversos mercados. Por ser a região que apresenta as condições
    mais favoráveis, e, consequentemente, a maior presença da geração eólica, a Região Nordeste
    e suas características foram as escolhidas para serem analisadas.
    Uma melhor operação do sistema existente, e um mais adequado planejamento do sistema
    elétrico, com grande presença de geração eólica em sua matriz, requerem, entre outros insumos,
    a realização de estudos de confiabilidade, possibilitando compreender o comportamento
    e as características da fonte eólica no atendimento à demanda. Entre os métodos existentes, a
    simulação Monte Carlo não sequencial se mostrou a mais apropriada para a determinação de
    índices que, baseados na energia produzida, podem ser utilizados na avaliação de desempenho
    das usinas eólicas. Para a estimativa destes índices, faz-se necessário obter as curvas de vento
    de cada área analisada, dentre outros dados necessários. Contudo, tais dados ainda não apresentam histórico suficiente ou qualidade confiável.
    Esta dissertação de mestrado apresenta uma metodologia para a avaliação probabilística do
    desempenho de parques eólicos, que permite: (i) avaliar o nível de confiabilidade da fonte
    eólica no sistema elétrico do Nordeste; (ii) analisar o comportamento do sistema com a entrada
    de novos empreendimentos eólicos; (iii) avaliar o desempenho do sistema frente a diferentes
    configurações dos parques atuais. O objetivo é propor uma ferramenta computacional que
    auxilie a tomada de decisão, em nível de operação e planejamento, visando sempre à melhoria
    da condição operativa do sistema. É proposto ainda um procedimento para a obtenção de curvas
    de vento a partir do histórico de geração eólica, possibilitando a determinação de séries
    estimadas de velocidades de vento para novos empreendimentos que venham a ser instalados
    em áreas próximas aos parques já existentes. Analisa-se também a influência das subestações
    de conexão à rede de transmissão sobre os índices de desempenho dos parques eólicos, abordando-se a viabilidade econômica da expansão de sua capacidade de transformação

  • DIOGO LEONARDO FERREIRA DA SILVA
  • Uma nova perspectiva sobre a parametrização da malha objetivo no controle H infinito/LTR.

  • Data: 03/03/2017
  • Mostrar Resumo
  • Neste trabalho de tese é apresentada uma nova abordagem sobre a parametrização da
    malha objetivo para o controle ℋ∞/LTR. O procedimento proposto, o qual baseia-se em
    uma transformação de similaridade, permite a obtenção de um comportamento de um
    sistema de primeira ordem, através de uma formatação particular da sensibilidade da
    malha objetivo em termos de valores singulares. Além disso, a metodologia proposta torna
    possível expandir o modelo da planta de processo para qualquer o polo real finito estável, e
    não apenas para um polo na origem como nos procedimentos clássicos de parametrização
    da malha objetivo. Assim, a metodologia proposta tem grande potencial para aplicações
    de controle baseadas em recuperação da malha objetivo em que o uso de integradores na
    malha aberta é indesejável ou até mesmo proibitivo. Propriedades adicionais são obtidas
    se o modelo de planta projeto não tem polos no semiplano à direita. Como o controle
    ℋ∞/LTR pode ser visto como uma generalização do conhecido controle LQG/LTR, a
    metodologia proposta neste trabalho para formatar a malha objetivo pode ser devidamente
    estendida para o controle LQG/LTR.

  • MATHEUS PENHA PEREIRA
  • Desenvolvimento de Sistema Automático para Ensaios de Impulsos de Tensão em Equipamentos Elétricos

  • Data: 21/02/2017
  • Mostrar Resumo
  • O desenvolvimento de um sistema para execução de ensaios de impulsos atmosféricos de tensão em equipamentos elétricos foi iniciado no Laboratório de Alta Tensão da Universidade Federal de Itajubá, LAT-EFEI, para melhorar as condições de ensaio, ampliar a capacidade do laboratório e com o objetivo de estudar e desenvolver uma tecnologia, até então predominantemente externa. O sistema é constituído de equipamentos para geração dos impulsos, medição dos impulsos aplicados e por um programa computacional de análise. Na geração de impulsos o sistema desenvolvido é baseado no gerador de Marx, sendo capaz de fornecer níveis de tensão de impulso de saída de até 400kV. Na medição das formas de tensão de impulso e de corrente são utilizados divisores de tensão e shunts, respectivamente, os quais são conectados ao registrador para captura dos oscilogramas. Além disso, para atender as normas internacionais e nacionais foi desenvolvido e agregado ao sistema um programa computacional capaz de analisar os oscilogramas obtidos pelo registrador, seguindo metodologias definidas, e entregar ao usuário, automaticamente, todos os parâmetros da forma analisada, como tempos de frente, de cauda e de corte, tensão de ensaio e amplitude relativa da sobreelevação. Tal programa, denominado IAP, foi desenvolvido, validado e testado durante a calibração do sistema de medição do LAT-EFEI no CEPEL

  • JOÃO RICARDO DE CASTILHO LOUZADA
  • Um retificador ativo CMOS de baixa potência para aplicações biomédicas implantadas.

  • Data: 17/02/2017
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho apresenta o desenvolvimento de um retificador ativo CMOS de baixa potência
    projetado para fornecer alimentação elétrica a circuitos biomédicos que estejam
    implantados. Apesar do retificador poder ser facilmente aplicado em outras finalidades,
    todos os detalhes do projeto como tipo de enlace eletromagnético, tipo de retificador e
    frequência de operação foram pensados para aplicações implantadas. O retificador ativo
    utiliza comparadores que aceleram o chaveamento dos transistores do retificador e reduzem
    assim as perdas causadas pela corrente reversa originada pela baixa velocidade de
    chaveamento dos transistores MOS conectados como diodos. O tipo de comparador proposto
    e utilizado nesta aplicação foi resultado do estudo feito com outros comparadores já
    empregados em aplicações semelhantes. Desenvolvido em processo Digital IBM 130-nm e
    projetado para operar na frequência de 13,56MHz, todo o projeto apresentou rendimento
    acima da média encontrada em publicações atuais. A eficiência PCE máxima é de 92% e o
    retificador consegue entregar uma tensão de saída de 1,233V para uma tensão de entrada
    de 1,3V.

  • YURI REIS RODRIGUES
  • Ferramenta para análises estáticas, planejamento e operação de micro redes em diversos modos operacionais.

  • Data: 17/02/2017
  • Mostrar Resumo
  • O desenvolvimento e crescente inserção de geração distribuída despachável e fontes renováveis estão transformando o conceito de áreas operacionais autossustentáveis em uma realidade. Estas regiões comumente definidas como micro redes são capazes de operar conectadas e ilhadas à rede principal.
    A presença de micro redes em um sistema de potência aumenta as complexidades de sua operação, sendo necessárias ferramentas e análises para garantia de condições operativas desejáveis. Deste modo, este trabalho aborda aspectos operacionais de micro redes sob a perspective estática, desenvolvendo e propondo diversas metodologias para a operação, análise e planejamento de micro redes.
    Tais como, ferramenta para execução de fluxos de potência para micro redes considerando o método de controle droop, participação de geração local despachável, não despachável e inserção de veículos elétricos e híbridos (VEH); Metodologia de controle secundário baseada em droop aplicada a micro redes; Processo de carregamento controlado de unidades VEHs; Metodologia para operação de VEHs como unidades armazenadoras de energia despacháveis; Dispositivo inteligente para controle, medição, processamento, atuação e comunicação do conjunto VEH-Carregador com o agente operador do sistema; Política de gerenciamento de demanda para micro redes em situação de ilhamento baseada em grupos de prioridade e período funcional de operação; Interface gráfica para análises em tempo real.
    A grande contribuição deste trabalho reside na união das metodologias propostas para criação de uma ferramenta capaz de executar análises estáticas, de planejamento e operação para micro redes conectadas à rede prinpal e/ou operando em modo ilhado.
    Para validação e demonstração do potêncial da ferramenta desenvolvida diversas configurações de micro redes submetidas aos mais adversos cenários foram executadas.
    Os resultados apresentam uma ferramenta robusta capaz de operar micro redes com as mais diversas configurações dentro dos limites estabelecidos por norma ou pré-definidos pelo agente operador, por meio de uma variada gama de metodologias de controle e ferramentas para gerenciamento de demanda e despacho de unidades geradoras.

  • LEANDRO LÍBER MALAVOLTA
  • Amplificador operacional CMOS com tensão de alimentação de 1,5V e GM constante.

  • Data: 17/02/2017
  • Mostrar Resumo
  • Neste trabalho é apresentado um amplificador operacional com característica de variação do sinal de entrada entre o máximo e mínimo da tensão de alimentação. Ao utilizar um número reduzido de transistores e a não necessidade de circuitos de alimentação externos, é alcançado baixo consumo de energia. Para isso, se utilizou um circuito de entrada com uma técnica de deslocamento de nível simplificado, um estágio intermediário com a técnica de cascode auto-polarizado e por fim um estágio de saída configurado como classe AB ou push-pull, permitindo o aumento de ganho. O amplificador opera com tensão de alimentação de 1,5V, com consumo de potência de 184μW e um ganho de 110dB. Foi simulado com tecnologia IBM 130nm utilizando o software Cadence Virtuoso e simulador Spectre.

  • MAIRA RIBAS MONTEIRO
  • Análise de Segurança Operativa e Controle de Tensão Considerando a Intermitência de Fontes Renováveis.

  • Data: 17/02/2017
  • Mostrar Resumo
  • A penetração de fontes de geração de energia renovável, em especial eólica e solar,
    introduz a intermitência como um dos principais desafios sob a perspectiva de estabilidade do
    sistema de potência. Deste modo, a operação estável, segura e confiável deve ser garantida.
    Além disso, há o aumento da inserção destas fontes no mundo, sendo também uma realidade
    do sistema elétrico brasileiro, uma vez que a região Nordeste experimenta uma forte inserção
    de geração eólica.
    Diante desta perspectiva, este trabalho propõe análises estáticas para a estabilidade de
    tensão, tendo em vista garantir a operação e auxiliar o planejamento do sistema elétrico de
    potência. Para considerar a intermitência das fontes de geração variáveis, as simulações ao
    longo de um dia inteiro foram efetuadas, e as potências geradas, eólica e solar, são calculadas
    considerando as condições climáticas.
    Os estudos serão empregados para avaliação dos impactos em função da intermitência
    destas fontes variáveis. Inicialmente, as análises são realizadas a partir da incorporação das
    fontes renováveis e de uma curva de demanda, sendo assim monitoradas as diferentes
    formações de áreas críticas determinadas durante o dia, para intervalos de 10 min. Outras
    análises consistem na identificação de geradores apropriados para efetuar o redespacho de
    potência reativa. Estes geradores são fornecidos como dados iniciais para a técnica de
    otimização por enxame de partículas (PSO), facilitando assim a determinação do incremento e
    a atingir a função objetivo de minimização de perdas elétricas do sistema. Após a otimização,
    um estudo das curvas PV, QV, margens de carga ativa e reativa foram efetuadas.
    Finalmente, a robustez do sistema é analisada por meio do cálculo da parte instável da
    função energia potencial. A partir da energia de cada barra calculada é possível formar as
    regiões de vulnerabilidade do sistema, logo, validando a coerência das áreas críticas definidas
    com auxílio do vetor tangente. Como confirmação das regiões de robustez, contingências
    simples foram aplicadas e em seguida a margem de carga ativa calculada.
    Para visualizar as formações das áreas críticas e das regiões de vulnerabilidade foram
    criadas interfaces gráficas, além de criar uma superfície para determinar as regiões de
    robustez por meio da função energia calculada.
    Os testes foram realizados com o auxílio do sistema IEEE 118 barras e desenvolvidos
    no software Matlab®.

  • THIAGO ARANTES NOGUEIRA
  • Efeitos da Temperatura de Operação no Envelhecimento Artificial de Varistores a Óxido de Zinco por Impulsos de Alta Corrente de Curta Duração

  • Data: 17/02/2017
  • Mostrar Resumo
  • Para-raios são equipamentos utilizados na proteção de sistemas elétricos e possuem como elemento ativo na sua atuação os varistores a óxido de zinco. Sua resposta frente a surtos atmosféricos é objeto de estudo de vários trabalhos. Os resultados destes trabalhos em geral têm foco na caracterização elétrica e levaram à idealização da proposta desenvolvida nesta dissertação, na qual algumas amostras envelhecidas por impulsos atmosféricos em laboratório foram selecionadas para uma série de análises físico-químicas visando à identificação das mudanças microestruturais causadas por estas descargas. Escolheu-se amostras submetidas a impulsos de mesma amplitude e buscou-se a verificação dos efeitos da temperatura de operação nestas mudanças. Para o estudo microestrutural, as amostras foram adequadamente preparadas e submetidas às seguintes análises físico-químicas: microscopia ótica por reflexão, para a verificação do processo de preparo e obtenção de uma imagem generalizada da superfície; microscopia eletrônica de varredura, para uma verificação mais detalhada do contorno de grãos e a medição de seus diâmetros; espectroscopia por dispersão de energia, para a análise elementar semiquantitativa dos varistores; ensaio de microdureza Vickers, para a medição da dureza das amostras e difratometria de raios X, para a verificação da estrutura cristalina. Os resultados obtidos permitiram observar as mudanças ocorridas após os impulsos, com foco na caracterização dos materiais, e verificar a influência direta do aumento da temperatura de operação na aceleração do envelhecimento de varistores a óxido de zinco frente a surtos atmosféricos.

  • ELIANE VALENCA NASCIMENTO DE LORENCI
  • Função Energia Aplicada ao Estudo de Estabilidade de Tensão e Definição do Perfil de Vulnerabilidade de um Sistema Elétrico de Potência

  • Data: 16/02/2017
  • Mostrar Resumo
  • Metodos diretos baseados em funcao energia para analise de estabilidade de tensao
    tem o objetivo de quanti car a vulnerabilidade de um sistema eletrico de potencia
    quanto a instabilidade de tens~ao e colapso. O termo instabilidade de tens~ao descreve
    a situacao na qual as magnitudes de tens~ao nas barras do sistema eletrico
    variam signi cativamente da faixa de operac~ao aceitavel. Tal condic~ao pode ser
    provocada, por exemplo, por mudancas no sistema ou aumento progressivo nas
    cargas. Se, nalmente, as magnitudes de tens~ao decaem de forma abrupta e
    descontrolada em uma area do sistema, o termo colapso de tens~ao se aplica. A
    metodologia de funcao energia para analise de estabilidade de tens~ao e dependente
    das solucoes das equac~oes que descrevem o problema de
    uxo de potencia;
    n~ao apenas da solucao usual (ponto de operac~ao do sistema de potencia), como
    tambem de soluc~oes alternativas particulares, que apresentam baixa magnitude
    de tensao em uma barra ou grupo conectado de barras (soluc~oes de baixa tens~ao).
    As soluc~oes de baixa tens~ao s~ao de import^ancia fundamental no processo de colapso
    de tens~ao, uma vez que este esta associado a ocorr^encia de uma bifurcacao
    local entre a soluc~ao operativa do uxo de potencia e uma solucao de baixa tensao.
    Neste trabalho, investigamos dois aspectos principais da metodologia de func~ao
    energia para analise de estabilidade de tens~ao. Primeiramente, o problema de
    identi cac~ao da soluc~ao de baixa tens~ao que bifurca com a solucao operativa no
    ponto de colapso (solucao de baixa tens~ao crtica) e discutido. Com este objetivo,
    e examinada a habilidade do metodo do vetor tangente em apontar corretamente
    a soluc~ao de baixa tens~ao crtica. Mostramos que a tecnica e consistente com o
    mecanismo das soluc~oes de baixa tens~ao. Ademais, uma nova metodologia para
    o calculo do vetor tangente e proposta, que permite antecipar a determinacao da
    soluc~ao de baixa tens~ao crtica relativamente ao metodo tradicional. O segundo
    aspecto tratado e o problema de de nic~ao do grupo de soluc~oes de baixa tens~ao
    de interesse para a analise de estabilidade. Para grandes sistemas n~ao e viavel
    calcular todas as soluc~oes de baixa tens~ao, sobretudo num ambiente de tempo
    real. Assim, determinar as soluc~oes de baixa tens~ao relacionadas, em particular,
    a area crtica do sistema e uma necessidade da abordagem de func~ao energia.
    Mostramos que o uso combinado da metodologia de soluc~oes de baixa tens~ao e
    da tecnica do vetor tangente fornece bons resultados quanto a determinac~ao da
    area vulneravel do sistema nos pontos iniciais do processo de carregamento do
    mesmo.
    Alem dos estudos realizados a cerca dos problemas conceituais que envolvem
    as soluc~oes de baixa tens~ao, este trabalho prop~oe func~ao auxiliar para a de nic~ao
    do per l de vulnerabilidade de um sistema eletrico. O calculo de vulnerabilidade
    e realizado para o caso base, e atribui a cada barra do sistema um valor escalar
    (nvel de vulnerabilidade). A partir dos nveis de vulnerabilidade associados, as
    barras podem ser agrupadas em regi~oes de maior e menor vulnerabilidade. A
    medida de vulnerabilidade de todas as barras e dependente da soluc~ao usual do
    fluxo de potencia e de uma unica solucao de baixa tens~ao, que e determinada com
    o auxlio da tecnica do vetor tangente. Ressaltamos que a metodologia da func~ao
    auxiliar apresenta restric~oes, pois mostrou bons resultados apenas para sistemas
    pequenos (por exemplo, IEEE-14, IEEE-30 e IEEE-57 barras).

  • PAULO MARCOS PINTO
  • Transceptor CMOS para comunicação de dados via rede elétrica de sinais oriundos de eletroencefalograma

  • Data: 16/02/2017
  • Mostrar Resumo
  • Densas redes de fios, tais como redes ultra-densa para EEG, são compostas por 256 a 512 eletrodos, para análise temporal e espacial do cérebro. Em vez de usar um par de fios para alimentação e fiação adicional para a comunicação de dados, o uso de Power Line Communications (PLC) permite energia elétrica e comunicação de dados em um único par de fios. Neste projeto, propomos um transceptor (transmissor e receptor), em tecnologia CMOS 0,18 μm, alimentado em 1,8V e frequência operacional de 10MHz. Simulações realizadas no ambiente de simulação CADENCE (Virtuoso Analog Design Environment L Editing) demonstram que o circuito é capaz de transmitir e receber dados oriundos de EEG corretamente sem a necessidade de acoplamentos de natureza indutiva ou capacitiva.

  • CLEVERSON FARIA DE OLIVEIRA
  • Princípio de Recuperação da Malha Objetivo Aplicado ao Controle LQG/LTR em Sistemas de Fase Não-Mínima

  • Data: 30/01/2017
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho tem por objetivo apresentar uma abordagem sobre o comportamento do Princípio de Recuperação da Malha Objetivo em sistemas de fase não-mínimana síntese LQG. O Princípio de Recuperação da Malha Objetivo é uma abordagem quevisa recuperar as propriedades de robustez do Regulador Linear Quadrático ou do Filtro de Kalman-Bucy para a síntese de controladores LQG, onde consolidou-se o controlador LQG/LTR. Neste trabalho será mostrado que, expandindo-se o sistema através de integradores e fazendo-se as devidas escolhas dos parâmetros de projeto, o formato exato dos valores singulares da malha fechada pode ser determinado. Serão investigados os limites de desempenho impostos pelo zero de fase não-mínima. Aplicações do controle LQG/LTR em um exemplo numérico e também em um modelo de uma planta real, ambos com um zero de fase não-mínima, serão apresentadas. Estas aplicações tem por objetivo comprovar a influência dos parâmetros de projeto sobre o desempenho do sistema em questão e sobre o comportamento do sistema quando se faz as devidas alterações nestes parâmetros.

2016
Descrição
  • BRUNO VENÂNCIO
  • Avaliação de Regiões de Segurança Dinâmicas de Sistemas Elétricos de Potência com Áreas Ilhadas

  • Data: 16/12/2016
  • Mostrar Resumo
  • Ilhamentos e operações ilhadas em sistemas de potência, podem ser utilizados como forma
    de aumentar a confiabilidade sistêmica, durante contingências ou grandes pertubações.
    Muitos agentes dos sistemas de potência, evitam realizar ilhamentos e operações ilhadas,
    pois, estes eventos podem gerar uma instabilidade na região ilhada, o que, muita das
    vezes, é mais prejudicial ao sistema, do que uma interrupção total das cargas na ilha
    formada. Para minimizar estes riscos de instabilidade, são necessários estudos de estabilidade,
    para avaliar os níveis de tensão, carregamento e frequência do sistema ilhado. A
    análise tradicional de estabilidade, não é capaz de avaliar a segurança do sistema frente
    a ilhamentos e operações ilhadas, ou seja, não é capaz de avaliar para determinado ponto
    operativo o quão distante de uma instabilidade este está. Para determinar estas margens
    de segurança, as quais, definem os limites operativos (limites de geração) que o sistema
    pode chegar, para que estas condições operativas possam ser realizadas com sucesso, é necessário
    aplicar ferramentas que mapeiam as regiões de segurança dinâmicas de interesse.
    Frente a esta necessidade, esta dissertação propõem uma nova metodologia de estudos de
    ilhamentos e operações ilhadas, sendo esta, composta por duas etapas, onde na primeira
    é realizada um estudo preliminar de segurança (através do uso de regiões de segurança
    dinâmicas), e na segunda é realizada uma análise tradicional de estabilidade, possuindo
    esta, interesse no comportamento da frequência sistêmica. Para mostrar esta nova metodologia
    e sua abrangência são realizadas aplicações para um sistema de transmissão e para
    um sistema de subtransmissão/distribuição, sendo o resultado destas, obtidos através do
    uso das regiões de segurança do programa ORGANON.

  • WANDERSON ELEUTÉRIO SALDANHA
  • DESENVOLVIMENTO E PROCESSAMENTO DE SINAIS EM SENSORES ULTRASSÔNICOS DE VAZÃO BASEADOS EM TEMPO DE TRÂNSITO.

  • Data: 16/12/2016
  • Mostrar Resumo
  • A fim de promover um estudo sobre o comportamento dos sinais ultrassônicos utilizados nos medidores de vazão baseados no método do tempo de trânsito, neste trabalho, de acordo com o princípio de medição descrito, foi montada uma unidade didática para medição da vazão e desenvolvido um modelo simples deste medidor para identificar as características dos pulsos ultrassônicos que permitem avaliar suas respostas nesta aplicação. Todas as partes e ensaios deste  trabalho  foram  realizados  num  laboratório  de  uma  instituição  de  ensino,  a  fim  de incentivar a investigação sobre o tema no futuro. Os circuitos utilizados neste estudo têm baixa complexidade e os custos não são elevados. O objetivo de visualizar os sinais ultrassônicos e a diferença entre tempos de trânsito em ambas as direções de vazão foi alcançado. Para obter sucesso nesse objetivo, alguns circuitos experimentais, a topologia final e os resultados são mostrados  neste  trabalho.  Os  resultados  experimentais  mostram  que  o  método  proposto  é eficiente na medição da vazão, o erro é reduzido e as variações do tempo de trânsito podem ser facilmente identificadas.

  • OTÁVIO DE SOUZA MARTINS GOMES
  • Uma arquitetura híbrida de algoritmos criptográficos, utilizando hardware reconfigurável, com foco em vulnerabilidades baseadas em análises do tipo side-channel

  • Data: 15/12/2016
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho apresenta um dispositivo de criptografia, desenvolvido em hardware reconfigurável, que utiliza características complementares de algoritmos de criptografia simétrica (AES-Rijndael e Twofish) para a construção de um dispositivo com chave de 256 bits. Foi proposta uma melhoria no S-Box do algoritmo Twofish que permitiu uma menor ocupação de área no dispositivo. A combinação dos algoritmos eliminou algumas limitações e vulnerabilidades conhecidas destes algoritmos quando implementados em hardware e poderá ser utilizada na área de redes (automotivas, V2V e V2I), dispositivos médicos, medição inteligente de energia elétrica, sistemas SCADA, entre outros.

  • CELSO EDUARDO RAMOS CAMPO DALL ORTO
  • Análise da redução do horizonte de planejamento da operação no modelo computacional de médio prazo.

  • Data: 14/12/2016
  • Mostrar Resumo
  • Diferentemente da maioria dos países no mundo, o Brasil apresenta predominância de usinas hidrelétricas em seu sistema elétrico de potência. Devido aos reservatórios de acumulação, o tomador de decisão pode escolher o melhor momento para uso da água para gerar energia ou utilizar as usinas termelétricas. Com o objetivo de aproveitar ao máximo os recursos disponíveis, o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) utiliza modelos computacionais matemáticos que têm por objetivo minimizar o custo esperado de operação de um determinado horizonte de planejamento, respeitando os critérios de segurança de suprimento. Este custo é composto principalmente pelo custo de despacho das termelétricas e pelo valor atribuído a possíveis cortes de carga (déficits de energia). Dependendo do objetivo do estudo, o horizonte de planejamento pode variar de dias a vários anos. A Empresa de Pesquisa Energética (EPE), por exemplo, utiliza um plano decenal para sinalizar a expansão da oferta de energia, com discretização mensal; entretanto, quanto maior o horizonte e a discretização das tomadas de decisão, maiores são as incertezas das premissas e maiores os tamanhos dos problemas a serem resolvidos e consequentemente o tempo computacional relacionado às simulações com os modelos energéticos. O ONS utiliza uma cadeia de modelos para o planejamento da operação do sistema elétrico, na qual o modelo de médio prazo utiliza cinco anos como horizonte de estudo, em base mensal, mais cinco anos de pós-estudo ou anos adicionais, de forma a evitar os efeitos do truncamento do tempo que haveria no final do estudo. Porém, esse período foi definido há décadas atrás, onde as características do sistema interligado nacional eram bastante distintas das atuais. Como exemplo, pode-se citar a capacidade de regularização relativa dos reservatórios, que reduziu consideravelmente frente à carga, principalmente pela decisão do governo em licitar usinas hidrelétricas com reservatórios pequenos ou praticamente inexistentes. O objetivo deste trabalho é analisar a viabilidade da redução do horizonte de planejamento no modelo de médio prazo utilizado na programação mensal da operação, observando o trade-off entre a modificação no tamanho do problema computacional e a qualidade dos resultados.
  • LIAMARA DE FATIMA FERREIRA
  • Análise de índices de estabilidade baseados no SIME aplicados à região de segurança dinâmica.


  • Data: 09/12/2016
  • Mostrar Resumo
  • Diante dos desafios apresentados na atualidade, no qual os equipamentos de rede são submetidos a operar em condições próximas de seus limites, o uso de índices de segurança torna-se fundamental frente ao problema de avaliação de segurança dinâmica de sistemas de energia elétrica. Além disto, este tipo de problema deve levar em consideração a ocorrência de contingências cada vez mais severas sobre a rede elétrica, o que tende a deteriorar ainda o suprimento de energia, bem como a qualidade dos índices de confiabilidade e estabilidade do sistema de potência. Usualmente, índices de segurança são calculados através da análise da estabilidade, na qual busca-se investigar qual a quantidade de potência o sistema suportaria antes de entrar em condição instável de operação, definindo assim o conceito de margem de estabilidade. Este trabalho tem por objetivo avaliar a segurança dinâmica do sistema, utilizando-se de índices de estabilidade, considerando também contingências. Partindo de um estudo inicial através dos chamados métodos diretos, este trabalho investiga tais índices sobre a fundamentação do conceito de máquina equivalente (SIME - Single Machine Equivalent) aplicado à chamada Região de Segurança Dinâmica. Estes índices são obtidos através das curvas de simulações eletromecânicas, que consideram a representação completa do sistema de potência e das máquinas síncronas e seus controladores. Serão apresentadas várias análises sobre as curvas Potência-Ângulo em um sistema teste com a finalidade de verificar a consistência dos métodos propostos e seu eventual potencial de uso na análise da estabilidade de sistemas de potência.

  • JOÃO MARCONDES CORREA GUIMARAES
  • Investigação de Esquemas de Proteção para Linhas de Transmissão em EAT com Circuitos Duplos e com Compensação Série-Fixa.

  • Data: 09/12/2016
  • Mostrar Resumo
  • O principal objetivo desse trabalho é apresentar a simulação de um sistema de transmissão complexo real, de maneira fiel, onde compensações shunt e série são utilizadas para aumento da capacidade de transmissão e ganho na margem de estabilidade do sistema. A compensação série e seus impactos na proteção de distância foram o foco desse estudo. Fenômenos como inversão de tensão e corrente e a vulnerabilidade causada na proteção foram simuladas, sendo observado o sobrealcance para proteção de distância e vulnerabilidade para esquemas de teleproteção POTT. Ressalta-se a importância da proteção própria dos bancos de capacitores para os casos estudados. O método de modelagem e validação do sistema através dos níveis de curto-circuito e fluxo de carga obtidos através de programas computacionais são explanados com riqueza de detalhes. Uma montagem em hardware-in-the-loop, malha fechada, foi realizada para verificação da performance de relés digitais frente aos distúrbios nesse sistema.

  • FILIPE GUIMARÃES RUSSO RAMOS
  • Um modulador de pulsos de modo misto e baixo consumo para aplicação em conversores chaveados DC-DC.

  • Data: 06/12/2016
  • Mostrar Resumo
  • Ainda que estudos de controladores digitais para conversores chaveados DC-DC (Switched
    Mode Power Supplies – SMPS) foram desenvolvidos nos últimos quinze anos, os controladores
    analógicos são amplamente adotados pela indústria, especialmente para aplicações
    portáteis (baseadas em baterias, como celulares, notebooks, tablets etc), devido aos custos
    e desvantagens dos controladores digitais tradicionais (alta frequência de amostragem de
    clock e consumo de potência).
    Entretanto, à medida que dispositivos eletrônicos portáteis requerem menor espaço de
    placa de circuito impresso (Printed Circuit Board – PCB), então o uso de componentes
    passivos discretos para concepção de compensadores PID analógicos começa a se tornar
    indesejável e, da mesma forma, o uso de componentes passivos em circuitos integrados
    devido ao considerável custo e área de silício.
    Para a solução do problema exposto, este trabalho propõe o desenvolvimento de um
    modulador de pulsos de modo misto (Mixed-Signal Pulse Width Modulator – MSPWM) a
    partir de células analógicas padrões em seu estado da arte, apresentando baixo consumo,
    alta precisão, alta linearidade, independência da temperatura de operação e, combinado
    ao uso de um compensador PID digital, torna-se desnecessário o uso de componentes
    passivos discretos, tornando-se uma potencial nova estratégia para aplicações portáteis

  • IGOR FELICIANO DA COSTA
  • Arranjos de antenas em guia fendido para redes celulares 5G e radares.

  • Data: 06/12/2016
  • Mostrar Resumo
  • Esta tese descreve o desenvolvimento de três arranjos de antenas em guia de onda fendido com faixa dupla de operação, para aplicações em redes celulares de 5ª geração (5G) e sistemas integrados de radar e comunicações. O projeto e a otimização dos arranjos foram realizados com o programa ANSYS HFSS ®. Os diagramas de radiação foram medidos em campo aberto e na câmera anecóica do Inatel.
    O primeiro arranjo reconfigurável baseou-se em uma estrutura de guia de onda retangular com dois conjuntos de fendas na face menor. As fendas de diferentes comprimentos resultaram em uma antena que opera nas frequências de 28 GHz e 38 GHz. Com o uso de chaves fotocondutivas tornou-se possível modificar fisicamente o comprimento das fendas, reconfigurando e selecionando a operação entre as duas faixas de frequência. As medidas mostraram um ganho de 8 dBi para 28 GHz e 9 dBi para 38 GHz. Resultados sistêmicos foram obtidos em parceria com a Technical University of Denmark, em Copenhagen, na Dinamarca.
    O segundo arranjo foi concebido para operar com um sistema integrado de radar e comunicação. Por meio de seu uso pode-se operar, simultaneamente, um sistema de vigilância via radar e um enlace de dados, compartilhando o mesmo equipamento. A antena possui dois conjuntos de fendas usinados em faces oposta. Dessa forma, foi possível reduzir tanto o acoplamento eletromagnético entre as fendas de frequências diferentes, em operações com duas polarizações.
    A antena proposta prevê duas faixas de transmissão: a primeira de 11,47% entre 2,3 GHz e 2,58 GHz. A segunda possui faixa de 3,27% centrada em 4,88 GHz. O ganho para faixa de 2,5 GHz (banda S) é de 13,12 dBi, e para a faixa de 4,9 GHz (banda C) esse valor aumenta para 18,92 dBi. Em parceria com a Scuola Superiore San’Anna, em Pisa, na Itália, testes sistêmicos foram conduzidos com operação simultânea de radar e comunicação, utilizando o mesmo equipamento.
    O terceiro arranjo baseou-se na mesma técnica aplicada para o arranjo da aplicação de radar. Para operar em duas faixas de frequência, existem dois grupos de fendas usinadas em faces opostas no guia de ondas, com a operação entre as bandas de 24,7GHz a 32,2 GHz e de 35,5 GHz a 39,15 GHz. Dessa forma é possível cobrir duas regiões com demandas por taxa de transmissão diferentes, em uma rede de acesso 5G. A antena fornece ganhos medidos de 12,6 dBi em 28 GHz e 15,8 dBi para 38 GHz.

  • GUILHERME GONÇALVES PINHEIRO
  • Modelagem e Simulação de Sistemas Fotovoltaicos no RTDS – Um Estudo de Caso.

  • Data: 18/11/2016
  • Mostrar Resumo
  • Esta dissertação apresenta uma aplicação do RTDS (Real Time Digital Simulator) na modelagem, simulação e análise comparativa a medições de um sistema fotovoltaico instalado. Descreve uma breve revisão das literaturas atuais no desenvolvimento de conversores para conexão à rede de distribuição de sistemas fotovoltaicos, e também comentários sobre as regulamentações envolvidas no Brasil e internacionalmente. O objetivo principal é comparar medições do sistema fotovoltaico real instalado no Centro de Excelência em Redes Elétricas Inteligentes (CERIn) da Universidade Federal de Itajubá (UNIFEI) com um modelo computacional desenvolvido na plataforma RTDS. Determinam-se os parâmetros dos equipamentos envolvidos no sistema elétrico real através da análise das folhas dados dos fabricantes, incluindo: os painéis fotovoltaicos com as respectivas associações, os dois inversores CC-CA, os dois transformadores da subestação, a carga elétrica do CERIn, e o alimentador da distribuidora CEMIG. O projeto e sintonia dos controladores também é detalhado e modelado no RTDS. Por fim são apresentados os resultados do modelo computacional projetado e simulado através de um script desenvolvido no RUNTIME do software RSCAD da plataforma de simulação em tempo real RTDS. Este script coleta amostras em dois vetores de dados meteorológicos gerados pelas medições reais de dois dias distintos, e executa variações de irradiância e temperatura no modelo, referente a dois cenários: um dia nublado e um dia de sol. Com isso, variáveis medidas na saída dos inversores modelados são comparadas às medições reais, o que demonstrou boa convergência dos dados com a realidade. Sugestões para trabalhos futuros também são apresentadas no final deste trabalho.
  • BRUNO TONSIC DE ARAUJO
  • Determinação dos Parâmetros de Máquina Síncrona através do Ensaio de Curto-Circuito com Uso do HPSO

  • Data: 07/11/2016
  • Mostrar Resumo
  • I. M. Canay introduziu em 1969 o conceito de reatância característica das máquinas síncronas. O intuito desta reatância é adequar o modelo destas máquinas à sua teoria de que os circuitos do rotor se acoplam de forma diferente ao que determinava a literatura até então. A reatância característica surge para corrigir o comportamento da corrente do campo durante transitórios elétricos, fato que se atribuía ao efeito de correntes parasitas induzidas nas partes de ferro do rotor.
    Neste trabalho é apresentada uma técnica de obtenção dos parâmetros do eixo direto da máquina síncrona, além da reatância característica, através do Algoritmo HPSO. As principais entradas do algoritmo são as correntes das fases da máquina e as correntes de campo obtidas no ensaio de curto-circuito brusco com tensão reduzida. O método foi aplicado com sucesso a duas máquinas síncronas de polos salientes.

  • ENIO CAMILO DE LIMA
  • Diagnóstico de Motores de Indução Operando em Redes Desequilibradas e Distorcidas.

  • Data: 07/10/2016
  • Mostrar Resumo
  • Motores de indução trifásicos que operam em regime contínuo e estão ligados a redes com tensões desequilibradas e distorcidas, geralmente, devem acionar cargas com potência menor que à nominal do motor. Isso se deve ao aumento das perdas e, consequentemente, da solicitação térmica. Esta tese apresenta uma metodologia de ajuste de acionamentos elétricos alimentados com tensões de sinais desequilibrados e/ou distorcidos. Para isso, foi desenvolvido um software que permite analisar o comportamento das perdas do motor e ainda: 1. Diagnosticar motores que devem operar submetidos a tensões desequilibradas com sinais distorcidos, em função da potência de carga. 2. Adequar motores de indução trifásicos já em operação, quando alimentados com tensões desequilibradas e com sinais distorcidos. Caso o motor não seja passível de adequação, o software desenvolvido possibilita a especificação de um motor que atenda às condições operacionais. 3. Analisar a redução de potência disponibilizada por motores de listas técnicas de fabricantes, em função das condições de desequilíbrio e distorção dos sinais de tensão de alimentação. No estudo desenvolvido, o comportamento das perdas do motor é verificado a partir de circuitos equivalentes, e a influência da tensão de alimentação do motor é analisada com o auxílio da teoria das componentes simétricas e da série trigonométrica de Fourier. Para obtenção dos parâmetros dos circuitos equivalentes, serão considerados tanto a influência da frequência quanto a do efeito pelicular. O trabalho também mostra que, caso o motor seja submetido a tensões desequilibradas, a redução da potência da máquina não pode ser definida apenas pelo fator de desequilíbrio, uma vez que este pode ser resultado de diferentes combinações de valores de tensões desequilibradas em módulo e/ou ângulo de fase. Os resultados obtidos demonstram que os desequilíbrios de tensão afetam com mais intensidade o enrolamento do estator, enquanto as distorções nos sinais de tensão são mais prejudiciais ao circuito do rotor. A metodologia proposta é comprovada através de: 1. Simulações para análise da redução de potência disponibilizada por motores de indução trifásicos operando em redes com sinais desequilibrados e/ou distorcidos. 2. Experimento em laboratório.

  • RODRIGO PIMENTEL DE LIMA
  • Modelo digital do motor de indução trifásico em coordenadas de fase em programas baseados no EMTP

  • Data: 12/09/2016
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho apresenta em detalhes uma revisão sobre o desenvolvimento

    de um modelo digital do Motor de Indução Trifásico (MIT) no domínio de fases em

    programas baseados no EMTP (Electromagnetic Transients Program). Logo, com

    este modelo, estudos e análises em regime transitório consideram diretamente as

    variações de indutâncias em função da posição rotórica ao longo do tempo. A mo-

    delagem apresentada neste trabalho difere dos tradicionais modelos que utilizam a

    transformada de Park (dq0) aplicada nas variáveis da máquina, resultando em in-

    dutâncias constantes para cálculo de tensões e correntes em valores instantâneos.

    O desenvolvimento deste modelo exigiu a solução de uma série de equações dife-

    renciais de primeira ordem com coeficientes variáveis no tempo. A solução é base-

    ada na discretização das equações diferenciais aplicando o método de integração

    trapezoidal. O equacionamento do motor de indução no domínio de fases foi im-

    plementado em uma rotina teste no programa computacional MatLab e os resulta-

    dos de simulação foram comparados com alguns programas para simulação de

    transitórios eletromagnéticos existentes no mercado (ATP, EMTP-RV e Simulink).

    Realizou-se também uma análise estatística, testes de hipóteses, com os resulta-

    dos de simulação para concluir se os modelos são similares entre si. Por fim, apre-

    senta-se a modelagem do MIT utilizando o conceito de equivalentes de Thévenin

    multi-área em multiníveis (multilevel MATE - Multi-Area Thévenin Equivalent).

  • KELDA APARECIDA GODÓI DOS SANTOS
  • Impactos Do Aumento Da Entrada Da Energia Solar Fotovoltaica Na Rede Elétrica Distribuída: Implicações Técnicas Do Aumento Da Geração Própria De Energia

  • Data: 29/08/2016
  • Mostrar Resumo
  • O  presente  trabalho  apresenta  estudos  sobre  os  impactos  da  inserção  de  fontes  de
    geração  distribuída  no  sistema  elétrico  com  a  expansão  do  uso  das  energias  renováveis  no
    Brasil e no mundo. A geração distribuída está em fase de  implementação e para tal algumas
    normas  foram  feitas  para  regular  essa  relação  de  consumidor-gerador  de  energia  com  as
    concessionárias. Recentemente, com a reestruturação da regulamentação, a geração própria de
    energia  foi  alavancada  e  a  estimativa  é  que  cada  vez  mais  essas  fontes  sejam  inseridas  no
    sistema. A qualidade da energia poderá ser afetada com a implantação de tais tecnologias e
    torna-se necessário conhecer quais as possíveis consequências que a rede pode sofrer, olhando
    as vantagens e desvantagens que tal técnica pode trazer. Mais especificamente, será abordada
    a inserção de distorções nas formas de onda de corrente e tensão relacionadas às frequências
    harmônicas.  Essas  distorções  que  são  injetadas  na  rede  através  de  cargas  não  lineares  ou
    eletrônicas incluem os inversores, que são usados na grande maioria das instalações existentes
    hoje  em  dia,  uma  vez  que  a  fonte  predominante  para  geração  é  a  energia  fotovoltaica.  As
    simulações  dessas  fontes  injetando  distorções  em  varias  frequências  diferentes  permitem
    estudar seus impactos quando associadas a cargas equilibradas e desequilibradas não lineares.

  • RAFAEL CARLOS GALERA DE AZEVEDO SCHWANGART
  • Determinação de áreas coerentes para o controle de tensão e potência reativa

  • Data: 08/08/2016
  • Mostrar Resumo
  • A estabilidade de tensão é uma das principais características para garantir a
    operação adequada de sistemas elétricos. A investigação da estabilidade de tensão pode ser
    realizada através de áreas de controle (ou áreas coerentes) formadas pelo agrupamento de
    barras com comportamento similar para relação Volt/Var. Esta dissertação apresenta
    análise comparativa para formação de áreas coerentes através das metodologias VCA e
    Vetor Tangente. A formação das áreas coerentes permite analisar localmente (dentro de
    cada área) os efeitos da compensação de potência reativa sob o ponto de vista da margem
    de carregamento do sistema. Casos de estudo foram simulados para o sistema teste IEEE
    118 Barras. O tamanho do sistema permite verificar a formação das áreas coerentes através
    de ambas as metodologias. A solução de um fluxo de potência ótimo é utilizada para avaliar
    os efeitos da compensação de potência reativa local para todo o sistema. Para isso, é
    utilizada a função objetivo “Carregamento Máximo” considerando duas ações de controle:
    a) despacho de potência reativa das máquinas do sistema e b) baseado na compensação de
    potência reativa local propõem-se a instalação de equipamentos de compensação reativa
    shunt para cada área particionada e as novas margens de carregamento do sistema são
    computadas. Isso indica os efeitos das ações de controle locais na margem de carregamento
    de todo o sistema. Os resultados mostram que a metodologia proposta para compensação
    local da potência reativa é adequada.

  • PAULO VITOR GRILLO DE SOUZA
  • Formação de Conjuntos de Sistemas de Distribuição quanto aos Afundamentos de Tensão

  • Data: 13/07/2016
  • Mostrar Resumo
  • Esta dissertação apresenta uma proposta de metodologia para formação de conjuntos de sistemas de distribuição quanto aos afundamentos momentâneos de tensão. O trabalho é focado em determinar qual o melhor método de formação de conjuntos a ser empregado em uma base de dados que considere as principais variáveis relacionadas com o número de afundamentos de tensão.
    Para testar a metodologia proposta, foram utilizados dados reais de uma concessionária do sistema elétrico brasileiro, a Escelsa do grupo EDP. Foram monitoradas quinze barras de quatorze subestações da Escelsa. Para todos os casos, são simulados tanto os sistemas de transmissão quanto o de distribuição, assim como os sistemas de proteção envolvidos.
    Para se ter segurança dos resultados, a metodologia foi criada tendo como base sistemas de distribuição hipotéticos, baseados no caso teste do IEEE 34 barras, onde há completa confiança nas variáveis utilizadas, e então foi aplicada a título de validação sobre dados reais.
    Este estudo apresenta uma metodologia geral que pode ser estendida e aplicada em todos os sistemas de distribuição do Brasil, podendo servir de guia orientativo para o órgão regulamentador ANEEL, para estabelecer padrões de referência para o fenômeno. Além disso, destaca-se que o objetivo é mostrar através dos resultados que, para cada base de dados, há um método que melhor se ajusta e é este método que o procedimento criado se compromete a encontrar.

  • SERGIO AUGUSTO DOS SANTOS LUSVARGHI
  • Uma proposta de modelo econômico para análise do mercado elétrico no contexto das redes inteligentes.

  • Data: 12/07/2016
  • Mostrar Resumo
  • Esta   tese   apresenta  uma  proposta   de  modelo  integrando  conceitos técnicos  e  econômicos  com  o  objetivo  de  tentar  acompanhar   algumas das   mudanças  ideológicas e estruturais que se tornam possíveis com a revolução  das  redes  elétr icas  inteligentes.  Neste  estudo  trata - se  da obtenção  das  tar ifas  regulatór ias  pela  perspectiva  microeconômica, através  de  estudos  referentes  à  otimização  dos  investimentos  e  da minimização  dos  custos,  bem  como  trata  da  questão  de  compensação ao cliente por deficiências na qualidade de fornecimento da energia , da possibilidade  de   bidirecionalidade   no  fornecimento  de  energia  e  dos efeitos do   nível de renda do consumidor com o objetivo de se aumentar a inclusão social ao acesso do bem de consumo ener gia  elétrica.   Neste contexto   apresentado ,  os  consumidores  devem  se  tornar  partícipes ativos  no  mercado  de  energia,  onde  deve  haver  o  desenvolvimento  de um  relacionamento  dinâmico  cr iando   novas  condiçõe s  e  requisitos operacionais  para  garantir  a  transfor mação  dentro  e  fora  do  ambiente de  negócios  regional.   Questões  r elacionadas  aos  investimentos  a serem  realizados  e  o  retorno  destes  in vestimentos  devem  ser respondidas  caso  a  caso,  segundo  a  realidade  regional  das concessões, segundo as previsões de compartilhamento de custos com os  consumidores  e  também  totalmente  relacionadas  com  o  nível  de renda  do  consumidor .  A  possibilidade   da  oferta  de  ser viços  e  produtos para  atendimento   dos  produtores - consumidores   e  ampliação  do  espaço de  atuação  das  concessionár ias  brasileiras  é  uma  transformação necessár ia  para  reconhecimento   destas   como  provedor as  de  soluções energéticas.

  • RENAN SOUZA MOURA
  • ESTUDO DO EFEITO DO TIPO DA CURVA QV EM SIMULAÇÕES DINÂMICAS EM SISTEMAS ELÉTRICOS DE POTÊNCIA

  • Data: 11/07/2016
  • Mostrar Resumo
  • Este  trabalho  aborda  algumas  questões  relacionadas  com  suporte  de  potência reativa  em  sistemas elétricos  de  potência.  O  trabalho  considera  a  curva  QV  como  uma ferramenta  para  indicar  a  robustez dos  geradores  em  termos  da  sua  margem  de  potência reativa. A  curva  QV  produz  informação  que  é então  considerada  nos  estudos  de contingência. Em seguida, o comportamento dinâmico de um sistema no que diz respeito à margem de  potência reativa é investigado. A margem positiva, como mostrado nos estudos, pode levar um sistema à instabilidade. Para  mover  o  sistema  para  uma  região  segura,  uma  metodologia  baseada em lógica  fuzzy  é proposta  e os efeitos  dinâmicos  são analisados. Para  simular  essa metodologia, o estudo emprega um sistema simples com 5 barramentos e um sistema real brasileiro.

  • ALISSON GUEDES CHAGAS
  • Avaliação da Estabilidade de Sistemas de Distribuição Considerando a Presença de Elevada Penetração de Geração Distribuída.

  • Data: 08/07/2016
  • Mostrar Resumo
  • A inserção de fontes de geração distribuída representa uma grande mudança para as distribuidoras, especialmente no que tange ao planejamento e à operação de suas redes. Entende-se como geração distribuída as unidades geradoras de energia elétrica conectadas nos sistemas de distribuição, podendo ser conectadas em alta, média ou baixa tensão. O foco deste trabalho se dá nos geradores conectados nos sistemas de distribuição em alta tensão, em 138 kV. Características dinâmicas, antes típicas de sistemas de transmissão, tomam uma importância cada vez maior nos eixos de distribuição de alta tensão (subtransmissão), principalmente considerando que o despacho deste bloco de geração é realizado de forma descentralizada, sem a coordenação dos centros de operação das distribuidoras. Este trabalho aborda a estabilidade em sistemas elétricos de potência, num cenário de elevada penetração de recursos distribuídos. É apresentada uma visão geral sobre as técnicas de análise de estabilidade eletromecânica e de tensão,identificando a abrangência e limitações de cada um dos fenômenos. Finalmente é desenvolvido um estudo da estabilidade de um sistema real disponibilizado pela Cemig, considerando a conexão de uma Pequena Central Hidrelétrica(PCH) em sua rede de distribuição de Alta Tensão (AT). Testes de controladores e vários distúrbios são simulados com o objetivo de avaliar o comportamento dinâmico desta nova configuração do sistema elétrico sob o impacto da conexão. Dependendo da natureza e da duração do distúrbio, o comportamento eletromecânico das unidades geradoras pode conduzir o sistema para um novo ponto de operação estável, ou não ser suficiente para sustentar a estabilidade.

  • LETICIA DOS SANTOS BENSO MACIEL
  • Estudo de unificação de áreas de concessão de energia elétrica utilizando um modelo econômico de mercado

  • Data: 07/07/2016
  • Mostrar Resumo
  • Utilizando um modelo econômico do mercado elétrico (Modelo TAROT- Tarifação Otimizada), esta dissertação avalia o comportamento econômico das tarifas regulatórias de energia elétrica de algumas distribuidoras de energia elétrica de um mesmo grupo societário em processo de renovação de seus respectivos contratos de concessão junto à ANEEL, considerando um cenário de agrupamento destas áreas de concessão em uma única. Entende-se que possa haver vários métodos para realizar o agrupamento de áreas de concessão, entretanto, neste trabalho utilizou-se apenas um método, dentro do modelo TAROT, para promover o agrupamento das áreas de concessão. Avalia-se também a possível redução nos custos operacionais advindos do agrupamento e como isto impacta economicamente a empresa e a sociedade. Há um aumento do Bem-Estar Socioeconômico (EWA) e uma diminuição na tarifa (T) a medida que ocorre a diminuição dos custos.

  • MURIELL DE RODRIGUES E FREIRE
  • Algoritmo Evolutivo Adaptativo Via Multioperadores Aplicado ao Planejamento da Expansão de Sistemas de Transmissão

  • Data: 01/07/2016
  • Mostrar Resumo
  • A solução do problema de Planejamento da Expansão da Transmissão (PET) visa determinar os investimentos em reforços à rede elétrica que devem ser realizados para se atender o crescimento do consumo de energia elétrica. A utilização de métodos de otimização exatos se torna inviável em muitos dos problemas PET para sistemas reais, pois a explosão combinatorial torna o custo computacional proibitivo. Nesse sentido, técnicas meta-heurísticas têm demonstrado ser uma excelente opção, apresentando resultados satisfatórios tanto do ponto de vista da qualidade das soluções quanto em relação ao desempenho computacional. Esta tese de doutorado tem como objetivo propor uma nova meta-heurística para resolução de problemas PET estático e de longo prazo. Baseada nos conceitos dos tradicionais algoritmos evolutivos, o algoritmo proposto utiliza multioperadores de busca e um mecanismo dinâmico para adaptação das probabilidades de seleção e aplicação destes operadores. Dois conjuntos de operadores estocásticos são propostos: evolutivos e especialistas. A formulação matemática adotada para o PET inclui a definição de um problema de programação linear, baseado no modelo de fluxo de potência DC com perdas, e um algoritmo para avaliação do critério de segurança “N-1”, utilizado para garantir um nível adequado de confiabilidade ao sistema. Como formade reduzir o custo dos investimentos sem comprometer a confiabilidade, uma nova metodologia é proposta para avaliação do critério “N-1”,a qual relaxa os limites operacionais dos equipamentos permitindo um determinado nível de sobrecarga em caso de contingências simples. A ideia principal do algoritmo proposto é, a partir de um conjunto de operadores
    de busca com diferentes heurísticas, descobrir quais operadores são mais eficientes na resolução de um determinado problema PET, e em qual momento do processo de busca cada operador deve ser utilizado. O desempenho deste algoritmo é avaliado através de sua aplicação na resolução de problemas PET para duas redes bastante conhecidas na literatura da área: Sistema IEEE RTS-79 e Sistema Sul Brasileiro. Os resultados são amplamente discutidos.

  • SÍLVIA COSTA FERREIRA
  • Controle Preditivo Baseado em Modelo na Compensação Dinâmica do Reativo com Filtro Híbrido.

  • Data: 01/07/2016
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho propõe a utilização do controle preditivo baseado em modelo (MPC) para controle dinâmico da potência reativa de um filtro híbrido. O equipamento é composto por um filtro ativo em série com um banco de capacitores. A parte ativa, utiliza um filtro LCL na saída do inversor para eliminar o chaveamento e controlar a tensão nos terminais do banco de capacitores. Um modelo matemático do filtro híbrido é utilizado para aplicar o MPC no controle da potência reativa fornecida pelo equipamento. O MPC, por sua vez, utiliza um modelo matemático para prever o comportamento do sistema e otimizar o problema de controle. Entretanto, erros nos parâmetros do modelo, podem causar desvios no controle da potência reativa fornecida. Por este motivo, esse trabalho também propõe um algoritmo baseado em filtros adaptativos para estimar as principais impedâncias do equipamento. Os resultados práticos e de simulação obtidos mostram a viabilidade de aplicação do MPC no controle da potência reativa do filtro híbrido com boa resposta dinâmica, enquanto o algoritmo de estimação garante o seu desempenho em regime permanente evitando erros causados por incertezas de parâmetros.

  • AURELIO LUIZ MAGALHAES COELHO
  • Um Sistema Integrado de Testes de Funções de Proteção de Geradores Síncronos Associadas aos Limites de Excitação de um Modelo de AVR Implementado em Ambiente de Simulação Digital em Tempo Real

  • Data: 22/06/2016
  • Mostrar Resumo
  • Dentre os principais equipamentos que compõem o sistema de potência, a máquina
    síncrona destaca-se por possuir esquemas complexos de controle que influenciam na
    estabilidade do sistema elétrico, controlando a operação da turbina e a excitatriz do gerador.
    No caso da excitatriz do gerador, o regulador automático de tensão (AVR) controla a tensão
    terminal e a potência reativa fornecida pela máquina. Além disso, os AVRs podem ser
    dotados de outras malhas de controle com funções adicionais de proteção no gerador e no
    próprio sistema de excitação, como é o caso das malhas de limitação de excitação. Além da
    ação de controle conferida por esses limitadores, o sistema deve ser equipado com relés de
    proteção para garantir a segurança em caso de uma perda de excitação ou sobrexcitação,
    evitando danos à máquina e efeitos adversos sobre o sistema. Nesse contexto, torna-se
    necessário a aplicação de sistemas coordenados de proteção e controle que permitam garantir
    a estabilidade do sistema e a proteção das máquinas. Assim, este documento apresenta um
    modelo unificado para teste e simulação da proteção de geradores síncronos, contemplando a
    interação dos seus ajustes com os limites definidos no sistema de excitação das máquinas.
    Para isso, um sistema teste completo de geração é implementado em um Simulador Digital
    em Tempo Real (RTDS), incluindo um novo modelo de sistema de excitação para sua
    biblioteca. Para validar o desempenho dinâmico do modelo implementado, são analisados os
    requisitos técnicos mínimos de desempenho de sistemas de excitação definidos em normas e
    procedimentos de rede. Na sequência, os limites definidos no sistema de excitação modelado
    são coordenados com os ajustes da proteção de perda de excitação e demais proteções
    associadas aos limites do regulador. Um esquema de teste em malha fechada (Hardware-In-
    The-Loop) usando um relé numérico foi implementado em laboratório para realização de
    testes a fim de investigar a interação das proteções do relé físico com os limites do sistema de
    excitação modelado. Resultados dessa avaliação são apresentados em diferentes cenários, para
    os quais a máquina e o sistema poderão estar submetidos.

  • JOSÉ GUILHERME RODRIGUES FILHO
  • Supressores de Transitórios de Alta Frequência em Subestações Isoladas a Gás SF6

  • Data: 08/06/2016
  • Mostrar Resumo
  • Transitórios de frequência muito alta, Very Fast Transients, devido a manobras ou flashovers em equipamentos de alta tensão isolados a gás SF6 já são pesquisados e tem sua caracterização bem definida há mais de três décadas. Porém nos últimos anos, devido à crescente utilização de subestações isoladas a gás e o predomínio de disjuntores com câmaras de extinção a SF6, mesmo em subestações com isolação convencional a ar, a interação destes transitórios com o dielétrico dos equipamentos, com a possibilidade de levar a falhas prematuras, passou a despertar novamente o interesse de fabricantes e usuários de equipamentos de alta tensão. Ainda existe uma lacuna nas normas que determine qualitativamente e quantitativamente para cada tipo de equipamento os níveis de geração e de suportabilidade destes transitórios de frequência muito alta. Atualmente quando se identifica a sua ocorrência em níveis que ultrapassam a suportabilidade dos equipamentos, os custos envolvidos para a compatibilização quer com a alteração da disposição dos equipamentos, quer com a alteração de projeto principalmente de transformadores, são sempre muito elevados e demandam longo período de tempo para implementação. Este trabalho tem como objetivo propor uma alternativa, de baixo custo e rapidez de implementação, para reduzir os níveis destas sobretensões, utilizando a inserção de anéis (toroides) de material magnético em trechos dos barramentos blindados de forma a aumentar a indutância linear nestes trechos, que passam a atuar como supressores de surtos de alta frequência. Como introdução é realizada uma revisão do conceito do transitório de frequência muito alta, assim como suas formas e origens em equipamentos isolados a SF6 e de como o dielétrico de equipamentos como transformadores podem ser degradados cumulativamente até causar a falha, pela ruptura do dielétrico. A proposta foi validada primeiramente através de modelagem digital utilizando o software ATPDrawTM. A seguir foram realizadas medições em um modelo reduzido utilizando cabos coaxiais nos comprimentos dos barramentos blindados onde foram conectados componentes R, L e C representando os supressores e demais componentes modelados. Finalmente foram realizados ensaios e medições em um circuito montado em um laboratório de alta tensão com componentes de uma subestação 500 kV, isolada a gás SF6. Os resultados das medições no circuito em 500 kV confirmaram os resultados das atenuações obtidas (20% a 40%) na modelagem computacional e no modelo reduzido, comprovando assim a viabilidade da implementação da alternativa proposta.

  • GUSTAVO PAIVA LOPES
  • Modelagem estatística do efeito disruptivo para isoladores de média tensão.

  • Data: 31/05/2016
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho tem como objetivo desenvolver o modelo matemático do efeito disruptivo para isoladores de distribuição dos tipos pino e pilar de porcelana, utilizados nas classes de tensão de 15 kV e 25 kV. A abordagem utilizada possui enfoque estatístico e considera a aplicação de impulsos de tensão originados por descargas atmosféricas diretas e indiretas. A modelagem do efeito disruptivo busca representar de forma real o comportamento dielétrico dos diversos componentes dos sistemas elétricos, definindo o instante em que ocorre a disrupção para uma determinada forma impulsiva e amplitude aplicadas. Os parâmetros necessários para este desenvolvimento são obtidos a partir de ensaios dielétricos, realizados com o objetivo de determinar a tensão disruptiva crítica – U50% e a característica tensão x tempo de disrupção, também conhecida com curvas V x t. Neste trabalho, são utilizadas 13 formas impulsivas de tensão não padronizadas, além da forma padrão (1,2 x 50 μs). As formas não padronizadas consistem na combinação de tempos de frente rápidos (0,5 a 1,2 μs) e lentos (3 a 10 μs), bem como tempos com caudas curtas (5 a 20 μs) e padronizadas (50 μs). São avaliados dois procedimentos distintos para a escolha das constantes que compõem o modelo, e um novo conceito para a adequação da dispersão dos pontos ao longo das curvas V x t é proposto, considerando que esta dispersão varia na medida em que a tensão aplicada é elevada. Este requisito é de grande importância na representação da isolação de um equipamento ou elemento do sistema elétrico sem a utilização de médias dos tempos de corte. Os resultados são exibidos nos formatos gráfico e numérico. Através de comparação entre o valor mais provável e a sobreposição dos intervalos de confiança calculados para cada resultado, tem-se que o modelo desenvolvido é capaz de descrever o comportamento dielétrico dos isoladores avaliados através das curvas V x t de maneira adequada. O modelo do efeito disruptivo desenvolvido tem sua principal contribuição na representação de redes de distribuição de média tensão em programas digitais de simulação de descargas atmosféricas indiretas, reproduzindo de forma adequada a ocorrência de disrupção nos isoladores. Com a implementação futura destes resultados, as concessionárias de distribuição de energia elétrica poderão prever a taxa de desligamentos causadas por descargas atmosféricas em alimentadores reais, incluindo ainda os efeitos das sobretensões nas taxas de falha dos transformadores de distribuição, sendo estes os equipamentos que apresentam maior custo de substituição e reforma.

  • GUILHERME ROSSE RAMALHO
  • Desempenho de topologias de redes de comunicações aplicado ao monitoramento do sistema elétrico de potência simulado em tempo real

  • Data: 30/05/2016
  • Mostrar Resumo
  • Esta tese apresenta a integração de um sistema elétrico de potencia simulado em tempo real
    a um programa externo caracterizando uma aplicação de monitoramento do perfil de tensão
    eficaz em um centro de controle do sistema elétrico. É apresentada uma breve descrição
    do conceito de redes elétricas inteligentes que visa a integração de diferentes aplicações
    ao legado e tradicional sistema elétrico de potencia, dando enfoque quanto a diferentes
    requisitos de desempenho disponibilizados pela literatura. Ao contrário do gerenciamento
    tradicional e unidirecional do fluxo de potência, as redes elétricas inteligentes apresentam
    novas formas de geração e modelos de negócios que obrigatoriamente dependem de uma
    infraestrutura de comunicação que contemple não somente os grandes geradores, linhas
    de transmissão e subestações de interconexão, mas também permita controle de cargas
    individuais de consumidores. Diferentes topologias e tecnologias de telecomunicações
    podem ser empregadas pelo setor elétrico e nesta tese foram empregadas tecnologias
    disponíveis aos consumidores de telecomunicações tradicionais de forma a integrar um
    simulador hospedado no CERIn e uma aplicação que pode empregar acesso a rede de dados
    interna ou externa à infraestrutura do CERIn. Para cada requisição enviada em diferentes
    redes e distancias pela aplicação externa, é monitorado o tempo de comunicação para se
    analisar quais das aplicações para redes elétricas inteligentes apresentadas no corpo desta
    tese é adequada e também definir parâmetros mais restritos quanto ao atraso admissível
    para diferentes aplicações.

  • JACQUES MIRANDA FILHO
  • Agrupamento de Subestações para Estudos de Afundamentos de Tensão por Análise de Componentes Principais

  • Data: 25/05/2016
  • Mostrar Resumo
  • Afundamentos de tensão são os desvios de qualidade da energia elétrica que mais afetam
    cargas industriais sensíveis causando perdas de produção e outros impactos para os
    equipamentos dos usuários finais e distribuidores de energia elétrica. Uma nova metodologia
    para a estimativa de padrões de afundamentos de tensão e agrupamento de subestações de
    distribuição com características semelhantes para afundamentos de tensão é a principal
    contribuição deste trabalho. O foco é a regulação deste fenômeno no Brasil. Modelagem de
    rede e simulações de faltas nos níveis de tensão de transmissão e distribuição foram realizados
    em um sistema de distribuição brasileiro com 17 subestações, a fim de se obter informações
    sobre o número de afundamentos de tensão verificados nas barras das subestações
    mencionadas. A Análise de Componentes Principais foi aplicada em um número significativo
    de variáveis que contêm informações relevantes sobre a qualidade da energia elétrica e
    características de projeto das subestações, sendo armazenados os Scores dos componentes
    principais. Em seguida, conjuntos de subestações com características semelhantes para
    afundamentos de tensão foram formados sendo então atribuída uma classificação para cada
    subestação. O número anual esperado de afundamentos de tensão é o resultado. Foi estimado
    o intervalo de confiança de 95% para o número anual total de afundamentos de tensão,
    levando à classificação das principais variáveis relacionadas a estes eventos, por conjuntos
    formados. Conjuntos de subestações com semelhanças para fins de regulamentação de
    afundamentos de tensão foram os principais resultados, seguidos da classificação das
    principais variáveis associadas aos afundamentos de tensão por conjuntos formados. A análise
    crítica dos resultados e a comparação entre os diferentes métodos de agrupamento
    reafirmaram a assertividade da metodologia proposta para a gestão da qualidade da energia
    associada aos afundamentos de tensão, pelo Órgão Regulador e as empresas de distribuição de
    energia elétrica no Brasil.

  • IVAN PAULO DE FARIA
  • DESENVOLVIMENTO DE PROTÓTIPOS E AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO DE INVÓLUCROS DE PEAD PARA APLICAÇÃO EM PARA-RAIOS DE DISTRIBUIÇÃ.


  • Data: 06/05/2016
  • Mostrar Resumo
  • Os para-raios são equipamentos elétricos amplamente utilizados na proteção do
    sistema elétrico contra sobretensões. Atualmente, os supressores de surtos, empregados em
    redes de distribuição de média tensão, têm seus invólucros constituídos por materiais
    poliméricos, sendo os tipos mais comuns as borrachas de silicone, etileno propileno (EPR),
    etileno propileno dieno (EPDM) e suas blendas. Entretanto, os dielétricos poliméricos
    atualmente utilizados são susceptíveis a degradação devido ao ácido nítrico, gerado pelo
    efeito corona na presença de umidade, e aoácido sulfúrico, presente em chuvas ácidas.
    Outro ponto relevante se refereaos custos de aquisição dosmateriais isolantes, em
    específico, a borracha de silicone, que apresenta valores relativamente elevados comparados
    com o polietileno de alta densidade (PEAD). Neste sentido, além de apresentar vantagens
    econômicas, o PEAD apresenta também desempenho satisfatório na presença de ácidos
    nítrico e sulfúrico. Adicionalmente, o polietileno de alta densidade é passível de reciclagem,
    fato não observado nos materiais atualmente utilizados como invólucros de para-raios.
    Desta forma, este trabalho tem por objetivo avaliar a aplicabilidade do PEAD na fabricação
    de invólucros de para-raios de distribuição. Para tanto, foram produzidos diversos protótipos
    de para-raios de PEAD e, posteriormente, ensaiados de acordo com os critérios definidos na
    norma IEC 60099-4. Os resultados dos ensaios realizados foram balizando as modificações
    propostas nos invólucros dos protótipos, sendo que desempenhos satisfatórios foram
    alcançados através da utilização do PEAD plastificado. Os para-raios com invólucros de
    PEAD plastificado apresentaram uma redução dos custos totais de fabricação em torno de
    20%, comparando com os para-raios de invólucros em borracha de silicone. Em relação ao
    preço médio dos para-raios poliméricos atuais, como os constituídos por silicone, EPR,
    EPDM e suas blendas, observou-se uma reduçãodos preços da ordem de 15%. Portanto, os
    para-raios de PEAD plastificado são atrativos tanto do ponto de vista técnico quanto
    econômico. Atualmente, mais de três mil unidades dos para-raios de PEAD plastificado
    foram produzidas pela empresa PLP e parte se encontra instalada nas redes de distribuição
    da concessionária de energia AES Sul. Os resultados daoperação vêm indicando bom
    desempenho destes novos supressores de surtos, sugerindo um produto promissor para o
    mercado de distribuição de energia elétrica.

  • DECIO RENNO DE MENDONCA FARIA
  • Modulador por intervalo de pulsos (PIM) aplicado à rede de sensores do corpo humano.

  • Data: 03/05/2016
  • Mostrar Resumo
  • Com o avanço da eletrônica e dos meios de comunicação, o uso de dispositivos
    eletrônicos de monitoramento de funções biométricas vem crescendo. Os dispositivos
    implantados demandam pequenas dimensões e comunicação sem fios. Estas características
    limitam o consumo de energia e assim o dispositivo implantado deve executar o menor
    processamento possível no sinal e a comunicação deve ser sem fio.
    Este trabalho apresenta um conversor tensão frequência (VFC) e um conversor de
    sinais VFC em um sinal de modulação por intervalo de pulsos (PIM), em tecnologia IBM
    CMOS de 130nm. Esse sistema de modulação diminui o consumo de energia dos sistemas
    implantados através da redução do tempo em que o transmissor permanece ligado.
    Os resultados dos testes em simulador foram bastante satisfatórios confirmando a
    viabilidade da implementação e utilização de um conversor que transforma os sinais de um
    VFC em sinais de modulação PIM.

  • THIAGO CARVALHO DIAS
  • Aplicação de Limitadores de Correntes de Curto-Circuito Pirotécnicos em Sistemas Elétricos Industriais

  • Data: 29/04/2016
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho tem como objetivo apresentar e discutir os principais conceitos
    relativos a aplicação de Limitadores de Corrente de Curto-Circuito (LCC) em sistemas
    elétricos industriais. Para isto, será apresentada toda a base teórica, partindo
    das características das correntes de curto-circuito, introduzindo o método proposto
    pela IEC para cálculo de correntes de curto-circuito e as metodologias para análise
    de superação de disjuntores, fusíveis, conjuntos de manobra e controle de potência
    e saturação de transformadores de corrente (TC). Será contextualizado o problema
    do aumento contínuo das correntes de curto-circuito nos sistemas elétricos de potência
    em geral e exposta a necessidade da aplicação de LCCs. As principais soluções
    e modelos de dispositivos encontrados no mercado hoje são apresentados
    em seguida.
    Como o foco desta dissertação é a aplicação de LCCs em sistemas industriais,
    os dispositivos com maior aplicação neste segmento foram pesquisados em
    mais detalhes. A partir desta pesquisa, foi desenvolvido um modelo de LCC pirotécnico
    para uso em programas de cálculo de transitórios eletromagnéticos, com
    implementações nos programas computacionais Simulink e ATP (Alternative Transients
    Program).
    A fim de consolidar todo o conteúdo apresentado e ilustrar a aplicação de
    um LCC será desenvolvido um estudo de caso real de uma plataforma de extração
    de petróleo em águas profundas. O sistema será modelado utilizando os programas
    computacionais PTW (PowerTools for Windows) e ATP, para análise de superação
    de equipamentos e verificação do comportamento e desempenho do LCC
    em regime transitório, respectivamente.

  • CÁSSIO GIULIANI CARVALHO
  • “Lastro de energia do sistema hidrotérmico brasileiro: análise conceitual e propostas de aprimoramentos”

  • Data: 04/03/2016
  • Mostrar Resumo
  • Garantir a segurança do suprimento de energia elétrica em seu território é assunto estratégico
    para qualquer nação desenvolvida ou em desenvolvimento. Trata-se não somente de garantir
    bem-estar aos seus cidadãos, mas também garantir ummercado de energia eficiente do ponto
    de  vista  econômico  de  modo  a  assegurar  a  competitividade  das  atividades  econômicas.  No
    Brasil,  adota-se  um  modelo  de  mercado  baseado  em  certificados  de  energia,  o  que  exige
    algum  método  de  medição  da  contribuição  de  cada  empreendimento  para  a  segurança  do
    suprimento, tarefa que se torna mais complexa em sistemas hidrotérmicos. Trata-se de um
    modelo peculiar e não muito compreendido por muitosdos profissionais que atuam na área.
    Apresentar  suas  bases,  seus  pontos  fortes,  suas  falhas  e  propor  melhorias  constituem  os
    objetivos desta dissertação. Para tanto, além de umestudo comparativo com a regulação de
    outros  países,  foi  realizada  uma  análise  da  origem  e  da  evolução  do  mercado  de  energia
    brasileiro  baseado  na  comercialização  de  certificados  de  energia  (garantias  físicas),
    evidenciando  a  importância  da  aferição  do  lastro  de energia  para  esse  modelo.  Discute-se
    ainda  como  os  critérios  de  planejamento  afetam  o  lastro  de  energia  do  sistema  e  como  a
    garantia física se relaciona com os parâmetros técnicos das centrais geradoras.

  • VALÉRIA CRISTINA MARIA NASCIMENTO LEITE
  • Estatística de ordem superior e cicloestacionariedade no diagnóstico preditivo de máquinas elétricas.

  • Data: 04/03/2016
  • Mostrar Resumo
  • Rolamentos são elementos de máquinas amplamente utilizados em aplicações aeroespaciais e
    industriais para apoiar o eixo de rotação, reduzindo o atrito mecânico e o aquecimento. Esses
    componentes estão sujeitos a vários tipos de falhas que podem ser classificadas em: falhas um
    único ponto ou localizadas e falhas distribuídas. Uma maneira comum de detectar avarias
    localizadas nos rolamento é através da análise e identificação das chamadas frequências
    características do rolamento. Neste trabalho, a análise do espectro do envelope quadrático
    baseado em curtose espectral será utilizada para identificar essas frequências. A fim de avaliar
    o desempenho da metodologia aplicada, testes experimentais foram realizados considerando
    rolamentos com falhas localizadas na pista externa.
    Neste contexto, este trabalho explora o conceito de manutenção baseada na condição (CBM)
    ou manutenção preditiva através do monitoramento e processamento dos sinais de vibração e
    corrente elétrica, gerados por um motor de indução trifásico, no qual os rolamentos em estudo
    foram instalados. O processamento desses sinais, baseado em estatísticas de ordem superior e
    na análise espectral do envelope quadrático, tem por objetivo detectar a falha, indicar sua
    localização e sua severidade. Dessa forma, o trabalho introduz uma nova abordagem para
    detecção de falhas em rolamentos com desempenho superior às técnicas tradicionais. O
    trabalho emprega ainda diferentes algoritmos para o cálculo da curtose espectral. Por fim,
    seguindo essa linha de estudo, são apresentadas propostas de trabalhos futuros incluindo a
    utilização da curtose espectral para o monitoramento da condição de transformadores de
    potência, através da estimativa de umidade no óleo isolante.

  • WILSON CÉSAR SANT`ANA
  • Detecção precoce de danos no isolamento de geradores elétricos através da análise do espectro de impedâncias.

  • Data: 03/03/2016
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho descreve uma metodologia para detecção precoce de danos no isolamento de
    geradores elétricos. Foi escolhida a técnica por espectro de impedância, dado que a literatura indica
    que esta é sensível o suficiente para detectar mudanças nas propriedades dielétricas do isolamento.
    Um protótipo de laboratório foi desenvolvido para injetar sinais senoidais em larga faixa de
    frequências e medir a impedância da máquina sob teste em cada uma destas frequências, obtendose assim um espectro de impedâncias. Cada espectro obtido é, então, comparado a seu histórico
    (chamado baseline ). Em caso de diferenças de um determinado espectro para seu baseline, isto pode
    ser indício de mudanças nas propriedades dielétricas do isolamento.
    Também é descrito um procedimento de projeto do sistema de acoplamento entre o protótipo e
    um gerador em funcionamento, para operação online. Este sistema é composto por um filtro passa
    altas C-L-C e um circuito com amplificadores operacionais e supressor de transitório. É enfatizado
    que o acoplamento produz um efeito de “sombra” no espectro, diminuindo a região útil para análise.
    É discutido que um acoplamento C-L-C melhora o desempenho de um acoplamento capacitivo
    comum. Resultados experimentais são relatados, tanto para operação offline quanto para operação
    online em um gerador de indução a 235V e em um gerador síncrono de polos lisos em 220V.
    Como a técnica de FRA é baseada em comparações entre espectros, repetibilidade entre as medidas é fundamental para obtenção de um diagnóstico confiável. Este trabalho mostra que vários
    fatores externos (tais como temperatura, umidade do ar e a posição angular do rotor) podem ter
    influência nas medidas. Uma metodologia estatística foi proposta visando a um diagnóstico mais
    preciso, mesmo quando existe variabilidade entre as medidas.

  • CAROLINA MONTSERRAT VILLASANTI LÓPEZ
  • Avaliação de estabilidade de tensão com auxílio de estimação de estado

  • Data: 16/02/2016
  • Mostrar Resumo
  • A operação em tempo real dos sistemas elétricos de potência (SEP) tem como objetivo
    principal o suprimento de energia elétrica, em obediência à trilogia de continuidade,
    qualidade e economia de serviço. Para alcançar tal objetivo, é necessário que os níveis
    de tensão, frequência, fluxos nas interligações, carregamento de linhas e equipamentos,
    sejam mantidos dentro de faixas, ou limites de segurança.
    Este trabalho propõe um método de avaliação de estabilidade de tensão para o
    setor de 50 Hz da Usina Hidrelétrica de ITAIPU (UHE-ITAIPU) utilizando como dado
    de entrada uma solução válida do estimador de estado (SE) com o objetivo de avaliar
    relativamente a segurança operativa de cada ponto de equilíbrio. É utilizado um método
    de análise estático que consiste na utilização de métodos desacoplados para avaliação
    da estabilidade de tensão com o objetivo de obter as curvas QV e PV para determinar
    quais são as barras críticas, a margem de carga de potência ativa e a margem de carga
    de potência reativa. O presente trabalho poderá auxiliar a operação em tempo real nas
    ações de controle que deverão ser tomadas para manter a operação dentro dos limites de
    segurança.

  • TALITA DA COSTA SILVA RISCHTER
  • Análise de estabilidade robusta do controle de corrente da ponte monofásica a tiristor alimentando uma carga RL.

  • Data: 15/02/2016
  • Mostrar Resumo
  • A análise de estabilidade é necessária, em sistemas de controle monovariáveis (SISO), tanto no projeto dos controladores, quanto na escolha dos critérios de desempenho. Se o sistema for instável, em uma determinada faixa de frequências, o controlador empregado modificará a resposta em frequência da função de transferência em malha aberta, de modo a alcançar a estabilidade. Apesar das técnicas clássicas serem capazes de determinar a estabilidade relativa a um ponto de operação, estas não incluem os efeitos de variações de parâmetros ou de tolerâncias de componentes. Através de técnicas de análise por estabilidade robusta é possível avaliar os efeitos de variações de parâmetros, o que permite obter controladores mais confiáveis. Neste trabalho será realizada a análise de estabilidade robusta aplicada ao controle de corrente de uma carga resistiva/indutiva, acionada por um retificador monofásico tiristorizado. Através da modelagem matemática desenvolvida serão mostradas as influências das variações de valores de resistência e indutância para o sistema de controle em malha fechada. Com isso, a estabilidade de um controlador PI será verificada. O sistema completo será analisado através de simulações e pelo método de Monte Carlo, onde serão modificados os valores dos componentes ao redor de tolerâncias especificadas.
  • BRUNO DE NADAI NASCIMENTO
  • Uma proposta de metodologia de corte de carga em microrredes ilhadas.

  • Data: 15/02/2016
  • Mostrar Resumo
  • Dentro do atual cenário de penetração de recursos energéticos distribuídos nos sistemas elétricos de potência, as microrredes têm se tornado uma potencial solução no que diz respeito à integração desse tipo de tecnologia. A figura de um centro supervisório que automatize a operação é o que garante a capacidade de uma microrrede continuar fornecendo energia mesmo após um ilhamento, ou seja, quando é desconectada da rede principal. Este trabalho apresenta uma metodologia capaz de ser aplicada em um centro supervisório de microrredes desprovido de controle secundário e terciário, contemplando apenas o controle primário de droop dos geradores. Essa metodologia se baseia em uma política de corte de carga seletivo, isto é, inserem-se classes de prioridades em todas as cargas de modo que serviços essenciais sejam preservados em um cenário adverso, sendo os níveis de frequência e tensão, caso necessário, restabelecidos através do corte de cargas de menor prioridade. Consideram-se dois algoritmos para a execução do corte: um por subfrequência, que distribuirá entre todas as barras de uma classe o valor excedente de potência a ser cortado; e um por subtensão, que utiliza uma modificação na matriz Jacobiana complementada com a técnica do vetor tangente na determinação de barras mais susceptíveis, tendo em vista que essa política de corte deve ser regional. Para determinação dos estados da microrrede, é apresentado um fluxo de potência contínuo no tempo considerando a intermitência da geração renovável e complementado com droop e banco de baterias. Ao final, o algoritmo proposto é integrado em um ambiente de avaliação probabilística baseado em Simulação Monte Carlo para a seleção de cenários de carga, velocidade de vento e radiação solar, o que possibilita o cálculo de índices de desempenho da microrrede em operação ilhada (e.g., probabilidade de corte de carga, probabilidade de subtensão, etc.). Os resultados obtidos demonstram a eficácia do método proposto, comprovando que uma microrrede pode fornecer energia dentro de limites de segurança a todos os consumidores ditos essenciais. São utilizados dois sistemas testes do IEEE na validação dos resultados.

  • LUCAS SALOMON CARNEIRO
  • Um Circuito Modulador de Largura de Pulso Digital (DPWM) utilizando FPGA

  • Data: 05/02/2016
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho descreve o projeto de um modulador de largura de pulso (DPWM) digital de alta resolução implementado em FPGA. Foi desenvolvida uma arquitetura híbrida de um PWM digital de 17 bits. O sistema foi descrito utilizando a linguagem de descrição de hardware VHDL. No desenvolvimento do projeto, algumas descrições específicas foram realizadas para o acesso a determinados blocos da FPGA utilizada. Uma arquitetura alternativa de PWM foi desenvolvida com objetivo de atingir maior resolução. Porém, ela não atingiu as expectativas e foi documentada a fim de dar mais informações para trabalhos futuros. Os resultados incluem simulações e resultados experimentais, nos quais, foram medidas as menores variações de cada incremento do PWM.

2015
Descrição
  • JOSÉ LUIZ VALEZZI PEREIRA DA SILVA
  • Sobre a Parametrização da Malha Objetivo no Controle LQG/LTR em Tempo Discreto

  • Data: 11/12/2015
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho apresenta uma nova abordagem sobre a expansão da dinâmica da planta
    de processos e parametrização da malha objetivo para o controle LQG/LTR em tempo
    discreto. O procedimento proposto almeja especificar a malha objetivo de forma que
    sua dinâmica seja dada por qualquer polo finito real estável e não somente por um polo
    no circulo unitário. Essa característica é interessante para sistemas em que o uso de
    integradores é indesejado ou proibitivo.
    Para comprovar a efetividade e a validação do procedimento proposto, foram realizados
    experimentos a partir do modelo longitudinal linearizado do Caça F8 utilizado pela NASA
    na década de 1970 e do modelo linearizado de um equipamento de levitação magnética da
    empresa canadense Quanser. Neste contexto, os ensaios visaram verificar o rastreamento
    no sinal de referência e a capacidade do sistema de controle em rejeitar distúrbios. Sendo
    estas características analisadas em diferentes dinâmicas de polos escolhidos, mantendo-se
    os demais parâmetros da especificação da malha objetivo fixos.

  • FREDERICO OLIVEIRA PASSOS
  • LOCALIZADOR DA FONTE DE AMTs BASEADO NAS MEDIÇÕES DE TENSÕES DE FRONTEIRA

  • Data: 11/12/2015
  • Mostrar Resumo
  • Esta tese propõe um novo método capaz de localizar a fonte do afundamento momentâneo de tensão num sistema elétrico baseado na estimativa do fluxo de potência na fronteira entre sistemas elétricos. O método proposto é uma solução adequada para localizar o lado da fonte do afundamento momentâneo de tensão, simétrico ou assimétrico, através de um conjunto de lógicas condicionais. Para tal, utilizam-se as tensões de fase em ambos os lados do transformador instalado na fronteira de interesse, bem como as informações dos dados de placa do transformador para estimar o fluxo de potência. O conjunto de lógicas condicionais é desenvolvido para analisar de forma qualitativa o fluxo de potência considerando os comportamentos típicos dos sistemas elétricos durante o afundamento momentâneo de tensão. O desempenho do método desenvolvido é avaliado através de casos simulados de um sistema elétrico de transmissão e distribuição e um sistema elétrico industrial. Através de casos simulados, uma análise comparativa foi realizada entre o método da impedância vista (o melhor dentre os apresentados na literatura) e o método desenvolvido. Os sistemas simulados têm geração distribuída, cargas ativas e fluxo de potência fluindo em todas as direções. A novidade proposta é justificada pela robustez e simplicidade. Análises teóricas e simulações confirmaram sua eficácia.

  • FREDERICO OLIVEIRA PASSOS
  • LOCALIZADOR DA FONTE DE AMTs BASEADO NAS MEDIÇÕES DE TENSÕES DE FRONTEIRA

  • Data: 11/12/2015
  • Mostrar Resumo
  • Esta tese propõe um novo método capaz de localizar a fonte do afundamento momentâneo de tensão num sistema elétrico baseado na estimativa do fluxo de potência na fronteira entre sistemas elétricos. O método proposto é uma solução adequada para localizar o lado da fonte do afundamento momentâneo de tensão, simétrico ou assimétrico, através de um conjunto de lógicas condicionais. Para tal, utilizam-se as tensões de fase em ambos os lados do transformador instalado na fronteira de interesse, bem como as informações dos dados de placa do transformador para estimar o fluxo de potência. O conjunto de lógicas condicionais é desenvolvido para analisar de forma qualitativa o fluxo de potência considerando os comportamentos típicos dos sistemas elétricos durante o afundamento momentâneo de tensão. O desempenho do método desenvolvido é avaliado através de casos simulados de um sistema elétrico de transmissão e distribuição e um sistema elétrico industrial. Através de casos simulados, uma análise comparativa foi realizada entre o método da impedância vista (o melhor dentre os apresentados na literatura) e o método desenvolvido. Os sistemas simulados têm geração distribuída, cargas ativas e fluxo de potência fluindo em todas as direções. A novidade proposta é justificada pela robustez e simplicidade. Análises teóricas e simulações confirmaram sua eficácia.

  • FÁBIO ANTUNES
  • Desenvolvimento de um controlador Linear por partes com ação proporcional e integral para controlar um processo com comportamento não linear.

  • Data: 10/12/2015
  • Mostrar Resumo
  • O método adotado neste trabalho se alicerça na investigação de um modelo de tarifas binômias, originalmente projetado para otimizar sistemas de energia elétrica, com mix de geração diversificada. Este modelo de tarifa pode também ser utilizado quando o mix de geração é altamente concentrado sendo que, neste caso, o perfil de carga e de rede assume um papel crucial no estabelecimento de tarifas. Esta abordagem de preços não linear é utilizada na fixação do preço de utilidade pública projetada com o propósito de controlar a demanda de pico e fora de pico. O processo de carga e de rede da caracterização do perfil destina-se a identificar o comportamento de consumo, de modo que é possível identificar os esforços que cada consumidor impõe à rede. No entanto, o elevado nível dos custos de medição se opõe à análise da população de consumidores como um todo, sendo substituída por uma análise de amostras populacionais. Assim, a análise estatística é necessária para análise da eficácia de um produto de nova tarifa. O uso de ferramentas estatísticas, assim como o agrupamento de dados, foi utilizado neste trabalho, sendo que, através do uso da estatística, pode-se modelar o erro do perfil de carga, de modo que a incerteza do comportamento pode ser considerada.
  • EDUARDO MOREIRA VICENTE
  • Sistema de MPPT para Painéis Fotovoltaicos com Baixa Complexidade e Alto Rendimento

  • Data: 07/12/2015
  • Mostrar Resumo
  • O uso de energias renováveis é uma necessidade nos dias de hoje, tanto pela diminuição do impacto ambiental quanto pela escassez de outras fontes de energia. Dentre as diversas fontes de energias renováveis, uma das mais promissoras é a energia fotovoltaica. Entretanto, a baixa capacidade de conversão dos módulos fotovoltaicos comerciais, que é da ordem de 13% a 18%, é um do entraves à sua utilização. Para garantir que a máxima potência disponível seja extraída dos módulos fotovoltaicos, faz-se necessário o desenvolvimento de sistemas rastreadores de máxima potência. Sendo assim, apresenta-se neste trabalho uma nova proposta de técnica de rastreamento do ponto de máxima potência de módulos fotovoltaicos. A técnica proposta realiza a medição em conjunto de duas grandezas não utilizadas anteriormente, a corrente de curto-circuito e a temperatura. A corrente de curto-circuito é utilizada para estimar o valor da irradiância e, consequentemente, seus efeitos. Emprega-se a leitura da temperatura para aumentar a exatidão do modelo, obtendo assim um rendimento elevado. A alta velocidade de rastreamento do ponto de operação, em diferentes condições de irradiância e temperatura, e a estabilidade em regime permanente, são características relevantes desta técnica. A análise dessas características será realizada por meio de simulações computacionais e resultados experimentais, comparando a técnica proposta com outras difundidas na literatura.

  • PAULA DOS SANTOS VICENTE
  • Reconfiguração de Painéis Fotovoltaicos sombreados utilizando a Teoria dos Conjuntos Aproximados

  • Data: 07/12/2015
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho apresenta um método para a reconfiguração dinâmica das conexões elétricas em um painel fotovoltaico Série-Paralelo (SP) sob condições de sombreamento parcial. A reorganização dos módulos possibilita a máxima extração de energia da matriz fotovoltaica em situações onde os módulos apresentam pontos de operação diferentes em função do sombreamento. O método proposto tem como característica a manutenção das dimensões da matriz fotovoltaica, ou seja, nenhum módulo é excluído ou adicionado ao painel. Além disso, o algoritmo de controle é baseado na Teoria dos Conjuntos Aproximados (TCA), o que possibilita a implementação de um sistema rápido e eficiente constituído de regras que identificam a configuração ótima para o sistema. A viabilidade do método proposto é avaliada através de simulações e testes experimentais.

  • FILIPE PEREZ
  • Inserção e Controle de Armazenamento de Energia em Sistemas Fotovoltaicos Conectados à Rede Elétrica

  • Data: 03/12/2015
  • Mostrar Resumo
  • A integração de fontes renováveis de energia no sistema elétrico visa ampliar e diversificar as matrizes energéticas de um país, com ênfase numa geração limpa e com menor nível de degradação ambiental possível. O sistema fotovoltaico ganha destaque sendo um dos recursos renováveis mais aplicados em todo mundo, pela sua facilidade de instalação. O problema dos painéis fotovoltaicos está na dependência de fenômenos físicos naturais, dando uma característica intermitente para geração. As variações da geração fotovoltaica podem causar desregulação de frequência, flutuações de tensão, instabilidades e prejuízos aos índices de qualidade da energia. Neste contexto, a inserção de armazenadores de energia em conjunto com uma geração distribuída realiza o controle do fluxo de potência do sistema, eliminando as oscilações de geração e dando suporte de tensão e frequência à rede. Além disso os armazenadores de energia apresentam importantes aplicações no sistema de potência, podendo realizar gerenciamento de demanda de energia, diminuindo o número de interrupções na rede, e controlando parâmetros como tensão e frequência. Esta dissertação apresenta uma proposta de estudo e análise da inserção de armazenadores de energia em conjunto com sistemas fotovoltaicos na rede elétrica. Foi desenvolvido um modelo computacional de uma geração fotovoltaica de 100 [𝑘𝑊𝑝] no mesmo barramento CC de uma bateria de íons-de-lítio (Li-Ion) de 2000 [𝐴ℎ] de capacidade, conectados à rede elétrica, alimentando vários tipos de carga. A proposta é injetar energia de forma estável e uniforme, eliminado a característica intermitente do PV. O sistema de controle proposto deve administrar o armazenador de energia, fazendo-o realizar ciclos de carga e descarga, otimizando a geração de energia. O armazenador regula as oscilações de geração no PV, controlando o fluxo de potência no sistema e uniformizando a injeção de potência à rede. No trabalho é apresentada uma, das várias aplicações de armazenadores de energia em sistemas de potência. Sendo analisado os principais parâmetros da geração distribuída em conjunto com armazenadores de energia, evidenciando as melhorias na regulação de potência e a dinâmica de controle do sistema elétrico montado.

  • LUIZ ALBERTO AGUIAR DE MELO ROQUE
  • Estimação da Velocidade do Motor de Indução através do Algorítmo de Aproximação Senoidal na Corrente do Estator

  • Data: 27/11/2015
  • Mostrar Resumo
  • A informação da velocidade rotórica é muito importante em aplicações industriais como controle da velocidade, posição, torque, estimação de eficiência, análise preditiva entre outras. Sensores de velocidade, como tacômetros e encoders possuem alguns problemas, como dificuldade de instalação em motores já em operação. Com isso, a estimação da velocidade através de parâmetros disponíveis, como corrente e tensão, surge como alternativa, solucionando os problemas dos sensores físicos além de ser menos invasivo.
    O trabalho visa a estimar a velocidade de motores de indução trifásico (com 2 e 4 pólos) através dos sinais da corrente do estator de forma a atingir características de exatidão, precisão e tempo de atualização similares a de um tacômetro tradicional (de contato ou óptico).
    O trabalho propõe o aprimoramento de um método para a estimação da velocidade do motor utilizando o Algoritmo de Aproximação Senoidal para estimar os harmônicos de passagem de ranhuras (slot harmonics). O algoritmo é usado como alternativa à FFT (Fast Fourier Transform) e Estimação Espectral para a estimação de frequências relacionadas a velocidade, proporcionando maior exatidão, precisão, menor tempo computacional e diminuindo o tempo de atualização. O método utiliza uma robusta técnica de reamostragem para encontrar os harmônicos de passagem de ranhura, com isso a estimação da velocidade mantém a exatidão sobre diversas condições.
    Por fim são apresentados dois experimentos com dois motores diferentes, sob diversas condições de velocidade e carga. O método proposto é comparado com outras duas técnicas, uma proposta por Hurst e usada como base para esse trabalho e outra baseada na estimação através da FFT.

  • TÚLIO SALLUM DE CARVALHO
  • ANÁLISE COMPARATIVA DE MODELOS COMPUTACIONAIS DE TRANSFORMADORES DE CORRENTE VIA MEDIÇÕES E SIMULAÇÕES

  • Data: 25/11/2015
  • Mostrar Resumo
  • O  rápido  e  crescente  desenvolvimento  do  sistema  elétrico  de  potência  exige  que  estudos detalhados e eficazes sejam conduzidos em diversos setores da engenharia elétrica, dentre eles os  relacionados  aos  transitórios  eletromagnéticos.  Neste  contexto,  a  modelagem computacional  adequada  de  transformadores  de  corrente  (TC)  permite  uma  análise  mais segura do sistema elétrico, possibilitando a avaliação conjunta entre o desempenho do TC e o seu impacto em sistemas de proteção, prevenindo, assim, atuações indevidas decorrentes da saturação destes transformadores ou mesmo relacionadas ao erro de transformação inerente ao TC. Ademais, é uma ferramenta complementar a ser utilizada para otimização de projetos de TC,  bem  como  permite  eventual  redução  de  despesas  com  ensaios  em  laboratórios especializados  em  casos  nos  quais  a  confiabilidade  da  simulação  seja  comprovada.  Esta dissertação  tem  por  objetivo  apresentar  melhores  práticas  para  implementação  de  diversos modelos  de  TCs  existentes  na  literatura  e  realizar  uma  análise  comparativa  entre  eles,  em frequência  fundamental,  via  simulações  computacionais  baseadas  no  EMTP  – Electromagnetic  Transients  Program como  o  ATP  –  Alternative  Transients  Program e resultados reais de medições e ensaios. Estas comparações são realizadas mediante algumas aplicações  de  TCs  considerando  a  saturação  durante  curtos-circuitos  assimétricos,  o  erro composto  de  secundários  de  proteção  durante  curtos-circuitos  simétricos,  a  limitação  de corrente de secundários de medição também durante faltas simétricas e a desmagnetização de TCs.  Além  disso,  é  realizado  um  estudo  de  caso  para explicar  e  demonstrar  as  principais diferenças entre as classes transitórias de TCs (TPX, TPY e TPZ), especificadas conforme a norma  IEC  61869-2/2012.  Este  trabalho  permitirá  entender  e  mensurar  o  impacto  da modelagem  de  alguns  fenômenos  para  cada  tipo  aplicação,  como  a  curva  de  saturação  e  a histerese,  tal  conhecimento  é  importante  para  se  combinar  eficiência  com  qualidade  de simulação, uma vez que é possível deixar de considerar parâmetros de difícil implementação, principalmente  devido  à  dificuldade  no  levantamento de  dados,  e  que  não  influenciarão significativamente  nos  resultados.  Três  modelos  principais  foram  selecionados  para  este estudo:  o  modelo  saturável  sem  histerese,  o  modelo  saturável  com  a  histerese  determinada pelo  método  do  arco-tangente  e  o  modelo  saturável  com  a  histerese  determinada  pela  subrotina  Hysteresisdo ATP. Os resultados obtidos indicam que o maior  fator de influência na modelagem  dos  TCs  é  a  curva  de  magnetização,  a  qual deve  ser  corretamente  inserida  nos modelos  para  garantir  respostas  coerentes.  Vale  ressaltar  que  sua  inclinação  na  região  de saturação  apresenta  grande  impacto  nos  resultados.  Nos  casos  simulados,  a  histerese apresentou elevado grau de impacto apenas nos casosonde há desmagnetização do TC, como por exemplo, em religamentos automáticos

  • JULIANA RIBAS MONTEIRO
  • Desenvolvimento de um controlador Rough com ação proporcional-integral para um processo com característica não linear e comparações de desempenho em relação a um controlador  Fuzzy e um compensador linear discreto

  • Data: 12/11/2015
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho tem como objetivo realizar comparações de desempenho de malhas de
    controle  associadas  a  um  processo  não-linear,  onde  serão  realizados  três  tipos  de
    controladores: linear discreto; fuzzy; aproximado (rough).
    Como  processo  é  utilizado  uma  planta  de  nível  em  escala  reduzida,  e  através  de
    ensaios  práticos  são  obtidos  dados  reais  do  sistema,  possibilitando  a  obtenção  de  modelos
    matemáticos associados: linear e não-linear.
    São  consideradas  malhas  de  controle  com  a  tarefa  de compensar  o  processo  em
    questão, e a partir de determinadas especificações  são estabelecidas leis de controle com esta
    finalidade.  As  funções  de  controle  estabelecidas  estão  relacionadas  com  os  três  tipos  de
    controladores citados no primeiro parágrafo. Para efeito de comparação de desempenho das
    compensações  consideradas,  são  realizadas  simulações  computacionais  com  os  modelos
    obtidos e também ensaios práticos em laboratório.
    Na  realização  dos  experimentos  práticos,  utilizou-se  uma  bancada  em  laboratório
    contendo a planta de nível em escala reduzida e um sistema de aquisição de dados acoplado a
    um computador, realizando a coleta e processamento de dados dos ensaios em tempo real.
    Nas  respostas  obtidas  (simulações  computacionais  e  ensaios  de  laboratório),
    considerou-se  os  valores  de  máxima  sobreelevação  (overshoot),  tempo  de  acomodação
    (settling time) e o tempo de processamento dos algoritmos envolvidos como indicadores de
    desempenho.

  • DENISSON QUEIROZ OLIVEIRA
  • Sistema de gerenciamento de energia para operação resiliente de microrredes em modo ilhado.

  • Data: 09/11/2015
  • Mostrar Resumo
  • A implementação e difusão de dispositivos de automação do sistema elétrico, aplicação da tecnologia da informação e integração de novas fontes energéticas culminam no desenvolvimento dos sistemas elétricos inteligentes. Em vez de recriar todo o sistema elétrico, o caminho passa pelo desenvolvimento das microrredes, que são sistemas de distribuição com opções de geração e armazenamento de energia, redes de comunicação e cargas controladas. Essas microrredes possuem capacidade de operação em modo ilhado, ou seja, desconectadas do sistema principal. Nesse cenário, elas devem ser capazes de suprir sua própria demanda de forma autônoma. Essa capacidade é requerida em momentos que a conexão com o sistema principal é interrompida por quaisquer motivos. A capacidade de continuar operando quando essa indisponibilidade é causada por eventos extremos e não planejados, como desastres naturais, é chamada de resiliência. Guardadas as devidas considerações, o conceito de resiliência também pode ser aplicado em casos em que a indisponibilidade seja causada por um blecaute no sistema elétrico, cujo processo de recomposição é complexo e demorado. Dada que a indisponibilidade pode durar horas, é necessário planejar a operação da microrrede considerando a escassez de energia elétrica de maneira a maximizar o tempo de fornecimento de eletricidade para os clientes prioritários. Essa é a motivação do desenvolvimento desse trabalho, que apresenta uma metodologia para planejar a operação resiliente da microrrede buscando maximizar o tempo de fornecimento de energia e garantir o mínimo custo de suprimento das cargas. A metodologia se baseia na definição de classes de consumidores, modos de operação previamente configurados com ações de controle definidas e determinação de variáveis de controle para aplicação em um algoritmo de decisão, cuja solução apresenta o modo de operação desejado para a microrrede e a composição do despacho da geração para cada intervalo de tempo. Os resultados obtidos demonstram a capacidade de maximização do tempo de fornecimento para as cargas críticas.

  • THIAGO PEREIRA PIETRAFESA
  • Coordenação de Sistemas Hidrotérmicos: Uma Análise de Diferentes Formulações Matemáticas para fins de Otimização Energética.

  • Data: 06/11/2015
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho propõe o desenvolvimento, implementação e análise de dois diferentes modelos matemáticos para tratar do problema de planejamento do despacho hidrotérmico para o sistema elétrico brasileiro. Atualmente, existe um modelo que utiliza a programação  linear estocástica de múltiplos estágios para solucionar o  problema de despacho hidrotérmico de médio prazo  presente no  programa NEWAVE. Esse modelo é resolvido para horizontes de cinco anos com discretização mensal, utilizando  a técnica de programação dinâmica dual estocástica (PDDE) juntamente com a técnica de agregação de usinas hidrelétricas em reservatórios equivalentes de energia para cada região (REE). Estes equivalentes permitem  diminuir a dimensionalidade do problema, no qual, o  parâmetro estocástico é a energia natural afluente (ENA).  O modelo proposto caracteriza-se por uma formulação onde os reservatórios equivalentes são definidos a partir das bacias hidrográficas. A técnica de modelagem  também  é baseada em programação linear estocástica de múltiplos  estágios,  mas  utilizando  as bacias  como agrupamentos básicos  ao invés das regiões geográficas. A variável estocástica é a vazão natural afluente aos empreendimentos de geração,  que posteriormente dentro do modelo de otimização é transformada em energia natural afluente para cada REE. Através desta modelagem matemática é possível utilizar informações relevantes e particulares de cada bacia ao longo do horizonte de planejamento para fins de otimização. A segregação do sistema em bacias e o uso das características específicas de cada uma delas  faz com que o acoplamento espacial das usinas hidrelétricas do sistema seja melhor representado. Além disso, a modelagem por bacias apresenta um pequeno acréscimo no número variáveis de decisão e restrições estruturais quando comparado a um modelo de despacho hidrotérmico que considera usinas hidrelétricas individualizadas. Além do desenvolvimento e implementação da nova formulação matemática (modelo de otimização do despacho hidrotérmico por bacias hidrográficas utilizando previsão de vazões naturais afluentes) neste trabalho serão apresentadas diversas simulações baseadas em casos com características reais do sistema elétrico brasileiro,visando analisar o comportamento de diferentes abordagens do problema.

  • MATEUS AUGUSTO FAUSTINO CHAIB JUNQUEIRA
  • Novas Estratégias para Mapeamento Quase-Conforme em Transformada Óptica.

  • Data: 16/10/2015
  • Mostrar Resumo
  • Esta tese de Doutoramento apresenta novas estrategias para o mapeamento quase-conforme para a óptica transformacional. Estas estrategias consistem no uso de interpolação polinomial, interpolação trigonometrica e regressão pelo metodo dos mnimos quadrados para reduzir a anisotropia resultante da Transformada Optica. Funções de perturbação, na forma de series ponderadas, sãoo adicionadas nas funções de transformação de coordenadas para desenvolver os metodos. Os coe cientes das funções de perturbação sção calculados de modo a reduzir os desvios nas equações de Cauchy-Riemann, que, quando satisfeitas, resultam em uma transformação conforme cujo meio optico obtido pela Transformada  Optica e isotropico. As estrategias são concebidas de forma que as condições de contorno para a transformação de coordenadas não sejam alteradas. Essas condições se referem a continuidade da transformação, importante para evitar reflexões nas fronteiras, e as funcionalidades do meio optico obtido. Para avaliar a redução da anisotropia das tecnicas propostas, foram utilizadas diferentes transformações de coordenadas para guias de onda planares, cujos objetivos foram modi car a trajetoria da onda eletromagnetica. Os resultados demonstraram que a anisotropia pode ser reduzida a um valor proximo de zero quando utiliza-se a regressão com mnimos quadrados, o que não foi veri cado com as interpolações polinomial e trigonometrica. Estes resultados tambem demonstraram a necessidade do aumento do contraste do índice de refração para a redução da anisotropia. Aplicações das tecnicas de mapeamento quase-conforme desenvolvidas são demonstradas tambem para a criação de divisores isotropicos e na invisibilidade sob o tapete.

  • FERNANDO HENRIQUE DUARTE GUARACY
  • Princípio de Recuperação da Malha Objetivo Aplicado ao Controle H Infinito em Tempo Discreto

  • Data: 15/10/2015
  • Mostrar Resumo
  • Nesta tese de doutorado, apresenta-se um controlador em tempo discreto que possui
    características de sensibilidade mista análogas à solução H1/LTR, proposta originalmente
    em tempo contínuo. O princípio de recuperação da malha objetivo, ou LTR (Loop Transfer
    Recovery), foi desenvolvido como uma ferramenta para a introdução de robustez no âmbito
    do controle LQG e se mantém relevante como metodologia por possibilitar, na etapa de
    projeto, o completo desacoplamento entre a definição de um formato desejável para a
    malha e a obtenção de um controlador implementável com especificações de desempenho
    e propriedades de robustez bem definidas. O controle H1/LTR, proposto como extensão
    da metodologia LQG/LTR com base nas relações entre os controle H2 e H1, resultou em
    uma nova ferramenta de sintonia com propriedades de sensibilidade mista.
    Em aplicações práticas, um computador digital é usualmente utilizado na implementação
    dos controladores projetados. Projetando-se o controlador usando técnicas específicas
    para o tempo discreto, tal como a desenvolvida nessa tese, tem-se maior conhecimento
    acerca das limitações e das propriedades dos sistemas de controle resultantes, de modo
    que estes possam atuar conforme originalmente pretendido.
    Para verificar a aplicabilidade da tese proposta e a eficácia do controlador em tempo
    discreto desenvolvido, foram realizadas simulações das malhas de controle do ângulo de
    arfagem e do ângulo da trajetória de voo em um modelo linearizado da aeronave F-8,
    além de experimentos práticos referentes ao controle do ângulo de arfagem e guinada de
    um modelo didático de helicóptero com dois graus de liberdade fabricado pela empresa
    QUANSER.

  • CLAUDECI FONSECA MEDEIROS
  • Modelagem de funções de uma subestação utilizando controle supervisório

  • Data: 07/10/2015
  • Mostrar Resumo
  • Hoje há cada vez mais competitividade em todas as áreas das indústrias, por isso é necessário que o sistema produtivo das fábricas seja eficaz para obter uma boa relação entre custo x benefício, fazendo com que o negócio do setor produtivo tenha lucro. Como os sistemas de automação são cada dia mais complexos, é necessário que se tenha uma ferramenta de apoio no intuito de evitar erros na implementação e que não leve em consideração apenas a interpretação de um memorial descritivo pelo desenvolvedor para colocar em operação os sistemas automatizados das fábricas. A Teoria de Controle Supervisório (TCS) para controle de sistemas a eventos discretos fornece um método para a síntese da lógica de controle de sistemas automatizados e faz com que os problemas de controle sejam solucionados, permitindo que se tenha uma solução minimamente restritiva e não bloqueante e que atenda grande parte ou totalmente às especificações de controle. O desenvolvimento deste trabalho propõe apresentar uma metodologia de implementação de controle supervisório para modelar algumas operações de uma subestação de energia, e a partir desse modelo, ser implementada em outras linguagens de programação para atender às diversas subestações existentes. Com o modelo de subestação adotado foram desenvolvidas modelagens de funções que são comuns a quase todas as subestações para que o mesmo fosse amplamente aproveitado no que diz respeito à visualização gráfica da especificação de controle.

  • SILVAN ANTÔNIO FLÁVIO
  • Planejamento da expansão de sistemas de transmissão com elevada participação de fontes renováveis

  • Data: 02/10/2015
  • Mostrar Resumo
  • O  setor  elétrico  vivencia  uma  forte  tendência  de  investimentos  na  expansão  da  geração
    utilizando fontes  renováveis  de energia. O elevado crescimento da participação de tais fontes
    conectadas  à rede, bem como as projeções da expansão desse mercado nos próximos anos, é
    um  forte  sinal  para  planejadores  e  operadores  sobre  a  necessidade  de  desenvolver  novas
    metodologias  e  as  correspondentes  ferramentas  computacionais  para  avaliar  as  redes  de
    transmissão.  A  principal  razão  está  na  intermitência  das  novas  fontes  de  energia  renovável
    (e.g.,  eólica)  que  demanda  um  volume  maior  de  reserva  de  geração  e  redes  de  transmissão
    mais  robustas,  capazes  de  permitir  flexibilidade  na  operação.  Ademais,  as  áreas  de  maior
    viabilidade  técnica  e  econômica  para  a  construção  de  fontes  renováveis  são,  geralmente,
    localizadas em regiões distantes dos centros de consumo localizados em áreas urbanas.
    Esta tese apresenta uma metodologia de planejamento da expansão da transmissão que aborda
    dois  objetivos:  i)  o  atendimento  à  demanda,  considerando  restrições  de  segurança;  ii)  a
    maximização do aproveitamento renovável, considerando uma análise de custo benefício.  O
    planejamento é realizado por meio  de simulações combinadas  de duas ferramentas  distintas.
    Para  indicar os reforços necessários ao atendimento à demanda é utilizado um algoritmo  de
    otimização,  baseado  na  meta-heurística  Estratégias  de  Evolução  (ES).  Já  os  reforços  que
    garantirão  melhor  aproveitamento  renovável  são  obtidos  por  meio  de  um  Algoritmo
    Heurístico Construtivo (AHC). Os índices de desempenho utilizados pelo AHC referem-se ao
    desperdício  de  energia  renovável  e  eventuais  sobrecargas  nos  circuitos  quando  é  adotado  o
    máximo despacho da energia renovável momentânea. Tais índices são computados por meio
    de  um  Fluxo  de  Potência  Cronológico  (FPC),  no  qual  é  introduzido  o  conceito  de  energia
    renovável desperdiçada.
    Os  resultados  são  apresentados  utilizando  um  sistema  teste  com  participação  expressiva  de
    fontes renováveis, em particular a eólica. As configurações resultantes são avaliadas por meio
    de um algoritmo de confiabilidade composta adaptado a este novo ambiente de simulação. Os
    resultados demonstram a capacidade da metodologia  de  lidar com a natureza  estocástica  do
    problema.  Os  planos  de  expansão  da  transmissão  levam  em  conta  as  características
    probabilísticas,  associadas às  fontes  de geração  intermitente,  e o  perfil de carga  do sistema.
    Finalmente, sugestões de trabalhos futuros são também apresentadas e discutidas.

  • GLADSTON DE AZEVEDO FARIA BERNARDI
  • Aterramento de neutro em subestações industriais e suas implicações no sistema de proteção.

  • Data: 25/09/2015
  • Mostrar Resumo
  • O objetivo deste trabalho é o de apresentar os tipos de aterramento de neutro em sistemas trifásicos industriais, sua história e evolução, as características e desempenho de cada tipo de aterramento de neutro, os critérios de seleção em função das necessidades específicas do usuário e do tipo de proteção mais adequada para o sistema elétrico e para os equipamentos. Os tipos de detecção de falta à terra, o tipo de proteção e as faixas de ajuste são analisados diante de cada forma de aterramento de neutro. Os métodos de aterramento de neutro são comparados entre si em função de vários quesitos analisados, tais como, o controle de sobretensões causadas pelas faltas à terra e a limitação de altas correntes de curto fase-terra, o custo do nível de isolação de cabos e equipamentos elétricos, a continuidade de serviço, o risco de arco elétrico, a segurança contra choque elétrico, a limitação de danos aos equipamentos, o risco de incêndio, a segurança de pessoal, a facilidade de localização da falta à terra, a eficiência para a proteção de máquinas elétricas girantes, transformadores e painéis, e as exigências da legislação. Analisa-se o comportamento das sobretensões transitórias e permanentes devidas às correntes de falta à terra no sistema elétrico, em função de cada tipo de aterramento de neutro. As correntes de “charging” são apresentadas. O fenômeno de arco elétrico e sua rápida evolução de arco fase-terra (F-T) para arcos F-F-T ou F-F-F-T, em painéis de BT e MT, são analisados sob o ponto de vista de método de aterramento de neutro e de eficiência das proteções. As proteções de terra do tipo residual à terra, “ground-sensor”, “ground-return”, diferencial de fase e de terra, etc, são analisadas diante de seus desempenhos para a proteção de máquinas elétricas girantes e transformadores, em função dos sistemas de aterramento de neutro.

  • FLÁVIA APARECIDA OLIVEIRA SANTOS
  • Uma Abordagem para Parametrização de Redes Neurais de Função de Base Radial baseada na Combinação de Procedimentos não Superficionados e uma Nova Proposição de Escalonamento de Parâmetros

  • Data: 21/08/2015
  • Mostrar Resumo
  • Neste trabalho será apresentada uma abordagem para parametrização de redes RBF (Radial Basis Function) baseada na combinação de procedimentos não supervisionados e uma nova proposição de escalonamento de parâmetros. A metodologia consiste em combinar procedimentos referenciados na literatura com o objetivo de obter modelos de redes RBF com melhores exatidões e algoritmos computacionais mais compactos. Alguns exemplos serão utilizados para ilustrar o emprego da abordagem proposta e também servirão para realizar comparações de resultados com os principais procedimentos referenciados em textos da área.
    As redes neurais com funções de base radial (RBF) são modelos não lineares que podem realizar um mapeamento (interpolação) eficiente de dados de entrada e saída de diversos tipos de sistemas, resultando em boa capacidade de generalização aliada a processamentos de informações de forma compacta, possibilitando na representação eficiente de sistemas dinâmicos complexos e de séries temporais, por exemplo. Os bons resultados na capacidade de interpolação de uma RBF dependem de alguns parâmetros que devem ser adequadamente ajustados. Algumas abordagens foram desenvolvidas nesse contexto.
    O procedimento proposto neste trabalho mostrou-se ser uma alternativa promissora, com aplicação direta e que apresenta uma exatidão adequada para várias aplicações práticas. Exemplos como aproximações de funções, modelagem de sistemas dinâmicos não lineares, previsão de série temporal e classificação de padrões serão discutidos com a finalidade de exemplificar os procedimentos propostos, além de servir de comparações com os resultados obtidos por outras técnicas utilizadas em redes RBF.

  • TIAGO ELIAS CASTELO DE OLIVEIRA
  • Estudo da capacidade de hospedagem de fontes de geração distribuída no sistema elétrico de um campus universitário.

  • Data: 21/08/2015
  • Mostrar Resumo
  • A inserção de fontes de geração distribuída em um sistema elétrico pode trazer diversos impactos nesta rede, tais como: elevação dos níveis de curto-circuito, alteração do fluxo de carga, modificação do perfil de perdas elétricas, deterioração da qualidade da energia elétrica, entre outros. Neste sentido, supõe-se haver um limite, ou capacidade de hospedagem, para cada ponto do sistema, de forma que tais inserções não causem a ultrapassagem dos valores de referência considerados para os diversos parâmetros de proteção, segurança operativa e de qualidade de energia do sistema. Esta dissertação apresenta uma proposta da aplicação de metodologias de estudo da capacidade de hospedagem de fontes de geração distribuída no sistema de distribuição de energia elétrica de um campus universitário. A análise da inserção das novas tecnologias de geração distribuída, como por exemplo, painéis fotovoltaicos, no sistema de distribuição deste campus universitário foi realizada incialmente via processos analíticos e posteriormente por simulações computacionais em programas baseados em simulações de regime permanente, como o SKM-PTW. Para testar as metodologias propostas, foram utilizados dados reais de medições dos painéis fotovoltaicos instalados no Centro de Excelência em Redes Inteligentes (CERIn) e, em seguida, foram realizadas simulações da expansão do sistema de geração distribuída do CERIn e expansão para o campus da Universidade Federal de Itajubá (UNIFEI).

  • ROBSON BAUWELZ GONZATTI
  • Filtro Ativo Híbrido na Transformação de Micro-Redes com Alta Impedância em Barramento Quasi-Infinito.

  • Data: 21/08/2015
  • Mostrar Resumo
  • Microrredes  isoladas  sofrem  com  problemas  de  qualidade  de  energia,  como
    distorções harmônicas e ressonâncias, devido ao valor elevado das impedâncias de saída
    dos conversores que as compõem. Estas impedâncias são normalmente  associadas aos
    filtros  LCL  necessários  na  saída  dos  conversores  para  reduzir  seu  ruído  de
    chaveamento. Como são impedâncias complexas, elas são dependentes da frequência, e
    então  muito  sensíveis  ao  conteúdo  harmônico  das  correntes  de  carga.  Isto  leva  a
    distorções  significativas na tensão da microrrede, altamente dependente da corrente de
    carga, que resulta em uma qualidade de energia indesejável para os consumidores.
    Os filtros ativos híbridos são uma escolha razoável para compensação harmônica
    possibilitando  um  desempenho  aprimorado  na  filtragem  com  custo  reduzido  quando
    comparados aos filtros ativos convencionais. Esta tese propõe uma nova aplicação para
    os  filtros  ativos  híbridos  como  forma  de  melhorar  o  desempenho  de  microrredes
    isoladas  com  alta  impedância  equivalente.  O  filtro  híbrido  altera  a  impedância
    equivalente  da  microrrede  fazendo  com  que  ela  se  comporte  como  um  sistema  mais
    forte,  transformando-a  em  um  barramento  quasi-infinito,  se  tornando  assim  menos
    sensível aos problemas de qualidade de energia já mencionados.
    É  apresentada  a conceituação das microrredes e dos conversores que dela fazem
    parte  e  a  implementação  prática  de  uma  microrrede  monofásica  composta  por  um
    conversor  e  cargas  com  diferentes  características.  Os  problemas  relacionados  à
    qualidade da energia nesta microrrede são demonstrados por meio de ensaios práticos e
    possíveis  soluções  são  brevemente  discutidas.  Os  conceitos  e  fundamentos  do  filtro
    ativo  híbrido  são  apresentados  juntamente  com  a  implementação  prática  de  um
    protótipo monofásico e seu funcionamento é comprovado através de resultados práticos.
    Por  fim  o  filtro  é  inserido  na  microrrede  onde,  por  meio  de  resultados
    experimentais, se mostra capaz de mitigar os problemas de qualidade de energia gerados
    pelas cargas não lineares dentro da microrrede. Também são feitas análises mostrando a
    alteração da impedância equivalente da fonte com a ação do filtro híbrido, tornando a
    microrrede um barramento quasi-infinito.

  • CARLOS EDUARDO TEIXEIRA
  • Uma comparação entre topologias de amplificadores de biopotencial para eletrodos secos ativos baseados em PCI.

  • Data: 14/08/2015
  • Mostrar Resumo
  • Como parte das etapas do projeto FINEP (Convênio 01.13.0387.00), que visa a concepção de um microssistema de eletrocardiografia, este trabalho tem por objetivo resolver os problemas de níveis DC verificados durante a aquisição de biopotenciais. Estes problemas podem ser oriundos de uma calibração incorreta ou, até mesmo, da variação de processo dos componentes utilizados quando as tolerâncias são levadas em consideração. Inicialmente, é apresentada uma topologia alternativa de eletrodo de biopotencial ativo do tipo seco, construído diretamente em placas de circuito impresso, que define um nível DC conhecido e estável na saída. Utilizando esta topologia alternativa, é discutida sua integração em ambas as topologias comumente utilizadas como amplificadores de biopotenciais. Esta discussão é baseada em uma análise orientada a yield que considera as tolerâncias dos componentes. Como parte do objetivo, o trabalho busca inicialmente uma condição que garanta um nível DC constante na saída de ambos os amplificadores. Por fim, baseado nas condições encontradas, o trabalho busca a melhor topologia de amplificadores de biopotenciais do ponto de vista DC. Uma simulação Monte-Carlo DC é realizada para demonstrar a veracidade das condições encontradas para ambas as situações. Um experimento real de medição de frequência cardíaca é também realizado para analisar a melhor configuração encontrada sob o ponto de vista DC.

  • RENATO MASSONI CAPELINI
  • Inspeção Remota de Isoladores em Linhas de Transmissão a Partir de Sinais de Descargas Parciais Externas

  • Data: 12/08/2015
  • Mostrar Resumo
  • O perfeito funcionamento das cadeias de isoladores em linhas de transmissão é  vital  para  a  integridade do  sistema.  A  ocorrência  de  falhas  em  isoladores  pode ocasionar, em casos extremos, a perda da capacidade dielétrica e o colapso mecânico da cadeia, levando à interrupção do sistema de transmissão. Dessa forma, a execução de inspeções ao longo das linhas em busca de falhas ainda em estágio inicial é uma atividade  frequente  e  essencial.  No  entanto,  tais  inspeções  são  realizadas  de forma presencial e apresentam resultados imprecisos. Com  o  objetivo  de  melhorar  a  qualidade  dessas  inspeções, esta  tese  de doutorado trata do desenvolvimento de uma metodologia capaz de fornecer resultados mais  precisos  e possível  de  ser realizada  de  forma  remota,  isto  é,  a  partir  das subestações localizadas nas extremidades da linha, não havendo a necessidade de se deslocar equipes de inspeção para a linha de transmissão. Para  isso,  a  metodologia  se  baseia  na  ocorrência  de  descargas  parciais  em isoladores com falhas. Estas descargas parciais resultam em sinais de alta frequência, que podem percorrer a linha de transmissão e serem detectados por um sistema de aquisição instalado em uma subestação. Os sinais de descargas parciais apresentam um padrão, que depende do caminho elétrico entre o local onde os sinais são gerados e  o  ponto  onde  está  instalado  o  sistema  de  aquisição. Partindo  deste  fato,  ametodologia propõe a associação entre os padrões dos sinais de descargas parciais e os  respectivos  locais  de  origem  dos  sinais  ao  longo  da  linha  de  transmissão  como forma de se localizar cadeias de isoladores danificadas. Para  a  validação  da  metodologia,  são  realizados  ensaios  em  uma  linha  de transmissão  de  69  kV  e  60  km  de  extensão, utilizando  hardware  e  software especialmente desenvolvidos para este fim. Os resultados dos ensaios mostram que a metodologia é capaz de localizar cadeias de isoladores com falhas com alto grau de acerto,  sendo  possível  identificar  não  só  a  estrutura  que  contém  a  cadeia,  mas também o próprio isolador que apresenta falha.

  • SILAS OLIVEIRA SOUZA
  • Definição de grupos coerentes para realização da região de segurança

  • Data: 11/08/2015
  • Mostrar Resumo
  • Este  trabalho  tem  como  objetivo  a  proposição  de  técnicas  para  uma  divisão  das  unidades
    geradoras  de  um  sistema  em  três  grupos  a  serem  utilizados  na  Região  de  Segurança.  Esta
    ferramenta,  utilizada  tanto  em  ambiente  de  planejamento  da  expansão  e  operação  quanto  em
    tempo real,  avalia a segurança operativa de um  ponto de operação  e de  sua vizinhança,  que  é
    percorrida pela mudança de despacho nas unidades geradoras de cada grupo.
    Este trabalho auxilia na divisão de grupos geradores do sistema, considerando, além da topologia
    da rede, os dados dinâmicos das máquinas e seus controladores.  A  contribuição reside no fato
    deste trabalho ser hoje baseado no conhecimento do operador.
    Inicialmente,  a análise de sensibilidade é utilizada por indicar como a variação de potência ativa
    gerada  pelas  unidades  geradoras  interfere  nos  fluxos  do  circuito  do  sistema.  Além  disso,  esta
    sensibilidade  se relaciona diretamente com a metodologia  de criação da  Região de Segurança.
    Outra  técnica  de  estudo  proposta  é  a  análise  modal  que,  a  partir  da  linearização  das  equações
    dinâmicas do sistema, permite identificar modos de oscilação entre máquinas.  Adicionalmente,
    são apresentadas simulações dinâmicas no domínio do tempo que identifiquem o comportamento
    dinâmico proposto pela análise modal.
    As  técnicas  propostas  foram  aplicadas  a  três  sistemas-teste:  New  England  de  39  barras  e  os
    sistemas-teste  brasileiro  de  65  e  de  107  barras.  Estes  estudos  permitiram  definir  três  grupos
    geradores coerentes estática e dinamicamente para estes sistemas.  Assim, a análise da Região de
    Segurança pôde ser realizada e as conclusões são discutidas no texto.

  • DABIT GUSTAVO SONODA
  • Localização e classificação de faltas em sistemas de distribuição com a presença de geração distribuída baseado em sistemas imunológicos artificiais.

  • Data: 10/08/2015
  • Mostrar Resumo
  • Sabe-se  que  uma  das  atuais  tendências  do  setor  de  energia  é  o  uso  de  unidades  de
    geração distribuída, conectadas diretamente ao sistema de distribuição. Um dos efeitos
    dessa  nova  topologia  é  a  sua  influência  em  métodos  e  técnicas  de  análise  que  foram
    projetados  baseados  em  sistemas  convencionais.  Um  exemplo  são  os  métodos  de
    localização de faltas, que podem ter sua eficiência prejudicada em função da inclusão de
    novas fontes de geração não convencionais. Tendo em vista que a localização de faltas
    caracteriza-se  como  uma  etapa  de  suma  importância  para  se  manter  os  índices  de
    confiabilidade dentro de margens aceitáveis, este trabalho tem por objetivo apresentar
    uma  metodologia  destinada  a  localização  e  classificação  de  faltas  em  sistemas  de
    distribuição de energia elétrica, sendo aplicável tanto a sistemas convencionais quanto a
    aqueles  onde  estão  presentes  os  geradores  distribuídos.  Para  tanto,  a  metodologia  foi
    desenvolvida baseando-se no conceito de Sistema Imunológico Artificial. Essa técnica
    computacional,  relativamente  recente,  é  utilizada  para  a  solução  de  problemas
    complexos,  e  apresenta-se  como  de  grande  potencial  para  cumprir  os  objetivos  dessa
    dissertação. A metodologia, avaliada considerando vários casos de falta, apresenta um
    desempenho satisfatório para um amplo espectro de cenários, sendo capaz de estimar o
    local de falta, bem como o seu tipo e valor de resistência de maneira eficiente.

  • OSCAR ALBERTO BARBOZA GIMÉNEZ
  • Curva QV e Vetor Tangente na Análise da Estabilidade de LongoTermo como Ferramentas de Planejamento

  • Data: 10/08/2015
  • Mostrar Resumo
  • A estabilidade de tensão de longo termo considera essencialmente a dinâmica lenta de determinado elementos dos sistemas de potência. As ações combinadas dos diferentes dispositivos de controle, após uma perturbação, podem levar eventualmente o sistema à instabilidade e colapso de tensão. Esta pesquisa pretende associar uma ferramenta de análise estática, a curva QV, com simulações que consideram o modelo detalhado de elementos de dinâmica lenta, de modo a fornecer uma metodologia que permita determinar a natureza de eventuais problemas de estabilidade de tensão num sistema elétrico e as ações de controle mais eficazes para reduzir o impacto desses problemas na rede. Foram empregados sistemas teste do CIGRÉ para a definição da metodologia de abordagem de estudos de estabilidade de tensão de longo termo. Posteriormente, esta metodologia foi aplicada num sistema real (Sistema ANDE, Paraguai), considerando sua configuração no período 2014-2018. O traçado das curvas QV foi realizado mediante a aplicação do “Método da Continuação QV”, enquanto que as simulações dinâmicas foram feitas com uma ferramenta computacional unificada de estudos de estabilidade transitória e de longo prazo, o que reduz consideravelmente o tempo de computação envolvido.

  • MARCO AURÉLIO SIQUEIRA MAURO
  • Análise de vida útil de isolamento de geradores com enrolamento de armadura refrigerado a água.

  • Data: 17/07/2015
  • Mostrar Resumo
  • Vários estudos realizados em enrolamentos convencionais de geradores apontam como
    principal causa de falha do enrolamento estatórico o envelhecimento do isolamento. Dentre as
    fontes  de  falha  podem-se  destacar  descargas  parciais,  proteção  anti-corona  defeituosa,
    ciclagem térmica, sobrecarga, afrouxamento da fixação e contaminação por umidade, sendo a
    ciclagem  térmica  o  fator  com  maior  potencial  de  contribuição.  No  caso  de  enrolamentos
    refrigerados  à  água  pura,  com  ciclagem  térmica  irrelevante,  a  contaminação  por  umidade
    também pode ser potencializada, e os ensaios de fator de perda (tan  δ), medição acústica de
    corona  e  descargas  parciais,  relativamente  simples  quando  realizados  em  enrolamentos
    convencionais, se tornam elaborados e às vezes complicados de serem realizados devido ao
    efeito de polarização da água que “falseia” as condições dielétricas do enrolamento. Apesar de
    controversa, a determinação da vida útil remanescente de um gerador como uma medida da
    probabilidade  de  falha  do  equipamento  dentro  de  um  determinado  período  de  tempo,  com
    base no seu regime de funcionamento e dos resultados de diagnósticos, tem sido estudada por
    diversos autores que procuram quantifica-la atravésda composição dos resultados de testes e
    ensaios  semelhantes  aos  realizados  no  presente  trabalho.  No  caso  específico  de  Itaipu  se
    observa  que  a  principal  ferramenta  para  acompanhamento  da  condição  do  isolamento
    principal  do  enrolamento  estatórico  seria  a  medição de  descarga  parcial.  Porém  para  a
    realização  destas  medições,  com  certa  atenuação  de  sinal,  faz-se  necessária  a  instalação  de
    acopladores  capacitivos  no  enrolamento  estatórico,  fato  que  insere  no  enrolamento  um
    possível ponto de falha, o que não é visto com bonsolhos pelas equipes de manutenção mais
    conservadoras.  As  perguntas  a  serem  respondidas  são:  qual  a  confiabilidade  destes
    acopladores?  Levando  em  consideração  os  riscos  envolvidos,  a  que  custo  se  aplica  esta
    técnica?  Qual  o  estado  atual  deste  isolamento  após  29  anos  de  operação?  O  sistema  de
    resfriamento  a  água  impacta  positiva  ou  negativamente  na  vida  útil  da  isolação  do
    enrolamento  estatórico?  Considerando  estes  fatores, este  trabalho  traz  a  experiência  na
    determinação do atual estado da isolação, considerando aspectos teóricos e práticos, e quais as
    principais dificuldades encontradas para a elaboração deste estudo. Como resultado adicional
    tentar-se-á  estimar,  com  base  nos  ensaios  realizados,  qual  a  condição  atual  após
    envelhecimento  em  operação  e  se  o  sistema  de  resfriamento  por  água  desmineralizada
    contribui positivamente e de maneira efetiva neste processo.

  • JOSÉ VITOR BERNARDES JÚNIOR
  • DETERMINAÇÃO DE PARÂMETROS DE MÁQUINA SÍNCRONA ATRAVÉS DE ABERTURA E FECHAMENTO DE CURTO-CIRCUITO

  • Data: 16/07/2015
  • Mostrar Resumo
  • Os  tradicionais  modelos de máquina síncrona se baseiam na suposição  de  que as três
    indutâncias mútuas entre amadura, campo e amortecedor de eixo direto, quando  representadas
    em  pu,  são  iguais.  Entretanto,  este  modelo  representa  corretamente  apenas  os  circuitos  do
    estator. Os resultados para as grandezas do rotor não convergem com as medições  realizadas
    em uma  máquina real. Assim, para uma adequada representação,  Canay introduziu um novo
    modelo  de  máquina  síncrona  com  uma  reatância  mútua  entre  o  enrolamento  de  campo  e  o
    amortecedor. Este modelo gera resultados mais fidedignos para a armadura e para o rotor.
    Neste trabalho são apresentados métodos para determinação das reatâncias e resistências
    da máquina síncrona através dos ensaios de curto-circuito trifásico e recuperação de tensão.  O
    modelo identificado considera a  reatância  mútua extra entre o campo e o a mortecedor (XFD).
    Para tanto, as tensões e correntes da armadura ,  além da corrente de campo,  são registradas. A
    reatância  característica  é  calculada  para  ambos  os  ensaios.  O  método  apresentado  para
    determinar a reatância característica, através do ensaio de recuperação de tensão  propriamente
    dito, não é encontrado na literatura técnica, sendo esta a maior contribuição deste trabalho

  • FABIO JOSÉ GARCIA DOS SANTOS
  • UM MODELO DE PRÉ-DIMENSIONAMENTO DE GERADORES SÍNCRONOS DE ROTOR CILÍNDRICO PARA PEQUENAS CENTRAIS HIDRELÉTRICAS

  • Data: 16/07/2015
  • Mostrar Resumo
  • A utilização de  geradores síncronos de polos lisos em Pequenas Centrais Hidrelétricas visa auxiliar  na viabilidade  do  empreendimento  como  um  todo,  a  partir  da  melhora  do  fator  de aproveitamento da máquina e das reduções de volume de matéria prima e tempo envolvido no ciclo  de  fabricação.  Neste contexto,  esta  dissertação  tem  como  objetivo  desenvolver  uma metodologia  de  cálculo  analítico para  pré-dimensionamento  do  circuito  magnético  de geradores  de  rotor  cilíndrico  que  permita  obter  resultados  satisfatórios  de  forma  simples  e rápida, sem o emprego de modelos em elementos finitos. Para  tanto,  é  apresentada  uma  sequência  de  procedimentos  que  permite  definir  o  fluxo magnético na linha do entreferro e as dimensões das partes ativas do gerador. A simulação em elementos  finitos  da  geometria  obtida  por  meio  da  metodologia  analítica  proposta,  permite avaliar  a  forma  de  onda  do  fluxo magnético  no  entreferro  e  observar  a  existência  de  uma convergência satisfatória de resultados. Considerando  curvas  de  magnetização  de  materiais  comumente  empregados  em hidrogeradores, cálculos do circuito magnético para as condições em vazio, nominal  e  curtocircuito são realizados.  Deste modo,  as correntes de excitação nas  respectivas  condições  são obtidas,  permitindo  a  elaboração  das  curvas  de  saturação  em  vazio  e  em  curto-circuito  e  a partir destas, o cálculo das reatâncias síncronas de eixo direto e da  relação de curto-circuito. Como  estudo  de  caso,  parâmetros  obtidos  a  partir  da metodologia  apresentada  são comparados com dados provenientes do ensaio de  comissionamento de um gerador de polos lisos em operação.

  • SILVIO ANTONIO BUENO SALGADO
  • Avaliação da probabilidade de ocorrência de queda de estruturas metálicas de linhas de transmissão usando regressão logística e redes neurais artificiais combinadas com DOE

  • Data: 19/06/2015
  • Mostrar Resumo
  • Nesta tese, avalia-se a probabilidade de ocorr^encia de queda de estruturas metalicas de linhas
    de transmiss~ao atraves de duas tecnicas: regress~ao logstica e RNAs combinadas com DOE.
    A primeira, pode ser considerada como tecnica padr~ao e ja e consagrada como uma poderosa
    ferramenta de auxlio na tomada de decis~ao. A segunda tem sido utilizada em profus~ao para
    problemas similares e apresenta-se como excelente alternativa para a regress~ao logstica, pois
    assume menos restric~oes de uso, apesar de exigir uma simulac~ao computacional mais complexa.
    A metodologia estatstica de Delineamento de Experimentos (Design of Experiments - DOE) e
    proposta para determinar os melhores par^ametros de uma RNA para o problema de queda de
    estruturas. Ao inves de se utilizar a tecnica mais comum de treinamento de uma RNA, ou seja,
    tentativa e erro, DOE e proposto como uma metodologia para encontrar a melhor RNA.

  • ODILON DE OLIVEIRA DUTRA
  • Implementação de Neurônio Artificial em Tecnologia CMOS IBM 130 nm utilizando o Modelo de Izhikevich em Topologia Translinear Dinâmica com Transistores Halo-Implantados

  • Data: 05/06/2015
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho descreve a implementação do modelo neural de Izhikevich em circuitos dinâmicos translineares - DTL - através da utilização de dispositivos halo-implantados em tecnologia 130 nm. Um desenho em forma matricial de ordem �� x �� é capaz de, não apenas, substancialmente aumentar a impedância de saída de tais transistores haloimplantados devido à diminuição do efeito LDIBL, mas também melhorar o descasamento e a degradação da transcondutância, tornando-os elementos translineares aplicáveis a circuitos de ultra-baixa-tensão e ultra-baixa-potência. O neurônio proposto foi simulado com sucesso em IBM CMOS 130 nm. O mesmo é capaz de gerar os 20 padrões previstos pelo modelo para neurônios tálamo-corticais como outros trabalhos com implementações diferentes, mas melhorando diversos aspectos como a utilização de baixíssima tensão de alimentação de 250 mV. Mesmo não tendo sido possível a medição dos diversos padrões, a medição de diversos espelhos de corrente implementados no chip para auxílio da polarização do circuito, bem como a caracterização das matrizes, medição do comportamento estático de um filtro passa-baixas DTL que implementa a acomodação do neurônio e também a comparação de um padrão neural fictício com sua simulação demonstraram funcionamentos muito similares aos obtidos nas simulações, indicando que a topologia adotada é uma boa opção para a implementação de circuitos DTL em ultra-baixa-tensão e ultra-baixa-potência.
  • GUSTAVO DELLA COLLETTA
  • Uma arquitetura de modulação Σ-Δ assíncrona em Ultra-Baixa Potência para aplicações biomédicas.

  • Data: 05/06/2015
  • Mostrar Resumo
  • Esse trabalho apresenta o projeto e a fabricação de um circuito integrado modulador Σ-Δ assíncrono especialmente projetado para aplicações biomédicas. Desenvolvido em processo Digital IBM 130-nm, utiliza técnicas de polarização em inversão fraca e leiaute distribuído de transistores halo-implantados, opera com alimentação de 0,25-V e consome 15-nW de potência. O projeto foi guiado pela teoria clássica que modela o modulador Σ-Δ assíncrono segundo uma malha realimentada constituída de um elemento linear e de um elemento não-linear. Um circuito amplificador operacional de transcondutância é utilizado em conjunto com um arranjo capacitivo para construir um integrador Gm-C, elemento linear. O elemento não-linear é realizado por um circuito oscilador de relaxação que opera comutando um arranjo capacitivo através de uma cadeia de inversores CMOS e não envolve polarização adicional, reduzindo o consumo energético. Foram desenvolvidos dois modelos que descrevem a sua operação e fornecem as condições necessárias para que o circuito opere como um modulador Σ-Δ assíncrono além de análises de descasamento que mostram que o circuito é passível de calibração, quando necessário. A caracterização do protótipo comprova as características de frequência e histerese de tensão descritas na modelagem e mostra que alimentado com 0,25-V, consome 15-nW, alcançando 9 bits de resolução em uma banda de 30-Hz, que se traduzem em aproximadamente 300-µV de resolução de tensão para o sinal de 150-m��PP aplicado. Esses resultados são condizentes com aplicações biomédicas portáteis ou mesmo implantáveis, uma vez que requerem baixo consumo energético e resolução moderada trabalhando em bandas reduzidas de frequência.
  • LUCAS GUSTAVO ARANGO
  • Análise Econômica e Regulatória do Compartilhamento da Infraestrutura entre Empresa de Distribuição e Operadoras de Telecomunicações através de um Modelo de Mercado

  • Data: 29/05/2015
  • Mostrar Resumo
  • Existe um histórico de conflitos entre empresas elétricas e
    operadoras de telecomunicações sobre o compartilhamento da infraestrutura de distribuição de energia, na qual energia e informação são transportadas e fornecidas aos consumidores. Os modelos atuais de preços que definem o valor do aluguel do ponto do poste a ser pago pelas operadoras de telecom têm
    atraído muitas críticas. Este trabalho tem como objetivo propor dois modelos econômicos do compartilhamento do poste, a fim de estabelecer o aluguel do ponto de poste numa base objetiva, talvez eliminando algumas das críticas que envolvem esse assunto desde sua origem. Além disso, estas propostas são capazes de determinar o valor a ser transferido para os consumidores finais de energia para diminuir sua tarifa. Para apoiar as propostas foi concebida uma representação do compartilhamento em relação aos ativos financeiros, incluindo os mecanismos de regulação e o princípio de otimização
    do bem-estar social em que se baseiam as políticas públicas. Os custos diretos do compartilhamento foram estimados e receberam um tratamento de risco através de ferramentas de gerenciamento de risco. Uma simulação de um contrato de um ano entre uma empresa de energia elétrica e uma operadora acessante foi realizada a fim de se determinar o preço justo do aluguel para a operadora de telecom, garantindo o equilíbrio econômico e financeiro da empresa de energia elétrica e uma
    tarifa razoável para os consumidores finais de energia.
  • FERNANDO HENRIQUE TAVARES BORBOREMA
  • “A repotenciação e motorização de usinas hidrelétricas como alternativa para mitigar os efeitos das mudanças climáticas na geração de energia elétrica no Brasil”

  • Data: 25/05/2015
  • Mostrar Resumo
  • O  setor  de  geração  de  energia  elétrica  do  Brasil  é  majoritariamente  composto  de  fontes
    renováveis. Em 2014, as usinas hidrelétricas respondiam por mais de  70% da geração de energia
    elétrica no país. As fontes renováveis,  onde a hidro eletricidade se inclui,  são dependentes das
    condições climáticas e alterações no clima global não previstos nos históricos podem alterar a
    geração  de  energia  prevista  através  destas  fontes.  Este  trabalho  apresenta  uma  alternativa  de repotenciação  de  usinas  hidrelétricas  como  resposta  aos  efeitos  das  mudanças  climáticas  na geração  de  energia  hidrelétrica  no  Brasil.  A  repotenciação,  em  seu  termo  geral,  é  a  ação  de aprimorar  os  parâmetros  de  uma  usina,  seja  com  a  melhora  do  rendimento  ou  fator  de capacidade, seja através do aumento da capacidade instalada da usina por meio da atualização tecnológica  dos  equipamentos  ou  pela  instalação  de  unidades  geradoras  adicionais.  Após  a identificação das usinas hidrelétricas que estão aptas a serem repotenciadas dentro dos cenários climáticos  avaliados,  foram  feitas  simulações  de  despacho  hidrotérmico,  utilizando  o  modelo NEWAVE,  estabelecendo  ganhos  de  capacidade  instalada  para  as  unidades  geradoras  aptas  a repotenciação como também avaliar a motorização das usinas através da instalação de u nidades adicionais.  Este  trabalho  buscou  fazer  análises  dos  resultados  obtidos  nas  simulações, evidenciando  os  principais  benefícios  da  repotenciação  de  usinas  hidrelétricas  para  o  sistema elétrico brasileiro  e  para os agentes geradores. Utilizando os resultados das simulações,  é  feita uma  análise  econômica  e  de  decisão  da  implementação  destes  projetos,  com  o  objetivo  de determinar,  dentro  de  uma  quantidade  de  alternativas,  a  que  apresenta  maior  atratividade  de investimento no Brasil.

  • GUILHERME MARTINEZ FIGUEIREDO FERRAZ
  • Proposta de um Modelo de Circuito Equivalente para a Representação em Banda Larga de Transformadores de Distribuição

  • Data: 11/05/2015
  • Mostrar Resumo
  • Esta dissertação descreve os principais resultados de uma
    pesquisa voltada para a determinação de um circuito equivalente para representação de transformadores de distribuição em uma ampla faixa de frequência. Sendo
    assim, reuniu de forma sintética, resultados de ensaios, modelos propostos para representação, ferramentas computa
    cionais utilizadas e desempenho de cada uma.
    De forma complementar pode-se destacar a importância desta modelagem na compreensão e diagnóstico de transformadores, além de contribuir para elaboração de blocos de simulação e aglutinar resultados típicos de ensaios
  • RICARDO FRANCISCO ALONSO CARDOZO
  • Reconfiguração ótima de sistemas de distribuição radiais utilizando sistemas imunológicos artificiais.

  • Data: 06/05/2015
  • Mostrar Resumo
  • A redução de perdas de energia é uma meta das concessionárias de energia elétrica. Reconfiguração do sistema de distribuição é uma das ferramentas disponíveis para realizá-lo, como também alocação de bancos de capacitores, reforço nas instalações elétricas como, por exemplo, aumento da bitola dos cabos, utilização de materiais com menores perdas, etc. Comparativamente a reconfiguração da rede pode ser feita quase de imediato, enquanto que as demais alternativas requerem de planejamento adequado, e maiores investimentos. Em ambientes regulatórios manter índices de continuidade de serviço dentro de limites adequados, também pode ser um objetivo a considerar. Neste trabalho é apresentada uma metodologia de reconfiguração de redes de distribuição do tipo radial com recursos. O sistema em estudo tem certas particularidades a serem abordadas. Uma destas particularidades é o desequilíbrio presente, devido, como será visto mais adiante, a setores com circuitos monofásicos e também cargas monofásicas alocadas em ramos ou setores trifásicos. O problema abordado, portanto, é um problema matemático de otimização, cujos objetivos podem ser então, minimizar as perdas elétricas mantendo níveis aceitáveis de tensão, maximizar o equilíbrio de demanda de alimentadores pertencentes a uma mesma subestação e/ou melhorar o índice de desempenho ou continuidade (e.g. SAIFI, SAIDI) o qual é reflexo da confiabilidade do sistema. Para a procura de uma configuração ótima, o estudo utilizará uma metodologia heurística baseada nos Sistemas Imunológicos Artificiais que demonstrou ser uma ferramenta muito eficiente em diversos problemas como fluxo ótimo, reconhecimento de padrões e solução de problemas de otimização em geral. A rede será representada topologicamente através de Grafos, uma vez que, de acordo com a bibliografia consultada, esta representação é de muita utilidade no auxilio da avaliação das funções e equações. Considerando a característica radial do Sistema de Distribuição, será procurada uma metodologia adequada e eficiente para cálculo de perdas, índices, etc. Finalmente, é proposta uma metodologia baseada na Dominância de Pareto combinada com a teoria de Sistemas Imunológicos Artificiais para a procura da solução de um problema multiobjetivo.
  • SANDRA DE SOUSA XAVIER
  • Análise de Eficiência Técnica das Concessionárias de Distribuição de Energia Elétrica utilizando DEA (Data Envelopment Analysis) e Redes Unificadas

  • Data: 09/04/2015
  • Mostrar Resumo
  • Nos últimos anos, o setor elétrico tem passado por grandes mudanças, especialmente na regulação econômica. Depois de receber várias críticas, a regulação pelo custo do serviço vem
    sendo substituída pela regulação por incentivos. O objetivo principal desta regulação é o estímulo à eficiência empresarial. Este estudo propõe uma forma alternativa de aplicação da metodologia Data Envelopment Analysis (DEA) para o caso brasileiro, caracterizado por grandes extensões territoriais: o uso das Redes Unificadas (RU) no segmento de distribuição para regionalizar a área de concessão e em seguida analisar a eficiência separadamente. Muitos reguladores utilizam a distribuidora como Unidade Tomadora de Decisão (do inglês,
    Decision Making Unit–DMU) na regulação de preços, quando técnicas de benchmarking são empregadas. Contudo, no Brasil, a qualidade é medida em detalhes através dos conjuntos de
    unidades consumidoras, ou seja, a qualidade é medida considerando partes menores da empresa. Dado que a eficiência não pode ser analisada sem considerar os aspectos de qualidade e as características ambientais da área de concessão da distribuidora, este estudo busca um equilíbrio
    entre gerenciamento, qualidade, ambiente e custos. Portanto, as principais contribuições deste estudo são:
    a criação de um instrumento direcionador para aumento do incentivo à eficiência técnica no segmento de distribuição, a redução do impacto da heterogeneidade presente nas distribuidoras brasileiras e a escolha de variáveis que são melhores medidas na análise de eficiência. Alguns exemplos com distribuidoras brasileiras são apresentados para mostrar as vantagens da abordagem proposta.
  • ADRIANO BATISTA DE ALMEIDA
  • Um modelo unificado para análise de geração distribuída em sistemas de transmissão e distribuição.

  • Data: 07/04/2015
  • Mostrar Resumo
  • Tendo em vista o crescente aumento da conexão de pequenas fontes de geração distribuída
    no sistema, esta tese apresenta uma abordagem simples e robusta para unificar a solução
    trifásica do fluxo de potência dos sistemas de distribuição com a solução monofásica do fluxo
    de potência do sistema de transmissão (Fluxo Unificado). Assim, permitindo a investigação
    do impacto da alta penetração de geração distribuída nos sistema de distribuição e também
    no sistema de transmissão.
    Este Fluxo Unificado permite que ambos os sistemas sejam resolvidos simultaneamente,
    preservando a característica balanceada do sistema de transmissão e a desbalanceada
    do sistema de distribuição. Para obter a solução, os sistemas são decompostos em dois
    subconjuntos de equações, onde cada subconjunto de equações é resolvido separadamente,
    assim como na formulação do método desacoplado de fluxo de potência.
    O Fluxo Unificado apresenta boas características de convergência, com a vantagem de
    precisar fatorar matrizes Jacobianas de pequena dimensão ao invés de uma matriz de
    grande dimensão, o que pode reduzir muito o esforço computacional. Além disso, o método
    permite o emprego de processamento paralelo, possibilitando reduzir ainda mais o tempo
    computacional.
    Uma plataforma computacional foi desenvolvida em MATLAB® incorporando o Fluxo
    Unificado e os modelos de regime permanente de energia eólica e sistemas fotovoltaicos.
    Desta forma, possibilitando a avaliação da influência dessas fontes de geração no sistema
    devido à variação das condições meteorológicas.
    Algumas simulações são realizadas para validar a metodologia e também é apresentada,
    sob o ponto de vista de estabilidade tensão, uma análise das barras críticas e da margem
    de carga do sistema de transmissão, considerando alta penetração de geração distribuída.

  • ALEXANDRE VIANA BRAGA
  • Implementacao de uma microcentral hidreletrica com gerador de inducao em operacao isolada para atendimento de comunidades rurais

  • Data: 06/04/2015
  • Mostrar Resumo
  • A gerac¸ ˜ ao isolada em microcentrais hidrel ´ etricas atrav ´ es de motor de induc¸ ˜ ao funcionando
    como gerador tem sido objeto de intensa pesquisa devido ao fato deste tipo de m ´ aquina ser
    f ´ acil de operar, ter manutencao simplificada, e tamb ´ em ter menor custo quando comparado ` a
    m´ aquina s´ ıncrona, principalmente na faixa de 0,5 kW a 50 kW. Nesta tese uma ´ unica malha
    de controle de tens ˜ ao de um gerador de induc¸ ˜ ao, em gaiola de esquilo, foi implementada. O
    sistema opera isoladamente e tem pot ˆ encia de 30 kW. O sistema utiliza carga lastro controlada
    por uma placa eletr ˆ onica. A tens ˜ ao gerada e a frequ ˆ encia s ˜ ao mantidos em seus valores
    nominais para aplicac¸ ˜ oes t´ ıpicas em ´ areas rurais. Para este prop ´ osito, um sistema de controle
    foi implementado, via tiristores em anti-paralelo. Testes foram feitos variando-se cargas para
    se obter as formas de onda de tens ˜ ao na carga principal e na carga lastro. O desempenho da
    placa eletr ˆ onica de controle tamb ´ em foi testado para conex ˜ ao e desconex ˜ ao abruptas de carga.
    O sistema proposto mostrou-se eficiente e robusto no controle da tens˜ ao e da frequ ˆ encia do
    sistema isolado.

  • ARTHUR HENRIQUE PERINI DE MEDEIROS
  • Análise de desempenho da proteção de motores de indução de MT utilizando simulação digital em tempo real.

  • Data: 31/03/2015
  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho de dissertação teve como objetivos: (i) avaliar e validar os ajustes

    propostos pelo estudo de proteção existente de um motor de indução de disfibrador de cana com potência de 3.500 c.v, através da realização de testes Hardware-in-the-Loop, utilizando o Simulador Digital em Tempo Real (RTDS), (ii) investigar possíveis melhorias nos ajustes da proteção do motor do desfibrador, (iii) trazer para o âmbito dos sistemas industriais a utilização do RTDS.

    O caso teste utilizado consiste de um sistema industrial de produção de açúcar e álcool, com carga instalada de 12 MW e cogeração de energia com o reaproveitamento do bagaço da cana. A produção de energia elétrica é realizada através de dois turbogeradores, um movido à vapor de contrapressão de15 MW e outro de condensação com extração de 25 MW.

     Foram simuladas faltas internas e externas à zona de proteção do motor,

    considerando dois conjuntos de ajustes no relé SEL 710: o primeiro corresponde aos ajustes atuais implantados em campo e o segundo, corresponde aos ajustes propostos neste trabalho.

     Os resultados obtidos mostram que os ajustes propostos representam um ganho significativo nos tempos de atuação da proteção, sobretudo das funções subtensão (27), desequilíbrio de corrente (51Q e 46) e rotor travado (50 LJ). 

  • EDUARDO RIANI HILSDORF
  • Utilização de Isoladores Cerâmicos Tipo Pilar Núcleo Sólido em Redes de Distribuição de Energia Elétrica Tipo Compacta

  • Data: 10/03/2015
  • Mostrar Resumo
  •  O presente trabalho mostra uma avaliação comparativa de desempenho entre os isoladores tipo pilar de porcelana e os isoladores tipo pino poliméricos de polietileno aplicados em redes compactas protegidas, através da analise das simulações computacionais utilizando software Comsol Multiphysics®, avaliaçãovisual em condições de aplicação especificas utilizando-se de câmara de visualização do efeito corona (câmara UV) e pelo ensaio de compatibilidade dielétrica entre o isolador de porcelana e o cabo coberto. Oobjetivo destes ensaios e simulações é comprovar a possibilidade de utilização de isoladores tipo pilar de núcleo maciço de porcelana (cerâmico) em redes compactas e desmistificar o conceito generalizado da incompatibilidade entre os isoladores de porcelana e a rede compacta, criado nos primeiros anos de utilização dos cabos cobertos, quando se utilizou isoladores de porcelana tipo pino, radiotratados ou não, e se obteve problemas de perfuração dos cabos. Procurou-se, identificar os defeitos mais comuns, como vazio no interior dos isoladores poliméricos, bem como os consequentes danos quando da utilização destes isoladores. Obtiveram-se valores referentes à distribuição de campo elétrico nesses conjuntos que indicaram vantagens para o isolador pilar de porcelana em comparação com o pino polimérico, e o ensaio de compatibilidade

    comprovou a possibilidade de utilização

  • PEDRO HENRIQUE FERREIRA MACHADO
  • Metodologia de modelagem CPN aplicada a análise de desempenho de sistemas de comunicação baseados na norma IEC 61850
  • Orientador : LUIZ EDIVAL DE SOUZA
  • Data: 24/02/2015

  • JONAS GUEDES BORGES DA SILVA
  • Modelagem e Tratamento dos Sinais da Assinatura Elétrica de Máquinas para Melhoria do Diagnóstico de Falhas

  • Data: 23/02/2015
  • Mostrar Resumo
  • Esta tese apresenta uma nova abordagem de análise e processamento de sinais aplicada às técnicas de Análise da Assinatura Elétrica (ESA)para o monitoramento da condição de motores de indução. Esta abordagem está baseada no estudo e implementação de técnicas de processamento de sinais que considerem a natureza dos sinais que compõem a assinatura elétrica e, assim, aplica m técnicas apropriadas de separação e filtragem, de modo que as características e efeitos de interesse possam ser destacados e os efeitos indesejados possam ser suprimidos. Neste sentido, inicialmente, é efetuada uma revisão das principais técnicas de Análise da Assinatura Elétrica , incluindo o levantamento detalhado das etapas envolvidas na análise de sinais e no diagnóstico de falhas, e destacando os principais pontos críticos na aplicação destas técnicas em ambiente industrial . Com base nos pontos críticos da metodologia atual de análise e nas técnicas de processamento de sinal e estimação espectral estudadas, duas novas metodologias de análise são propostas: uma para a análise da condição do circuito rotórico e outra para a análise de defeitos pontuais em rolamentos. A primeira metodologia explora a natureza determinística das modulações causadas pela interação entre circuito rotórico e o estator na assinatura elétrica, sobretudo na presença de barras quebradas no rotor, e aplica técnicas de separação de sinais aleatórios/determinísticos e técnicas avançadas de estimação não - paramétrica do espectro de frequências do sinal. Já a segunda metodologia, adota a estratégia de análise de rolamentos similar à técnica do envelope, aplicada ao sinal de vibração, assumindo a natureza ciclo - estacionária do sinal do rolamento na assinatura elétrica e, portanto, aplicando técnicas adequadas de separação e extração dos componentes de interesse para o diagnóstico. As metodologias de análise propostas foram verificadas através de experimentos utilizando motores em ambiente de laboratório e em ambiente industrial. Os resultados obtidos mostram que a metodologia de análise do circuito rotórico se mostrou adequada para a análise, mesmo em condições de variação de carga, enquanto que a metodologia de análise de rolamentos foi capaz de identificar um defeito pontual na pista externa de um rolamento, condição não identificada através das técnicas convencionais de Análise da Assinatura Elétrica. Finalmente, é proposta uma metodologia de avaliação da estacionariedade de sinais, condição indispensável para a análise de sinais periódicos no domínio da frequência. Através do conceito de processos fracamente estacionários, os parâmetros estatísticos de segunda ordem obtidos ao longo do sinal são analisados no domínio do tempo (função de correlação) e da frequência (espectro de potências), identificando-se não-estacionariedades locais no sinal que impedem sua aplicação no diagnóstico de falhas. Diversos sinais de motores em diferentes condições de operação foram testados para se avaliar a eficácia do método na identificação de sinais não-estacionários.

  • LUCAS FREDERICO JARDIM MELONI
  • Estudo de um filtro ativo série monofásico para a compensaão de distorções harmônicas de tensão
  • Orientador : ANGELO JOSE JUNQUEIRA REZEK
  • Data: 23/02/2015

  • LUIZ FELIPE PUGLIESE
  • Uma Estratégia de Controle Multi-Modelo LQG/LTR aplicada a um Sistema não Linear de Levitação Magnética
  • Orientador : LUIS HENRIQUE DE CARVALHO FERREIRA
  • Data: 11/02/2015

2014
Descrição
  • KARINE DA SILVA HONORATO
  • Simulações Estocásticas de Variações de Tensão de Curta Duração em Sistemas de Distribuição
  • Orientador : JOSE MARIA DE CARVALHO FILHO
  • Data: 17/12/2014

  • LEONARDO LABARRERE DE SOUZA
  • Metodologia probabilistica para dimensionamento de reserva técnica de transformadores de subestações de distribuição de energia elétrica
  • Orientador : ARMANDO MARTINS LEITE DA SILVA
  • Data: 12/12/2014

  • LUCIANA ALVIM SCIANNI
  • Avaliação Preliminar do Efeito das Mudanças Climáticas na Geração de Energia Elétrica
  • Orientador : JOSE WANDERLEY MARANGON LIMA
  • Data: 10/12/2014

  • JULIANA CORTEZ DE SA
  • Compensação do Efeito de Desequilibrios das Tensões de Alimentação em Pontes Retificadoras Controladas
  • Orientador : CARLOS ALBERTO MURARI PINHEIRO
  • Data: 28/11/2014

  • KASCILENE GONÇALVES MACHADO
  • Otimização de Estoques de Transformadores em Sistemas de Potência via Simulação Monte Carlo Cronológica e Técnicas Metaheurísticas
  • Orientador : ARMANDO MARTINS LEITE DA SILVA
  • Data: 07/11/2014

  • MAURO CÉSAR NORONHA MACHADO
  • Fiscalização das Distribuidoras de Energia Elétrica com a Aplicação da Ferramenta de Gestão da Qualidade Ciclo PDCA
  • Orientador : PEDRO PAULO DE CARVALHO MENDES
  • Data: 29/09/2014

  • JOÃO ALVES DA SILVA NETO
  • Estudo dos Efeitos Corona, Rádio Interferência e Níveis de Ruído e Intensidade de Campos Elétricos e Magnéticos Produzidos por Linhas Aéreas de Transmissão de Energia Elétrica
  • Orientador : ROBSON CELSO PIRES
  • Data: 26/09/2014

  • JOSÉ ROBERTO PINTO DA SILVA
  • Proposta de Compensador baseado em Regras para PSS Aplicação da Técnica IMC em AVR
  • Orientador : CARLOS ALBERTO MURARI PINHEIRO
  • Data: 26/09/2014

  • EDUARDO CRESTANA GUARDIA
  • Desenvolvimento de Metodologia para cálculo da vida útil de ativos da distribuição de energia focando a revisão tarifária
  • Orientador : JOSE WANDERLEY MARANGON LIMA
  • Data: 19/09/2014

  • JANAINA COSTA OLIVEIRA
  • Metodologia e Procedimentos para o Ilhamento de Usinas de Médio e Pequeno Portes em Sistemas Elétricos de Distribuição
  • Orientador : PEDRO PAULO DE CARVALHO MENDES
  • Data: 05/09/2014

  • MAURILIO FARIA MORAIS
  • Avaliação da Proteção de Interconexão entre Concessionaria e Sistema de Cogeração utilizando o RTDS
  • Orientador : JOSE MARIA DE CARVALHO FILHO
  • Data: 29/08/2014

  • LUIZ FELIPE DE OLIVEIRA COSTA
  • O Uso de Conjuntos de Manobra e Controle de Potência em Sistemas Elétricos Industriais Média e Baixa Tensão
  • Orientador : JOSE MARIA DE CARVALHO FILHO
  • Data: 21/08/2014

  • JOÃO PAULO CARVALHO HENRIQUES
  • Sistema de Controle Preditivo Multimodelos Fuzzy TS-BFO Embarcado em um Controlador Lógico Programável
  • Orientador : LUIS HENRIQUE DE CARVALHO FERREIRA
  • Data: 13/08/2014

  • THIAGO BORBA ONOFRE
  • Desenvolvilmento de um Protocolo de Comunicação Bidirecional em VHDL para Eletrodos Digitais de EEG
  • Orientador : TALES CLEBER PIMENTA
  • Data: 07/08/2014

  • ANDRÉ PAGANI TOCHETTO
  • Utilização de Medição Fasorial Sincronizada no Monitoramento em Tempo Real da Segurança da Operação da UHE ITAIPU 60Hz.
  • Orientador : ROBSON CELSO PIRES
  • Data: 14/07/2014

  • CAIO ALONSO DA COSTA
  • Desenvolvimento de Hardware de Criptografia RSA em Linguagem Verilog
  • Orientador : TALES CLEBER PIMENTA
  • Data: 07/07/2014

  • VERONICA ETCHEBEHERE SANTIAGO
  • Flutuação do Risco Físico de Mercado em Função da Liberação de Contratos fora da Garantia Física das Usinas
  • Orientador : JOSE WANDERLEY MARANGON LIMA
  • Data: 06/06/2014

  • MARCEL ANTONIONNI DE ANDRADE ROMANO
  • Software e Hardware para Análise de Ensaios de Impulsos Atmosféricos em Equipamentos para Média Tensão
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 22/05/2014

  • THIAGO MOURA GALVÃO
  • Análise Comparativa entre Medidores de Qualidade da Energia Elétrica com Foco na Tensão e na Potência.
  • Orientador : PAULO MARCIO DA SILVEIRA
  • Data: 16/05/2014

  • SAULO RIBEIRO SILVA
  • Planejamento Hidrotérmico considerando a Penetração de Geração Eólica em Sistemas Elétricos de Potência.
  • Orientador : JOSE WANDERLEY MARANGON LIMA
  • Data: 05/05/2014

  • JOSÉ CARLOS MORA
  • Conversores CA-CC BOOST PWM Bidirecionais conectados em Rede com Distúrbios Pré-Existentes.
  • Orientador : ANGELO JOSE JUNQUEIRA REZEK
  • Data: 11/04/2014

  • JOSÉ FILHO DA COSTA CASTRO
  • Dimensionamento da Reserva Operativa Considerando Restrições de Transmissão via Método da Entropia Cruzada.
  • Orientador : ARMANDO MARTINS LEITE DA SILVA
  • Data: 28/03/2014

  • LUCAS RAMALHO DE LIMA
  • Metodologia Probabilística para Classificação de Subestações Considerando os Desempenhos Estático e Dinâmico da Rede.
  • Orientador : ARMANDO MARTINS LEITE DA SILVA
  • Data: 14/03/2014

  • CAMILA PAES SALOMON
  • Estimação da Eficiência de Motores de Indução considerando apenas as Grandezas Elétricas.
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 24/02/2014

  • VINÍCIUS FERREIRA DE SOUZA
  • Análise dos Modelos de Máquinas de Indução para Estudos de Transitórios Eletromagnéticos em Sistemas Elétricos de Potência e sua Representação no Programa de Simulação ATP.
  • Orientador : CLAUDIO FERREIRA
  • Data: 21/02/2014

  • AIRTON VIOLIN
  • Avaliação da Confiabilidade de Subestações baseadas nos Desempenhos Estático e Dinâmico de Sistemas Elétricos de Potência.
  • Orientador : ARMANDO MARTINS LEITE DA SILVA
  • Data: 17/01/2014

2013
Descrição
  • MARCOS NETTO
  • Simulador para Treinamento de Operadores como Suporte à Operação em Tempo Real de Redes Inteligentes.
  • Orientador : ROBSON CELSO PIRES
  • Data: 11/12/2013

  • RODRIGO MAXIMIANO ANTUNES DE ALMEIDA
  • Troca de Contexto Segura em Sistemas Operacionais Embarcados utilizando Técnicas de Detecção e Correção de Erros.
  • Orientador : LUIS HENRIQUE DE CARVALHO FERREIRA
  • Data: 11/12/2013

  • RODNEI DIAS DOS ANJOS
  • Ampacidade de Linhas de Transmissão - Aspectos Operativos.
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 09/12/2013

  • JOYCE MICHELLE DE FARIA
  • Metodologia da Área de Influência para o Cálculo da Tarifa de Uso do Sistema de Transmissão.
  • Orientador : JOSE WANDERLEY MARANGON LIMA
  • Data: 06/12/2013

  • MARCOS HENRIQUE PITOLI
  • Sistema Portátil para Medição e Identificação de Falhas em Motores de Indução Trifásicos através da Técnica da Análise da Assinatura Elétrica.
  • Orientador : ANGELO JOSE JUNQUEIRA REZEK
  • Data: 06/12/2013

  • RUBIANE HELOISA OLIVEIRA
  • Modelagem de Sistemas MIMO baseada em Conjuntos Aproximados.
  • Orientador : CARLOS ALBERTO MURARI PINHEIRO
  • Data: 06/12/2013

  • PAULO MURINELLI PESOTI
  • Recomposição de Sistemas Elétricos de Potência com Auxílio de Função Energia.
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 02/12/2013

  • MARCOS VINICIUS XAVIER DIAS
  • Impacto no Consumo de Energia Elétrica e nas Emissões Decorrente da Introdução de Carros Elétricos na Frota de Automóveis.
  • Orientador : JAMIL HADDAD
  • Data: 27/11/2013

  • ROBERTO AKIRA YAMACHITA
  • Determinação de Perdas e Rendimento em Motores Elétricos empregando Termografia Infravermelha.
  • Orientador : EDSON DA COSTA BORTONI
  • Data: 27/11/2013

  • TIAGO RODRIGUES DOS SANTOS NOGUEIRA
  • Uma Análise de Protocolo para Medidores Digitais de Energia Elétrica BT.
  • Orientador : HECTOR ARANGO
  • Data: 27/11/2013

  • WILLIAM SEAL DA SILVA
  • Nova Estrutura para o limitador de Subexcitação UEL usado e Sistemas de Excitação.
  • Orientador : PEDRO PAULO DE CARVALHO MENDES
  • Data: 13/11/2013

  • JOAQUIM MOREIRA LIMA
  • Modelos de Reguladores: sua Aplicação no Sistema Elétrico do Norte de Angola, na Ótica do Produtor Independente.
  • Orientador : PEDRO PAULO DE CARVALHO MENDES
  • Data: 09/10/2013

  • FERNANDO ANTONIO GRIGOLETTO
  • Análise Comparativa entre as Metodologias ANSI e IEC para o Cálculo de Curto-Circuito em Sistemas Industriais.
  • Orientador : JOSE MARIA DE CARVALHO FILHO
  • Data: 25/09/2013

  • CAIO FERNANDES DE PAULA
  • Princípio de Recuperação da Malha Objetivo aplicado ao Controle H Infinito.
  • Orientador : LUIS HENRIQUE DE CARVALHO FERREIRA
  • Data: 13/09/2013

  • ALAN MELO NÓBREGA
  • Análise da Isolação em XLPE dos Cabos Cobertos utilizados nas Redes de Média Tensão.
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 28/06/2013

  • JOSE CARLOS GRILO RODRIGUES
  • Implementação de um Simulador para as mais Comumente encontradas Cargas de Motores Industriais, baseado em Inversores PWM e Estimador de Torque.
  • Orientador : ANGELO JOSE JUNQUEIRA REZEK
  • Data: 28/06/2013

  • JULIANO ALBINO PALLARO
  • Propostas para Projeto de Pára-Raios de Distribuição em Média Tensão.
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 27/06/2013

  • LIVIA MARIA ALBURGUETTI
  • Influência dos Campos Elétrico e Magnético no Projeto Eletromecânico de Subestações de Energia Elétrica.
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 26/06/2013

  • ROGERIO REGIS DA SILVA
  • Análise Paramétrica do Cálculo de Campos Elétricos em Subestações pelo Método de Simulação de Cargas.
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 26/06/2013

  • OCTAVIO FRANCISCO PASCHOAL SILVA R. DOS SANTOS
  • Modelagem de Sistemas Flexíveis de Manufatura para Tomada de Decisão em Tempo Real.
  • Orientador : GUILHERME SOUSA BASTOS
  • Data: 24/06/2013

  • WAGNER ALVES VILELA JÚNIOR
  • Ferramenta Computacional para Simular e Adequar a Rede Elétrica quanto às Violações de Tensões previstas no Módulo 8 do PRODIST-ANEEL.
  • Orientador : PAULO MARCIO DA SILVEIRA
  • Data: 14/06/2013

  • EVALDO SILVA
  • Algoritmo Genético, Ferramenta Computacional em Estimativas de Sinais Periódicos, Aperiódicos e Caóticos.
  • Orientador : BENEDITO ISAIAS LIMA FULY
  • Data: 27/05/2013

  • RODOLFO RIBEIRO DE OLIVEIRA
  • Uma Contribuição à Análise de Soluções para Mitigação de Afundamentos Momentâneos de Tensão.
  • Orientador : JOSE MARIA DE CARVALHO FILHO
  • Data: 30/04/2013

  • SUZANA SILVA PINTO
  • Comparação de Função Energia com Curvas PV e QV na Análise de Estabilidade de Tensão.
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 30/04/2013

  • PABLO CORRÊA FONSECA
  • Uma Alternativa aos Modelos NEWAVE e DECOMP por meio da Aplicação de Técnicas de Inteligência Artificial.
  • Orientador : BENEDITO ISAIAS LIMA FULY
  • Data: 29/04/2013

  • JÚLIO DE SIQUEIRA
  • Desenvolvimento de Interface Homem-Máquina (IHM) configurável para Monitorzação de Sinais Fisiológicos.
  • Orientador : PAULO CESAR CREPALDI
  • Data: 26/04/2013

  • MARCOS DIAS ALEIXO JÚNIOR
  • Desenvolvimento de Circuitos para Aquisição de Sinais Fisiológicos com Pré-Processamento.
  • Orientador : PAULO CESAR CREPALDI
  • Data: 26/04/2013

  • LUIZ FERNANDO NAPORANO DELBONI
  • Alocação ótima de Equipamentos FACTS para Melhoria do Desempenho Dinâmico via Sistemas Imunológicos Artificiais.
  • Orientador : JOSE WANDERLEY MARANGON LIMA
  • Data: 11/04/2013

  • DUNIAN COUTINHO SAMPA
  • Estimação dos Sinais Elétricos das Descargas Parciais através da Deconvolução dos Sinais Acústicos Gerados por estes.
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 05/04/2013

  • GILZE BELÉM CHAVES BORGES
  • Avaliação do Emprego da Espectroscopia no Infravermelho Próximo (NIR) na Determinação de Gases Gerados pela Decomposição de Óleos Minerais em Equipamentos Elétricos.
  • Orientador : EDSON DA COSTA BORTONI
  • Data: 03/04/2013

  • JOÃO MÁRIO MENDES DE FREITAS
  • Sensor de Nível por Micro-Ondas e Tecnologia RADAR-FMCW.
  • Orientador : EDSON DA COSTA BORTONI
  • Data: 27/03/2013

  • MARCUS SOLLYVAN MARTINS ALVES
  • Dimensionamento Básico de Filtros Eletromagnéticos de Sequência Positiva e Negativa.
  • Orientador : JOSE MARIA DE CARVALHO FILHO
  • Data: 27/03/2013

  • DIOGO LEONARDO FERREIRA DA SILVA
  • Sobre a Parametrização da Malha Objetivo no Controle H Infinito/LTR
  • Orientador : LUIS HENRIQUE DE CARVALHO FERREIRA
  • Data: 15/03/2013

  • GUSTAVO PAIVA LOPES
  • Avaliação do Comportamento Dielétrico de Isoladores de Média Tensão Frente à Sobretensões Induzidas de Origem Atmosférica.
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 15/03/2013

  • FERNANDO HENRIQUE DUARTE GUARACY
  • Contribuições a Aplicações Práticas de Sistemas de Controle por Modos Deslizantes.
  • Orientador : CARLOS ALBERTO MURARI PINHEIRO
  • Data: 14/03/2013

  • MARCOS VINICIUS SANTOS
  • Sistema de Controle Secundário de Tensão Baseado em Lógica FUZZY.
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 14/03/2013

  • DIOGO MARUJO
  • Detecção e Correção de Problemas Relacionados ao Efeito Oposto no Controle de Tensão e Potência Reativa.
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 08/03/2013

  • ALEXANDRE BARATELLA LUGLI
  • Uma Arquitetura Distribuída Flexível para Aplicações Industriais baseada no Padrão Ethernet.
  • Orientador : LUCIA REGINA HORTA RODRIGUES FRANCO
  • Data: 07/02/2013

2012
Descrição
  • CÍCERO LEFORT BORGES
  • Uma Abordagem Alternativa para Inspeção Preditiva não Invasiva em Linha Aérea de Distribuição de Média Tensão, na Área Rural.
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 14/12/2012

  • FÁBIO AUGUSTO DA SILVA ANTUNES
  • Sistema de Diagnóstico de Perturbações em Tempo Real baseado em Alarmes e Sinalizações de Proteção em Nível de Centro de Operação.
  • Orientador : PAULO MARCIO DA SILVEIRA
  • Data: 30/11/2012

  • ROMULO MOTA VOLPATO
  • Uma Técnica de Predição de Tensão no Alvo em Identificação por Radiofrequência para Aplicações em Sensores Implantados.
  • Orientador : TALES CLEBER PIMENTA
  • Data: 14/11/2012

  • LAERTE DOS SANTOS
  • Classificação e Modelagem de Fatores de Influência sobre Inspeções Termográficas em Ambientes Desabrigados.
  • Orientador : EDSON DA COSTA BORTONI
  • Data: 29/10/2012

  • LUIS HENRIQUE LOPES LIMA
  • Tarifação da Transmissão Considerando Mercados Interligados e Múltiplos Cenários Operativos.
  • Orientador : ARMANDO MARTINS LEITE DA SILVA
  • Data: 29/10/2012

  • ALEX SANDER DE MAGALHÃES PIVOTO
  • Um Sensor de Temperatura Integrado para Aplicações Industriais.
  • Orientador : PAULO CESAR CREPALDI
  • Data: 26/10/2012

  • MARCELL SILVA CARVALHO DOS SANTOS
  • Modelagem Dinâmica da Turbina Hidráulica Axial de Dupla Regulagem para Estudos de Estabilidade Angular Transitória de Sistemas Elétricos de Potência.
  • Orientador : PEDRO PAULO DE CARVALHO MENDES
  • Data: 26/10/2012

  • MARIA CLARA BARROS E SILVA SARAIVA
  • Paralelismo de Geradores de Polos Industriais com o sistema Interligado Nacional.
  • Orientador : PEDRO PAULO DE CARVALHO MENDES
  • Data: 26/10/2012

  • JULIA CRISTINA CAMINHA NORONHA
  • Investimentos em Distribuição de Energia sob Incerteza Regulatória utilizando Opções Reais.
  • Data: 08/10/2012

  • REINALDO LIMA DE ABREU
  • Projeto e Desenvolvimento de Dispositivo para Transmissão de Energia Elétrica sem Fios por Modos Ressonantes.
  • Orientador : TALES CLEBER PIMENTA
  • Data: 05/10/2012

  • RAFAEL BALBINO CARDOSO
  • Estudo dos Impactos Energéticos dos Programas Brasileiros de Etiquetagem Energética: Estudo de Caso em Refrigeradores de uma Porta, Condicionadores de Ar e Motores Energéticos.
  • Orientador : JAMIL HADDAD
  • Data: 25/09/2012

  • ROBSON BAUWELZ GONZATTI
  • Controle PLL-LESS para Filtros Ativos Híbridos baseado em Compensadores Ressonantes.
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 21/09/2012

  • ISMAEL NORONHA
  • Sistema de Avaliação da Contaminação, por Umidade, de Óleo Isolante de Transformador usando Técnicas de Ultrassom.
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 14/09/2012

  • LUIZ EDUARDO DA SILVA
  • Sistema Híbrido Metaheurístico baseado em Colônia de Formigas Paraconsistentes aplicado a Problemas de Otimização em Redes Inteligentes.
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 14/09/2012

  • MARCO ANTONIO SILVA NUNES JUNIOR
  • Análise de Sensibilidade das Variáveis de Influência em Afundamentos de Tensão utilizando Projeto e Análise de Experimentos (DOE).
  • Orientador : JOSE MARIA DE CARVALHO FILHO
  • Data: 14/09/2012

  • DAVID SEBASTIÃO CABRAL
  • Proposta de Implementação de Dispositivos Especializados em Tecnologia CMOS Padrão para Aplicações com Alto Desempenho.
  • Orientador : PAULO CESAR CREPALDI
  • Data: 29/06/2012

  • FERNANDO ELIAS DOMINGOS SILVA SE
  • Análise da Produtividade das Distribuidoras de Energia Elétrica Utilizando Índice de Malmquist e o Método de "Bootstrap".
  • Orientador : JOSE WANDERLEY MARANGON LIMA
  • Data: 29/06/2012

  • ERIKA SOUZA DE MELO
  • Controle Eletrônico de Carga de Gerador de Energia de Baixa Potência para Operação Isolada.
  • Orientador : ENIO ROBERTO RIBEIRO
  • Data: 22/06/2012

  • FREDERICO AMARAL DE OLIVEIRA
  • Sensor de Eletromiografia sem fio à Seco com Acelerômetro Triaxial Integrado.
  • Orientador : TALES CLEBER PIMENTA
  • Data: 11/05/2012

  • ROGÉRIO SALUSTIANO
  • Análise Técnica de Transformadores para Redes de Média Tensão.
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 29/03/2012

  • IVAN PAULO DE FARIA
  • Proposição e Comparação de Técnicas de Mapeamento Térmico Volumétrico para Transformadores de Potência.
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 23/03/2012

  • SÍLVIA COSTA FERREIRA
  • Aplicação de Filtros Adaptativos em Compensadores Híbridos de Reativo
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 16/03/2012

  • FADUL FERRARI RODOR
  • Aplicação de Conceitos de Conjuntos Aproximados na Adaptação da Constante de Filtro de controladores IMC.
  • Orientador : CARLOS ALBERTO MURARI PINHEIRO
  • Data: 09/03/2012

  • GUSTAVO DELLA COLLETTA
  • Uma Arquitetura de Conversão A/D baseada na Aproximação Sucessiva de Sinais PWM em Tecnologia CMOS.
  • Orientador : TALES CLEBER PIMENTA
  • Data: 05/03/2012

  • ODILON DE OLIVEIRA DUTRA
  • Um Amplificador Neural de Baixo Ruído e Baixa Potência Utilizando uma Topologia Folded Cascode OTA com Malha de Realimentação PID e Ganho Ajustável para EEG SoC Arrays.
  • Orientador : TALES CLEBER PIMENTA
  • Data: 05/03/2012

  • DENISSON QUEIROZ OLIVEIRA
  • Otimização da Recarga de Veículos Elétricos e Hídricos Recarregáveis em Sistemas de Distribuição.
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 02/03/2012

  • ROBSON NEVES GONÇALVES
  • Desenvolvimento de Servidores OPC DA, OPC UA e Wrappers para Aplicação em Automação.
  • Orientador : LUCIA REGINA HORTA RODRIGUES FRANCO
  • Data: 29/02/2012

2011
Descrição
  • TIAGO SOARES VÍTOR
  • Projeto de Sistemas de Controle com Modelagem Takagi-Sugeno e Implementação de Controladores FUZZY com Retroação de Estados
  • Orientador : CARLOS ALBERTO MURARI PINHEIRO
  • Data: 16/12/2011

  • HELTON HUGO DE CARVALHO JÚNIOR
  • Sistema Embarcado de Diagnóstico de Eletrocardiograma Utilizando Fuzzy Clustering e Correlação.
  • Orientador : ROBSON LUIZ MORENO
  • Data: 09/12/2011

  • GISLAINE MIDORI MINAMIZAKI
  • Mitigação de Problema de Ressonância Harmônica de Banco de Capacitores Instalados na Rede de Distribuição.
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 06/12/2011

  • WALTER BARBOSA JUNIOR
  • Metodologia da Predição Estatística a Médio Prazo para Avaliação da Conformidade da Tensão em Circuitos de Distribuição Secundários.
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 06/12/2011

  • RICARDO SEBASTIAO NADUR MOTTA
  • Automação e Controle de Sistemas de Injeção de Carvão Pulverizado em Altos Fornos.
  • Orientador : LUIZ EDIVAL DE SOUZA
  • Data: 25/11/2011

  • LEANDRO SOARES REZENDE
  • Planejamento da Expansão de Sistemas de Transmissão: Avaliação de Metaheurísticas e Critérios de Segurança.
  • Orientador : ARMANDO MARTINS LEITE DA SILVA
  • Data: 09/11/2011

  • FELIPE CÂMARA NETO
  • Fatores de influência na Avaliação de Indicadores Probabilísticos da Adequação de Sistemas de Potência.
  • Orientador : ARMANDO MARTINS LEITE DA SILVA
  • Data: 04/11/2011

  • JEDER FRANCISCO DE OLIVEIRA
  • Avaliação do Desempenho de Linhas de Transmissão baseado em Perdas de Carga por Aprofundamento de Tensão.
  • Orientador : JOSE MARIA DE CARVALHO FILHO
  • Data: 21/10/2011

  • CARLOS ALBERTO VILLEGAS GUERRERO
  • Uso do RTDS em Testes de Esquemas de Teleproteção aplicando o Padrão IEC 61850.
  • Orientador : PAULO MARCIO DA SILVEIRA
  • Data: 07/10/2011

  • AURELIO LUIZ MAGALHAES COELHO
  • Análise da Resposta Transitória de Transformadores de Corrente de Proteção e o Impacto em Relés de Sobrecorrente Numéricos.
  • Orientador : PAULO MARCIO DA SILVEIRA
  • Data: 03/10/2011

  • ALAN MELO NÓBREGA
  • Estudo das Redes Aéreas Compactas por Meio de Ensaios e Modelagens Utilizando o Método dos Elementos Finitos.
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 27/09/2011

  • RENATO MASSONI CAPELINI
  • Localização de Cadeias de Isoladores Defeituosas em Linhas de Transmissão através de Redes Neurais.
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 26/09/2011

  • GUILHERME DA CUNHA FONSECA
  • Sistema para Detecção Automática de Eventos de ronco, Apnéia e Movimento Periódico de Pernas em Exames de PSG.
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 19/08/2011

  • PABLO CRAVO FERNANDES
  • Regulador Automático de Tensão: Influência do Ganho no Sistema Elétrico de Potência.
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 10/08/2011

  • EVALDO RENÓ FARIA CINTRA
  • Proposta de um Sistema de Monitoramento e Diagnóstico de Eletrocardiograma Portátil.
  • Orientador : TALES CLEBER PIMENTA
  • Data: 05/08/2011

  • FABIO MARIN PRETI
  • Automação de Rastreamento Veicular on-line para Análise de Risco.
  • Orientador : BENEDITO ISAIAS LIMA FULY
  • Data: 05/08/2011

  • THIAGO POUZA MUSSOLINI
  • Desenvolvimento de um Microcontrolador de 8 Bits em VHDL baseado no Conjunto de Instruções do 8051 com Comunicação Serial I2C e Criptografia AES128.
  • Orientador : TALES CLEBER PIMENTA
  • Data: 08/07/2011

  • THULLYO DENNIER CASTRO REIS FERREIRA
  • Uma Arquitetura Reed-Solomon baseado em FPGA/Soft-core.
  • Orientador : ROBSON LUIZ MORENO
  • Data: 08/07/2011

  • GISCARD FRANCIMEIRE CINTRA VELOSO
  • Identificação de Padrões de Contaminação em óleo de Transformador através da Monitoração Acústica das Descargas Parciais.
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 01/07/2011

  • CREDSON DE SALLES
  • Modo de Envelhecimento Frente a Impulsos de Curta Duração – Impulsos Atmosféricos – em Resistores Não Linearea a Óxido Metálico  
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 22/06/2011

  • EVANDRO DANIEL CALDERARO COTRIM
  • Um Amplificador de Transcondutância CMOS em Baixa Tensão e Ultra Baixa Potencia para Aplicações GM-C em Baixa Frequencia
  • Orientador : TALES CLEBER PIMENTA
  • Data: 20/06/2011

  • GILVAN GOMES CORRADI
  • Aplicação da Seletividade Lógica em Sistemas Elétricos Industriais.
  • Orientador : JOSE MARIA DE CARVALHO FILHO
  • Data: 10/06/2011

  • ALENCAR RIBEIRO CARVALHO
  • Contribuições para Projeto de Geradores Síncronos de Grande Porte.
  • Data: 06/06/2011

  • ELIAS RAMOS VILAS BOAS
  • Mapeamento e Localização Simultânea de Ambientes Dinâmicos Aplicado na Navegação de Veículo Autônomo Inteligente.
  • Orientador : LEONARDO DE MELLO HONORIO
  • Data: 27/05/2011

  • BERNARDO MEDEIROS MARANGON LIMA
  • Metodologia para Otimização do Montante de Uso do Sistema de Transmissão.
  • Orientador : JOSE WANDERLEY MARANGON LIMA
  • Data: 06/05/2011

  • JADER ALVES CARNEIRO
  • Metodologia para Definição de Redes Unificadas.
  • Orientador : JOSE WANDERLEY MARANGON LIMA
  • Data: 06/05/2011

  • RONDINELI RODRIGUES PEREIRA
  • Algoritmos Adaptativos para Filtros Ativos de Potência.
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 06/05/2011

  • EBEN EZER PRATES DA SILVEIRA
  • Otimização da Operação em Sistemas Distribuidos Utilizando Compensadores Estáticos de Reativos e Estimadores de Estados Robustos
  • Orientador : ANTONIO TADEU LYRIO DE ALMEIDA
  • Data: 15/04/2011

  • EMANUEL JOSE PELOSO DE MORAIS
  • Modelos de Turbinas do Tipo Bulbo para Estudos de Estabilidade Eletromecânica de Sistemas Elétricos de Potência.
  • Orientador : PEDRO PAULO DE CARVALHO MENDES
  • Data: 01/04/2011

  • DIEGO LOPES CORIOLANO
  • Metodologia de Análise da Viabilidade Econômica da Substituição de Transformadores Padrão por Eficiência com Base em Estudos Estatísticos de Carga.
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 25/03/2011

  • ADRIANO BATISTA DE ALMEIDA
  • Consideração dos Efeitos de Potência Reativa na Análise de Perdas Elétricas em Sistemas de Potência.
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 10/03/2011

  • AELLFCLÊNITON MOURONER MACIEL DINIZ
  • Ensaios e Avaliação Elétrica de um Novo Projeto de Pára-raios para Sistemas de Distribuição em Média Tensão.
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 03/03/2011

  • ARIMATÉA ARAÚJO NUNES
  • Uma Contribuição para Projeto de Transformadores Monofásicos de Média Tensão.
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 03/03/2011

  • CAIO FERNANDES DE PAULA
  • Sintonia Analítica de Controladores PID por Resposta em Freqüência para Sistemas de Fase Não-Monótona.
  • Orientador : LUIS HENRIQUE DE CARVALHO FERREIRA
  • Data: 07/02/2011

  • FLAVIO EDUARDO SPRESSOLA
  • Avaliação do Comportamento Térmico de Transformadores de Corrente de Extra-Alta Tensão Isolados a Papel e Óleo.
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 21/01/2011

  • JAVIER ORTIZ GONZÁLEZ
  • Filtro a Capacitor Chaveado para Implantes Cocleares Utilizando a Tecnologia CMOS 0,6 µm.
  • Orientador : TALES CLEBER PIMENTA
  • Data: 14/01/2011

  • OTÁVIO DE SOUZA MARTINS GOMES
  • Desenvolvimento de Hardware Configurável de Criptografia Simétrica Utilizando FPGA e Linguagem VHDL.
  • Orientador : TALES CLEBER PIMENTA
  • Data: 14/01/2011

2010
Descrição
  • ADRIANA NAKAZATO
  • Avaliação de Lógicas Associadas às Perdas Duplas de Circuitos no Âmbito de Esquemas de Controle de Emergência.
  • Orientador : PEDRO PAULO DE CARVALHO MENDES
  • Data: 17/12/2010

  • DENIS DE CARVALHO BRAGA
  • Bifurcação de Hopf de codimensão dois em sistemas de controle lineares com controlador do tipo PI e não linearidade do tipo saturação.
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 17/12/2010

  • FERNANDO MENDONÇA DA FONSECA
  • Modelagem da lógica de Chaveamento de Elementos Reativos Externos em Compensadores Estáticos
  • Orientador : PEDRO PAULO DE CARVALHO MENDES
  • Data: 17/12/2010

  • JANILSON GODINHO CARVALHO
  • Influência da Proteção na Qualidade da Energia Elétrica
  • Orientador : JOSE MARIA DE CARVALHO FILHO
  • Data: 16/12/2010

  • JOÃO ROBERTO DEL DUCCA CUNHA
  • Implementação de uma abordagem de extração e otimização de Regras Fuzzy Utilizando Sistemas Imunológicos Artificiais.
  • Orientador : LEONARDO DE MELLO HONORIO
  • Data: 15/12/2010

  • LUIZ LENARTH GABRIEL VERMAAS
  • Aprendizado Supervisionado de Sistemas de Inferência FUZZY aplicados em Veículos Inteligentes
  • Orientador : LEONARDO DE MELLO HONORIO
  • Data: 15/12/2010

  • ANA SOPHIA CAVALCANTI ALVES
  • Metodologia e Desenvolvimento de Redes NeuroEspecialistas Aplicadas à Navegação Autônoma 
  • Orientador : LEONARDO DE MELLO HONORIO
  • Data: 05/11/2010

  • RICARDO CAMARGO
  • Desempenho de Motores de Indução Trifásicos Alimentados por Inversores de Frequência.
  • Orientador : ANGELO JOSE JUNQUEIRA REZEK
  • Data: 25/10/2010

  • MARIANA MARÇAL PINTO DE SOUZA
  • Modelagem de Cargas para Estudos Dinâmicos.
  • Orientador : CLAUDIO FERREIRA
  • Data: 15/10/2010

  • TIAGO CARDOSO BARBOSA
  • Implementação em FPGA de uma arquitetura Reed-Solomon para uso em comunicações ópticas
  • Orientador : ROBSON LUIZ MORENO
  • Data: 27/08/2010

  • IZABELLA CARNEIRO BASTOS
  • Proposta para melhoria da resolução em radares FMCW utilizados na medição de nível
  • Orientador : EDSON DA COSTA BORTONI
  • Data: 26/08/2010

  • MARCEL FERNANDO DA COSTA PARENTONI
  • Análise Experimental do Acréscimo de Perdas Elétricas devido à Circulação de Correntes Distorcidas.
  • Orientador : JOSE POLICARPO GONCALVES DE ABREU
  • Data: 23/08/2010

  • CLÁUDIO RODRIGO TORRES
  • Sistema inteligente baseado na Lógica Paraconsistente Anotada Evidencial ET para Controle e Navegação de Robôs Móveis Autonômos emum Ambiente Não-Estruturado
  • Orientador : GERMANO LAMBERT TORRES
  • Data: 13/08/2010

  • LUIS ANTONIO FELBER
  • Regulação de Tensão em Subestações de Distribuição de Energia Elétrica.
  • Orientador : HECTOR ARANGO
  • Data: 16/07/2010

  • MURILO FUJITA
  • Integração das funções de supervisório e gerenciamento de rede via SNMP 
  • Orientador : LUIZ EDIVAL DE SOUZA
  • Data: 07/07/2010

  • SERGIO AUGUSTO DOS SANTOS LUSVARGHI
  • Impactos econômicos da descontinuidade do serviço elétrico utilizando um modelo de mercado
  • Orientador : HECTOR ARANGO
  • Data: 05/07/2010

  • LEANDRO JACOB DANTAS MASCHER
  •  Análise do desempenho de algoritmos de proteção de distância frente às faltas monofásicas - abordagem tendo em vista uma proteção adaptativa
  • Orientador : PAULO MARCIO DA SILVEIRA
  • Data: 01/07/2010

  • MANUEL ARTURO RENDÓN MALDONADO
  • Desenvolvimento de Modelos Matemáticos Representativos do Comportamento Dinâmico de Micro-Turbinas para a Conexão na Rede Elétrica.
  • Orientador : PEDRO PAULO DE CARVALHO MENDES
  • Data: 01/07/2010

  • MÁRCIO OCCHIETTI FERA
  • Análise do controle automático de geração aplicado em áreas com diferentes tipos de geração
  • Orientador : CLAUDIO FERREIRA
  • Data: 18/06/2010

  • MARCIO FOLLY DE CAMPOS
  • Utilização de Algoritmos Genéticos na Otimização de Escalonamento de Mensagens Proprietárias do Protocolo SAEJ1939 sobre CAMBus
  • Orientador : LUCIA REGINA HORTA RODRIGUES FRANCO
  • Data: 31/05/2010

  • RICARDO TOZZI DE LIMA
  • Desenvolvimento de Software para medição dos Tempos de Operação durante Ensaios em Dijuntores de Alta tensão
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 27/05/2010

  • FLÁVIA APARECIDA OLIVEIRA SANTOS
  • Criação da ferramenta de detecção de plágio em ambiente virtual de aprendizagem
  • Orientador : LUCIA REGINA HORTA RODRIGUES FRANCO
  • Data: 21/05/2010

  • ADRIANO FERNANDES PEREIRA
  •  Procedimentos de Avaliação de Esforços Torcionais em Centrais Termelétricas que operam em Ciclo Combinado Gás-Vapor
  • Orientador : PEDRO PAULO DE CARVALHO MENDES
  • Data: 16/04/2010

  • PAULO CESAR CREPALDI
  • Um regulador de tensão linear CMOS, baseado na Topologia LDO, para aplicação em um Bio-Implante
  • Orientador : ROBSON LUIZ MORENO
  • Data: 16/04/2010

  • JOSE EDUARDO SILVA GOMES
  • Aplicação Pathfinding e Arvore de Decisão para Navegação de Sistema Robótico Autônomo.
  • Orientador : LEONARDO DE MELLO HONORIO
  • Data: 09/04/2010

  • LUCIANO MOURA GONÇALVES
  • Sistema de navegação de veículo autônomo inteligente
  • Orientador : LEONARDO DE MELLO HONORIO
  • Data: 09/04/2010

  • MURIELL DE RODRIGUES E FREIRE
  • Desenvolvimento e Aplicação de Método de Otimização via Multioperadores
  • Orientador : LEONARDO DE MELLO HONORIO
  • Data: 09/04/2010

  • GUSTAVO TOMIO WATANABE
  • Uma contribuição `a analise de perdas ocasionadas por afundamentos momentâneos de tensão
  • Orientador : JOSE MARIA DE CARVALHO FILHO
  • Data: 29/03/2010

  • RENAN SOUZA MOURA
  • Bloqueio da Tensão de Campo de Máquinas Geradoras como Medida para Evitar o Fenômeno Colapso de Tensão.
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 25/03/2010

  • FREDERICO OLIVEIRA PASSOS
  • Solução para Localização de Faltas em Linhas de Transmissão Não Transpostas Baseada em Sincrofasores e Algoritmos Genético
  • Orientador : PAULO MARCIO DA SILVEIRA
  • Data: 26/02/2010

2009
Descrição
  • WARLLEY DE SOUSA SALES
  • Planejamento da Reserva Operativa de Sistemas de Geração com Elevada Penetração de Energia Eólica
  • Orientador : ARMANDO MARTINS LEITE DA SILVA
  • Data: 28/12/2009

  • MARCELO MARTINHO PESTANA
  • Recomposição de Sistemas Elétricos de Potência, Treinamento e Ferramenta de Apoio à Recomposição
  • Orientador : PEDRO PAULO DE CARVALHO MENDES
  • Data: 21/12/2009

  • ELDER GERALDO SALES DE SANT ANNA
  • Cálculo de limites de intercâmbio em sistemas elétricos de potência através de ferramentas de otimização.
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 04/12/2009

  • EDUARDO MOREIRA VICENTE
  • Projeto e Implementação do Controle de uma Ponte Retificadora Tiristorizada utilizando um PSOC.
  • Orientador : ROBSON LUIZ MORENO
  • Data: 30/11/2009

  • FRANCISCO ALEXANDRE DE OLIVEIRA
  • Estratégia de Comercialização de Energia Elétrica através da Otimização de Portifólios de Contratos utilizando Projetos de Experimentos de Mistura.
  • Orientador : JOSE WANDERLEY MARANGON LIMA
  • Data: 30/11/2009

  • CARLOS HENRIQUE DA SILVA
  • Filtros Ativos Hibridos Ressonantes
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 28/11/2009

  • DANIELE DE ALCANTARA BARBOSA
  • Análise e Desenvolvimento de Metodologias de Otimização Aplicadas em Sistemas de Potência
  • Orientador : LEONARDO DE MELLO HONORIO
  • Data: 08/10/2009

  • PAULA DOS SANTOS VICENTE
  • Metodologia de otimização do Aproveitamento da Energia de painéis Fotovoltaícos Sombreados usando a Teoria dos Conjuntos Aproximados
  • Orientador : ENIO ROBERTO RIBEIRO
  • Data: 18/09/2009

  • CARLOS ROBERTO DE ARAUJO
  • Desenvolvimento de Malhas de Controle por Técnicas de Escalonamento de Ganhos e Lógica Fuzzy
  • Orientador : CARLOS ALBERTO MURARI PINHEIRO
  • Data: 01/09/2009

  • ALESSANDRA FREITAS PICANÇO
  • Desenvolvimento de uma Metodologia para a Aplicação de Transformadores Eficientes com base nos Perfis de Carregamento.
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 20/08/2009

  • ISAAC GONÇALVES CAMPOS JUNIOR
  • Aterramento do ponto neutro das redes de distribuiçãp através de bobina ressonante
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 11/08/2009

  • LUIZ CARLOS DO NASCIMENTO
  • Avaliação da confiabilidade de sistemas de distribuição utilizando processamento distribuido
  • Orientador : ARMANDO MARTINS LEITE DA SILVA
  • Data: 10/08/2009

  • LIVERSON BATISTA DA CRUZ
  • Projeto de um Framework para o Desenvolvimento de Aplicações de Simulação Distribuida.
  • Orientador : OTAVIO AUGUSTO SALGADO CARPINTEIRO
  • Data: 13/07/2009

  • MARCEL ROCHA
  • Estudos de colapso de tensão através de deterinação de ações de controle com auxílio do autovetor à esquerda
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 26/06/2009

  • KLEBER ROBERTO DA SILVA SANTOS
  • Sistema de navegação autônoma para robôs móveis baseado em arquitetura híbrida: teoria e aplicação.
  • Orientador : LUIZ EDIVAL DE SOUZA
  • Data: 18/06/2009

  • YVO MARCELO CHIARADIA MASSELLI
  • Proposta de um modelo de redes neuro-fuzzy-polinomial otimizado por algoritmos de enxame aplicados à previsão.
  • Orientador : GERMANO LAMBERT TORRES
  • Data: 16/06/2009

  • REINALDO ANDRÉS GONZÁLEZ FERNÁNDEZ
  • Avaliação da confiabilidade da capacidade de geração via Método da Entropia Cruzada.
  • Orientador : ARMANDO MARTINS LEITE DA SILVA
  • Data: 12/06/2009

  • FLAVIO ALBERTO FIGUEREDO ROSA
  • AVALIAÇÃO DE NOVOS ATRIBUTOS PARA ESTABELECIMENTO DE METAS DE DEC e FEC EM REES DE DISTRUIÇÃO.
  • Orientador : JOSE WANDERLEY MARANGON LIMA
  • Data: 05/06/2009

  • DALMA LOPES DE MOURA
  • Proposta de Substituição de Motor de Indução Monofásico por Motor de Indução Trifásico no Meio Rural.
  • Orientador : ANGELO JOSE JUNQUEIRA REZEK
  • Data: 03/06/2009

  • JULIANA RODRIGUES PEREIRA DA SILVA
  • Desenvolvimento de modelos matemáticos para configuração de geração em ciclo combinado gás-vapor do tipo Single-Shaft.
  • Orientador : PEDRO PAULO DE CARVALHO MENDES
  • Data: 24/04/2009

  • NATALIA DA SILVA CALDEIRA
  • Aplicação de estabilizadores de sistemas de potência em reguladores de velocidade e turbinas.
  • Orientador : CLAUDIO FERREIRA
  • Data: 24/04/2009

  • RODRIGO MAXIMIANO ANTUNES DE ALMEIDA
  • Reconhecimento de padrões utilizando o teorema do eixo de separação e redes neurais artificiais.
  • Orientador : LEONARDO DE MELLO HONORIO
  • Data: 30/03/2009

  • CARLOS WALDECIR DE SOUZA
  • Identificação automática de itens não conformes na caixa de vedação do eixo na tampa de turbinas hidráulicas.
  • Orientador : LUIZ EDIVAL DE SOUZA
  • Data: 24/03/2009

  • JULIANA CORTEZ DE SA
  • Ajuste do fornecimento de potência não-ativa de filtros utilizados para atenuação de distorção de tensão.
  • Orientador : JOSE POLICARPO GONCALVES DE ABREU
  • Data: 20/03/2009

  • ULISSES PESSIN CAMATTA
  • Projeto e implementação de um regulador de velocidade e corrente baseado na técnica de conjuntos aproximados (Rough Sets).
  • Orientador : CARLOS ALBERTO MURARI PINHEIRO
  • Data: 20/03/2009

  • LEONARDO LARA TAJIRI
  • Proposição de um controlador digital para Conversores Buck e Boost usando a teoria de conjuntos aproximados.
  • Orientador : ENIO ROBERTO RIBEIRO
  • Data: 13/03/2009

  • RODRIGO DE PAULA RODRIGUES
  • Reconhecimento de cargas elétricas monofásicos não-lineares através da decomposição wavelet e de redes neuriais artificiais.
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 05/03/2009

  • RONDINELI RODRIGUES PEREIRA
  • Aplicação de filtros adaptativos em filtros ativos de potência.
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 05/03/2009

  • LUIS HENRIQUE LOPES LIMA
  • Tarifação do uso de sistemas de transmissão em mercados interligados de energia elétrica
  • Orientador : ARMANDO MARTINS LEITE DA SILVA
  • Data: 20/02/2009

  • MARCO AURELIO MOREIRA SARAN
  • Sobretensões de origem atmosférica em linhas de média tensão.
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 19/02/2009

  • CLODOMIRO UNSIHUAY VILA
  • Planejamento integrado da expansão de sistemas elétricos e gás natural com critérios de desenvolvimento energético sustentável.
  • Orientador : JOSE WANDERLEY MARANGON LIMA
  • Data: 13/02/2009

2008
Descrição
  • LUIZ CLAUDIO DE ARAUJO FERREIRA
  • Análise a Longo-Termo da Estabilidade de Tensão Utilizando Métodos Estáticos e um Sistema Especialista Fuzzy para Representação de Ações de Controle.
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 22/12/2008

  • RAFAEL CORADI LEME
  • UMA PROPOSTA PARA O CONTROLE DA DEFASAGEM ANGULAR ENTRE DUAS BARRAS PARA O FECHAMENTO EM ANEL DO SISTEMA DE POTÊNCIA.
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 22/12/2008

  • PAULO EDUARDO STEELE SANTOS
  • Tarifa de distribuição para Unidades Consumidoras e Micro-Geradores Considerando a Elasticidade-Preço das Cargas.
  • Orientador : JOSE WANDERLEY MARANGON LIMA
  • Data: 19/12/2008

  • TIAGO GUIMARAES LEITE FERREIRA
  • Proposta para Gerenciamento do Congestionamento e Tarifação Conjunta da Tranmissão em Sistemas Elétricos.
  • Orientador : JOSE WANDERLEY MARANGON LIMA
  • Data: 19/12/2008

  • RICARDO MION DO NASCIMENTO
  • ESTIMAÇÃO DE ESTADOS: Estudo Comparativo Utilizando Equações de Fluxo na Forma Polar e Retangular.
  • Orientador : ROBSON CELSO PIRES
  • Data: 17/12/2008

  • THIAGO CLE DE OLIVEIRA
  • Afundamentos de Tensão: Avaliação de Resultados de Medição com Base em Simulações.
  • Data: 16/12/2008

  • JOSE EUGENIO LOPES DE ALMEIDA
  • PROPOSIÇÃO DE NOVAS METODOLOGIAS PARA AVALIAÇÃO DAS MEDIÇÕES DE ENERGIA ELÉTRICA FRENTE A CONDIÇÕES NÃO SENOIDAIS E DE DESEQUILÍBRIO.
  • Orientador : PAULO MARCIO DA SILVEIRA
  • Data: 15/12/2008

  • LUIS HENRIQUE DE CARVALHO FERREIRA
  • Uma Referência de Tensão CMOS Baseada na Tensão Threshold em Ultra-Baixa Tensão e Ultra-Baixa Potência
  • Orientador : TALES CLEBER PIMENTA
  • Data: 01/09/2008

  • RICARDO GUEDES DE OLIVEIRA JUNIOR
  • PROTEÇÃO DE LINHAS DE MÉDIA TENSÃO CONTRA DESCARGAS ATMOSFÉRICAS.
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 11/08/2008

  • JOSE FELICIANO ADAMI
  • Detecção e identificação de arcos de contorno em cadeias de isoladores de linhas de transmissão utilizando técnicas de processamento de sinais
  • Orientador : CARLOS ALBERTO MOHALLEM GUIMARAES
  • Data: 01/08/2008

  • RENATO TAKAHASHI
  • Proposta de um Gerador de Afundamentos Momentâneos de Tensão Baseado em Componentes Simétricos.
  • Orientador : JOSE ANTONIO CORTEZ
  • Data: 01/08/2008

  • ALESSANDRO AUGUSTO NUNES CAMPOS
  • Algoritmo de Criptografia AES em Hardware, Utilizando Dispositivo de Lógica Programável (FPGA) e Linguagem de Descrição de Hardware (VHDL)
  • Orientador : ROBSON LUIZ MORENO
  • Data: 01/06/2008

  • BRUNO MOHALLEM PAIVA
  • Sintonia automatizada de ganhos de retroação de estados em sistemas de controle com o auxílio de redes neurais artificiais
  • Orientador : BENEDITO ISAIAS LIMA FULY
  • Data: 01/06/2008

  • JONAS GUEDES BORGES DA SILVA
  • Aplicação da Análise de componentes Principais(PCA) no diagnóstico de defeitos de rolamentos através da assinatura elétrica de motores de indução
  • Orientador : GERALDO LUCIO TIAGO FILHO
  • Data: 01/02/2008

  • LUIS PHILLIPE FERREIRA MACHADO
  • Desenvolvimento de uma ferramenta de programação baseada em SFC.
  • Orientador : LUIZ EDIVAL DE SOUZA
  • Data: 01/02/2008

  • MARCO ANTONIO CONTI CRAVEIRO
  • Desenvolvimento de um sistema para avaliação dos fatores de influência sobre análises termográficas em subestações desabrigadas
  • Orientador : EDSON DA COSTA BORTONI
  • Data: 01/02/2008

  • RAFAEL VIVARELLI MOLINA
  • Desenvolviemnto de procedimentos de auto-teste em sensores de vazão eletromagnéticos
  • Orientador : EDSON DA COSTA BORTONI
  • Data: 01/02/2008

  • RENATO MOURA SANTOS
  • Pré-filtragem robusta de medidas discrepantes aplicadas à cadeia de operação de sistemas de energia elétrica
  • Orientador : ROBSON CELSO PIRES
  • Data: 01/02/2008

2007
Descrição
  • THIAGO MIKAIL DE OLIVEIRA
  • MANUTENÇÃO PREDITIVA DE MOTORES DE CORRENTE CONTÍNUA COM ÊNFASE EM MCSA – MOTOR CURRENT SIGNATURE ANALYSIS.
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 14/12/2007

  • ARTHUR DA SILVA SANTA ROSA
  • Influência da não representação de dispositivos lentos de controle nas análises de segurança de tensão
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 01/12/2007

  • CARLOS EDUARDO DOS SANTOS
  • Desenvolvimento de um regulador automático de tensão e de um estabilizador de sistema de potência utilizando lógica difusa
  • Orientador : CARLOS ALBERTO MURARI PINHEIRO
  • Data: 01/12/2007

  • LUIZ FREDERICO BORGES VASCONCELOS
  • Utilização do método de função energia em estudos de estabilidade de tensão
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 01/12/2007

  • RUI JOVITA GODINHO CORRÊA SILVA
  • Impedância de compensação de queda de tensão em controles conjuntos de tensão de usinas: uma forma de controle secundário de tensão descentralizado
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 01/12/2007

  • TITO RONALD OCARIZ KRAUER
  • Uma metodologia de análise de sistemas de potência aplicando o continuado QV e PV no ambiente de planejamento de sistemas elétricos
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 01/12/2007

  • HELTON HUGO DE CARVALHO JÚNIOR
  • Métodos inteligentes de navegação e desvio de obstáculos
  • Orientador : LEONARDO DE MELLO HONORIO
  • Data: 01/11/2007

  • NICOLAU PEREIRA FILHO
  • Técnicas de modulação por largura de pulso vetorial para inversores fonte de tensão.
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 26/10/2007

  • ALEXANDRE BARATELLA LUGLI
  • UMA FERRAMENTA COMPUTACIONAL PARA ANÁLISE DE TOPOLOGIA E TRÁFEGO PARA REDES ETHERNET INDUSTRIAIS.
  • Orientador : LUCIA REGINA HORTA RODRIGUES FRANCO
  • Data: 01/10/2007

  • MAURILIO PEREIRA COUTINHO
  • Detecção de ataques em infra-estruturas críticas de sistemas elétricos de potência usando técnicas inteligentes
  • Orientador : GERALDO LUCIO TIAGO FILHO
  • Data: 01/10/2007

  • NELSON DALLOCCHIO
  • Modelagem orientada a objetos de estimadores de estados aplicados à supervisão da segurança operativa de redes elétricas
  • Orientador : ROBSON CELSO PIRES
  • Data: 01/09/2007

  • OCTÁVIO VIEIRA MONIZ
  • Perda de vida útil técnica e perda de vida útil econômica dos transformadores de distribuição
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 01/09/2007

  • CLEBER ESTEVES SACRAMENTO
  • Planejamento dinâmico da expansão de sistemas de subtransmissão através de metaheurísticas
  • Orientador : ARMANDO MARTINS LEITE DA SILVA
  • Data: 01/08/2007

  • DEJANIR RICARDO PEREIRA
  • Um sistema de software para execução de estudos de coordenação de seletividade em sistemas de distribuição
  • Orientador : JOSE MARIA DE CARVALHO FILHO
  • Data: 01/08/2007

  • FRANCISCO JOÃO DI MASE GALVÃO JÚNIOR
  • Regulador de tensão para sistemas de Excitação Brushless: desenvolvimento e aplicação
  • Orientador : DELVIO FRANCO BERNARDES
  • Data: 01/08/2007

  • ISABELLA DE FREITAS BORGES DE PAIVA
  • Comportamento da Curva QV nas barras da região crítica de um sistema elétrico
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 01/08/2007

  • DENIS DE CARVALHO BRAGA
  • Bifurcação de Bogdanov-Takens em um modelo de sistema elétrico de potência
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 01/07/2007

  • FLÁVIO DE CARVALHO MAGINA
  • Aquisição automática e tratamento de dados meteorológicos aplicáveis ao projeto e operação de linhas aéreas de transmissão elétrica
  • Orientador : LUIZ EDIVAL DE SOUZA
  • Data: 01/07/2007

  • HUMBERTO FIGUEIREDO DE CARVALHO
  • Escalonamento de Redes Ethernet Industrial
  • Orientador : LUCIA REGINA HORTA RODRIGUES FRANCO
  • Data: 01/07/2007

  • MICHAEL CHARLES ANDREW CURADO FLEURY DE VIDIGAL
  • Agentes polimórficos dinâmicos inteligentes: teoria e aplicação
  • Orientador : LEONARDO DE MELLO HONORIO
  • Data: 01/07/2007

  • RODRIGO APARECIDO DA SILVA BRAGA
  • Reconhecimento de tráfego peer-to-peer utilizando redes neurais
  • Orientador : OTAVIO AUGUSTO SALGADO CARPINTEIRO
  • Data: 01/06/2007

  • WILLIAM ALVES CARNEIRO
  • Avaliação do comportamento dinâmico de turbinas à gás aeroderivativas na operação em ciclo combinado
  • Orientador : PEDRO PAULO DE CARVALHO MENDES
  • Data: 01/06/2007

  • FLÁVIA ANTUNES
  • Uma nova abordagem para representações e identificações de classes de sistemas dinâmicos não-lineares
  • Orientador : CARLOS ALBERTO MURARI PINHEIRO
  • Data: 01/05/2007

  • ANDERSON RODRIGO DE QUEIROZ
  • Simulação de custos marginais em mercado de energia elétrica utlizando redes neurais
  • Orientador : JOSE WANDERLEY MARANGON LIMA
  • Data: 01/04/2007

  • CARLOS ALEXANDRE PEREIRA CAMACHO
  • Utilização da técnica de otimização simétrica no ajuste de tensão de um gerador síncrono
  • Orientador : ANGELO JOSE JUNQUEIRA REZEK
  • Data: 01/04/2007

  • CAROLINE MONTEIRO MATTAR
  • Determinação ótima dos montantes de uso de sistemas de transmissão: uma abordagem probabilística
  • Orientador : ARMANDO MARTINS LEITE DA SILVA
  • Data: 01/04/2007

  • LUANA MEDEIROS MARANGON LIMA
  • Aprimoramento da metodologia nodal para tarifação do uso de sistemas de transmissão
  • Orientador : JOSE WANDERLEY MARANGON LIMA
  • Data: 01/04/2007

  • CEZAR JOSE SANT ANNA JUNIOR
  • Proposta de Monitoramento Integrado para Ambientes Computacionais Utilizando Software Livre.
  • Orientador : OTAVIO AUGUSTO SALGADO CARPINTEIRO
  • Data: 28/03/2007

  • DANIEL NOGUEIRA RUIZ
  • Uma proposta de amplificador classe D, para aplicação em próteses auditivas, utilizando tecnologia CMOS 0,35 um
  • Orientador : ROBSON LUIZ MORENO
  • Data: 01/03/2007

  • EDER GARCIA CAETANO NOVAES
  • Validação de ferramentas de simulação de afundamentos de tensão através de medições
  • Orientador : JOSE MARIA DE CARVALHO FILHO
  • Data: 01/03/2007

  • IVAN LUCAS ARANTES
  • Implementação de controle vetorial de motor de indução trifásico por imposição de correntes
  • Orientador : CARLOS ALBERTO MURARI PINHEIRO
  • Data: 01/03/2007

  • JANAINA FERNANDES ROSA
  • Ambiente de programação e integração para manufatura virtual "APIMV"
  • Orientador : LUIZ EDIVAL DE SOUZA
  • Data: 01/03/2007

  • PEDRO HENRIQUE MENDONÇA DOS SANTOS
  • Análise de desempenho frente a impulsos atmosféricos induzidos em circuitos de média tensão
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 01/03/2007

  • RICARDO RIBEIRO
  • Implementação de um sistema de controle de um pêndulo invertido
  • Orientador : CARLOS ALBERTO MURARI PINHEIRO
  • Data: 01/03/2007

  • CARLOS BERNARDES ROSA JUNIOR
  • Um método de fluxo de carga não-interativo como ferramenta para estudos de colapso de tensão
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 01/02/2007

  • FILIPE GUIMARÃES RUSSO RAMOS
  • Uma referência de tensão programável para aplicações em gerenciamento de potência
  • Orientador : LAERCIO AUGUSTO BALDOCHI JUNIOR
  • Data: 01/02/2007

  • LUIS CARLOS DA SILVA PEREIRA
  • Política de controle de tensão com a utilização da curva QV
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 01/02/2007

  • ANDRÉ LUIZ PEREIRA DE OLIVEIRA
  • Avaliação do comportamento da proteção de distância em linhas de transmissão com compensação série fixa atravpes da simulação digital em tempo real
  • Orientador : PAULO MARCIO DA SILVEIRA
  • Data: 01/01/2007

2006
Descrição
  • LEVY ELY DE LACERDA DE OLIVEIRA
  • Estimação Automática de velocidade de Motores de Indução Utilizando Sistemas Inteligentes.
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 08/12/2006

  • JOÃO MARINHO DE CASTRO ASSIS
  • Detecção de e-mails spam utilizando redes neurais artificiais
  • Orientador : OTAVIO AUGUSTO SALGADO CARPINTEIRO
  • Data: 01/12/2006

  • LUIS FABIANO DOS SANTOS
  • Avaliação de algoritmos numéricos de proteção para linhas com compensação série
  • Orientador : PAULO MARCIO DA SILVEIRA
  • Data: 01/12/2006

  • MARCEL FERNANDO DA COSTA PARENTONI
  • Localização de faltas por ondas viajantes em linhas de transmissão de três terminais - Abordagem baseada em decomposição wavelet
  • Orientador : PAULO MARCIO DA SILVEIRA
  • Data: 01/12/2006

  • MARCO AURÉLIO RAPHUL AZEVEDO GARCIA
  • Reflexões metodológicas sobre a operação de sistemas hidrotérmicos de energia elétrica
  • Orientador : GERALDO LUCIO TIAGO FILHO
  • Data: 01/12/2006

  • MILTON NUNES DA SILVA FILHO
  • Sistema integrado para tomada rápida de decisões nos sistemas elétricos
  • Orientador : GERALDO LUCIO TIAGO FILHO
  • Data: 01/12/2006

  • ROBERTO SILVA NETTO
  • Detecção de intrusão utilizando redes neurias artificiais no reconhecimento de padrões de ataque
  • Orientador : OTAVIO AUGUSTO SALGADO CARPINTEIRO
  • Data: 01/12/2006

  • ANA CAROLINA RENNO GUIMARAES
  • Confiabilidade de Sistemas de Distribuição : Calibração de Dados e Mecanismos para Avaliação de Desempenho
  • Orientador : ARMANDO MARTINS LEITE DA SILVA
  • Data: 20/10/2006

  • LEONIDAS CHAVES DE RESENDE
  • AVALIAÇÃO DA CONFIABILIDADE PREVENTIVA DE SISTEMAS ÉLETRICOS DE GRANDE PORTE UTILIZANDO REDES NEURAIS.
  • Orientador : ARMANDO MARTINS LEITE DA SILVA
  • Data: 16/10/2006

  • FABRICIO JORGE ANTUNES FERREIRA
  • Projeto de um misturador de tecnologia CMOS de 0,25um
  • Orientador : TALES CLEBER PIMENTA
  • Data: 01/10/2006

  • JOSE MANUEL ESTEVES VICENTE
  • Uma contribuição à automação de ensaios em transformadores de potência em média tensão
  • Orientador : ANGELO JOSE JUNQUEIRA REZEK
  • Data: 01/10/2006

  • LEANDRO SOARES REZENDE
  • Planejamento da Expansão de Sistemas de Transmissão através de Otimização por Colônia de Formigas.
  • Orientador : ARMANDO MARTINS LEITE DA SILVA
  • Data: 29/09/2006

  • JOSE RENATO CASTRO MILANEZ
  • Desenvolvimento de um sistema on-line de monitoramento de entreferro utilizando sensores capacitivos
  • Orientador : EDSON DA COSTA BORTONI
  • Data: 01/09/2006

  • RENATA JACYSZYN BACHEGA
  • Modelos para surtos para transformadores de média tensão
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 01/09/2006

  • LUIZ FERNANDO NAPORANO DELBONI
  • Retirada de Sobrecargas através de Redespacho de Potência Ativa.
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 07/07/2006

  • FERNANDO RODRIGUES ALVES
  • Características do Disjuntor para Abertura de Linha de Transmissão em Vazio. Metodologia de Estudo.
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 01/07/2006

  • JOSÉ MACIEL FILHO
  • Aspectos práticos e teóricos na análise de estabilidade de tensão
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 01/07/2006

  • MICHEL SANTANA
  • Uma metodologia de desenvolvimento do controle digital de conversores estáticos utilizando FPGA
  • Orientador : ROBSON LUIZ MORENO
  • Data: 01/07/2006

  • THALES MARTINS FERRARI
  • Sistema de software para auxílio dos docentes da UNIFEI
  • Orientador : OTAVIO AUGUSTO SALGADO CARPINTEIRO
  • Data: 01/07/2006

  • WELINTON DIAS
  • Ambiente de Desenvolvimento de Manufatura Virtual.
  • Orientador : LEONARDO DE MELLO HONORIO
  • Data: 30/06/2006

  • HELENICE CRISTINA FERREIRA
  • Implementação de um sistema na internet para experiências à distância de malhas de controle
  • Orientador : CARLOS ALBERTO MURARI PINHEIRO
  • Data: 01/06/2006

  • CARLOS HENRIQUE VALERIO DE MORAES
  • Aplicação de técnicas inteligentes no auxílio à operação dos centros de controle
  • Orientador : GERALDO LUCIO TIAGO FILHO
  • Data: 01/05/2006

  • ALESSANDRA FREITAS PICANÇO
  • Avaliãção Econômica de Transformadores de Distribuição com Base no Carregamento e Eficiência Energética.
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 07/04/2006

  • ALESSANDRO FRANCISCO ARAUJO DUTRA
  • Padronização de modelos matemáticos de turbinas térmicas em ciclo combinado para estudos de transitórios eletromecânicos
  • Orientador : PEDRO PAULO DE CARVALHO MENDES
  • Data: 01/04/2006

  • GISCARD FRANCIMEIRE CINTRA VELOSO
  • Localização de Descargas Parciais em Transformadores pela Análise da Emissão Acústica.
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 24/03/2006

  • EVALDO RENÓ FARIA CINTRA
  • Diagnóstico de cardiopatias baseado no reconhecimento de padrões pelo Método de Correlação.
  • Orientador : GERMANO LAMBERT TORRES
  • Data: 17/03/2006

  • FREDERICO DE OLIVEIRA ASSUNCAO
  • Técnicas de Análise Preditiva de Falhas Elétricas em Motores de Indução Trifásico
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 17/03/2006

  • ERIK LEANDRO BONALDI
  • Diagnóstico preditivo de avarias em motores de indução trifásicos com mesa e teoria de conjuntos aproximados
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 01/03/2006

  • WARLLEY DE SOUSA SALES
  • Planejamento de Sistemas de Geração com Elevada Penetração de Energia Eólica.
  • Orientador : ARMANDO MARTINS LEITE DA SILVA
  • Data: 17/02/2006

2005
Descrição
  • ADRIANA APARECIDA DOS SANTOS IZIDORO
  • Uma Contribuição ao Estudo dos Conversores Comutados a Capacitores (CCC).
  • Orientador : ANGELO JOSE JUNQUEIRA REZEK
  • Data: 01/12/2005

  • ANTONIO FARIA NETO
  • Formulação variacional para o eletromagnetismo e suas aplicações
  • Orientador : GERALDO LUCIO TIAGO FILHO
  • Data: 01/12/2005

  • JAYME BARG
  • Agente inteligente para Planejamento de Produção em um Centro de Serviços de Corte e Solda Laser
  • Orientador : LUIZ EDIVAL DE SOUZA
  • Data: 01/12/2005

  • ONOFRE BUENO FILHO
  • Sensor analisador ultra-sônico para soluções de ácido clorídrico
  • Orientador : EDSON DA COSTA BORTONI
  • Data: 01/12/2005

  • CÍCERO LEFORT BORGES
  • TécnicasAplicadas a Cadastros de Redes de Concessionárias de Energia Elétrica, para o Desenvolvimento de Software para Estudos em Sistemas Elétricos de Potência.
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 25/11/2005

  • ANDRE LUIZ DOS SANTOS
  • Avaliação do potencial de conservação de energia em motores elétricos no Brasil
  • Orientador : EDSON DA COSTA BORTONI
  • Data: 01/11/2005

  • EFREM FERREIRA
  • Estudo de um algoritmo de mineração de dados aplicado a avaliação de curvas de consumo de energia elétrica
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 01/11/2005

  • ALEXANDRE LOURES BARBOSA
  • Implementação de um organismo de certificação designado para o processo de homologação de equipamentos de telecomunicações
  • Orientador : JOSE ANTONIO JUSTINO RIBEIRO
  • Data: 01/10/2005

  • GUSTAVO DE SOUZA FRANCISCO
  • Avaliação de ferramentas de análise de estabilidade de tensão
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 01/10/2005

  • DANIELE DE ALCANTARA BARBOSA
  • Ferramenta de Desenvolvimento e Aplicação de Lógica Difusa
  • Orientador : LEONARDO DE MELLO HONORIO
  • Data: 30/09/2005

  • CARLOS HENRIQUE DA SILVA
  • COMPORTAMENTO DO CONDICIONADOR ATIVO DE POTÊNCIA EM SISTEMAS DESEQUILIBRADOS E DISTORCIDOS: UM SISTEMA COMBINADO ENTRE FILTROS ATIVOS SÉRIE E FILTROS PASSIVOS PARALELOS
  • Orientador : VALBERTO FERREIRA DA SILVA
  • Data: 15/09/2005

  • MABEL SCIANNI MORAIS
  • Tarifação combinada de redes de gás e eletricidade
  • Orientador : JOSE WANDERLEY MARANGON LIMA
  • Data: 09/09/2005

  • JACQUES MIRANDA FILHO
  • Investimento em distribuição utilizando opções reais
  • Orientador : JOSE WANDERLEY MARANGON LIMA
  • Data: 01/09/2005

  • ANTONIO MARCOS DE SOUZA
  • Estudo da compatibilidade eletromagnética em equipamentos eletromédicos para testes de pre-conformidade de imunidade eletromagnética
  • Orientador : JOSE POLICARPO GONCALVES DE ABREU
  • Data: 01/06/2005

  • EVERALDO SIMOES GASPAR
  • Desenvolvimento de equipamento para avaliação da degradação de semicondutores de potência
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 01/06/2005

  • FRITZ WALTER MOHN
  • Uso de modelos desacoplados em estudos de estabilidade de tensão.
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 01/06/2005

  • RAFAEL CORADI LEME
  • Aplicações da incorporação de redespacho no jacobiano do fluxo de potência durante o método da continuação
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 01/06/2005

  • AHMED ALI ABDALLA ESMIN
  • Estudo de aplicação do algoritmo de otimização por exame de partícula na resolução de problemas de otimização ligados ao SEP
  • Orientador : GERALDO LUCIO TIAGO FILHO
  • Data: 01/04/2005

  • FERNANDO BUZZULINI PRIOSTE
  • Modelagem e análise da influência da Fast Valving na estabilidade transitória de sistemas elétricos de potência
  • Orientador : PEDRO PAULO BALESTRASSI
  • Data: 01/04/2005

  • SERGIO FUGIVARA
  • Implementação e aprimoramento de um sistema de telemedidas para veículos lancadores de satélites
  • Orientador : LUIZ EDIVAL DE SOUZA
  • Data: 01/04/2005

  • ANDRÉ COLEN CARRASCO
  • Sistema de detecção de falhas de manobras em seccionadores de alta tensão baseado em processamento digital de sinais e RNA
  • Orientador : GERALDO LUCIO TIAGO FILHO
  • Data: 01/03/2005

  • MANUEL ARTURO RENDÓN MALDONADO
  • Modelagem e simulação do sistema de controle de uma micro-turbina a gás
  • Orientador : LUIZ EDIVAL DE SOUZA
  • Data: 01/03/2005

  • MARCIO HENRIQUE LIMA NASCIMENTO
  • Impacto de centrais eólicas no mercado de energia elétrica
  • Orientador : JOSE WANDERLEY MARANGON LIMA
  • Data: 01/03/2005

  • EBEN EZER PRATES DA SILVEIRA
  • Implementação de um Sistema de Partida e Controle de Velocidade para Máquina Síncrona.
  • Orientador : ANGELO JOSE JUNQUEIRA REZEK
  • Data: 11/01/2005

2004
Descrição
  • ALEXANDRE ESTÁCIO FEÓ
  • Implementação de um Estabilizador de Sistemas de Potência Utilizando Compensador Fuzzy com Características LEAD/LAG
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 16/12/2004

  • BENEDITO ISAIAS LIMA FULY
  • Estabilidade de sistemas elétrico de potência no horizonte de curto e longo prazos
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 01/12/2004

  • CARLOS MAURÍCIO MARTINS
  • Sistema para automação de bares e restaurantes utilizando PDAs com pocket PC, preparado para futura integração com sistemas de Supply Chain
  • Orientador : LUCIA REGINA HORTA RODRIGUES FRANCO
  • Data: 01/12/2004

  • FELIPE RIBEIRO CAMPOS VILASBOAS
  • Desenvolvimento de um amplificador CMOS totalmente integrado para operar em 1.8GHz
  • Orientador : TALES CLEBER PIMENTA
  • Data: 01/12/2004

  • GUILHERME SOUSA BASTOS
  • Otimização da operação de centrais hidrelétricas pela distribuição inteligente de carga entre máquinas
  • Orientador : LUIZ EDIVAL DE SOUZA
  • Data: 01/12/2004

  • JOSÉ GERALDO DE MORAES
  • Proposta de um sistema de logística utilizando tecnologia de código de barras
  • Orientador : LUCIA REGINA HORTA RODRIGUES FRANCO
  • Data: 01/12/2004

  • LUIS HENRIQUE DE CARVALHO FERREIRA
  • Uma topologia CMOS Miller OTA modificada com a excursão de sinal de pólo a pólo da fonte de alimentação em ultra baixa tensão e ultra baixa potência
  • Orientador : TALES CLEBER PIMENTA
  • Data: 01/12/2004

  • RUBIANE HELOISA OLIVEIRA
  • Estimação de parâmetros do motor de indução trifásico com o uso de redes neurais recorrentes
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 01/12/2004

  • CLÁUDIO RODRIGO TORRES
  • Sistema Inteligente Paraconsistente de Robôs Móveis Autônomos.
  • Orientador : GERMANO LAMBERT TORRES
  • Data: 08/11/2004

  • ENIO CAMILO DE LIMA
  • Redução de sobredimensionamento de motores de indução trifásicos com base em nova padronização de potências
  • Orientador : JOSE POLICARPO GONCALVES DE ABREU
  • Data: 01/11/2004

  • JOSE EUGENIO LOPES DE ALMEIDA
  • Utilização de Lâmpadas Fluorescentes Compactas (LFCs) Associadas a Outras Cargas não Lineares - Seus Impactos em um Sistema de Distribuição.
  • Orientador : PAULO MARCIO DA SILVEIRA
  • Data: 15/10/2004

  • CAIO MARCUS DIAS FLAUSINO
  • Proposta de reestruturação da rede UNIFEI utilizando os atuais paradigmas da comunicação de dados
  • Orientador : GERALDO LUCIO TIAGO FILHO
  • Data: 01/10/2004

  • JOSÉ ADRIANO MENDES SILVA
  • Análise comparativa de resultados de simulação de afundamentos de tensão utilizando programas de curto-circuito de transitórios eletromagnéticos
  • Orientador : JOSE MARIA DE CARVALHO FILHO
  • Data: 01/10/2004

  • THIAGO CLE DE OLIVEIRA
  • Desenvolvimento e aplicação de um sistema de software para estudos de afundamentos de tensão.
  • Orientador : JOSE MARIA DE CARVALHO FILHO
  • Data: 01/10/2004

  • ADOLPHO EUGENIO DE ANDRADE L. CALAZANS
  • Avaliação da degradação de semicondutores de potência com o uso contínuo em compensadores estáticos
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 01/08/2004

  • JOÃO RICARDO PAES DE BARROS
  • Planejamento da expansão da transmissão baseado em custos marginais de confiabilidade
  • Orientador : ARMANDO MARTINS LEITE DA SILVA
  • Data: 01/08/2004

  • CREDSON DE SALLES
  • Correção de Umidade para Ensaios de Impulso Atmosférico em Pequenos Espaçamentos em Ar.
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 30/07/2004

  • PATRICIA CERÁVOLO R DE P NUNES OLIVEIRA
  • Ajuste de regras e funções de pertinência utilizando algoritmos genéticos
  • Orientador : GERALDO LUCIO TIAGO FILHO
  • Data: 01/07/2004

  • VALÉRIA CRISTINA MARIA NASCIMENTO LEITE
  • Separação cega de sinais: análise comparativa entre algoritmos
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 01/06/2004

  • MARCELO AROCA TOMIM
  • Análise de estabilidade em regime permanente de sistemas elétricos susceptíveis a ressonância subsíncrona
  • Orientador : PEDRO PAULO DE CARVALHO MENDES
  • Data: 01/05/2004

  • MARCO ANTONIO MARQUES
  • CAN automotivo sistema de monitoramento
  • Orientador : LUCIA REGINA HORTA RODRIGUES FRANCO
  • Data: 01/04/2004

  • OTAVIO HENRIQUE SALVI VICENTINI
  • Proteção de sobrecorrente de sistemas de distribuição
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 01/04/2004

  • FREDERICO FRANCA GIUNGECHETTI
  • Coordenação de projetos para implementação de sistemas MES
  • Orientador : LUIZ EDIVAL DE SOUZA
  • Data: 01/03/2004

  • IVANA CAMPOS HONÓRIO
  • Sistema especial de proteção e proteção de perda de sincronismo: estabelecimento de critérios e procedimentos para seletividade e priorização
  • Orientador : PEDRO PAULO DE CARVALHO MENDES
  • Data: 01/03/2004

  • ROMULO MOTA VOLPATO
  • Proposta para teste de desempenho de sistemas de alimentação de potência ininterrupta
  • Orientador : CARLOS AUGUSTO AYRES
  • Data: 01/03/2004

  • CARLOS BENJAMIN VARAS CORDERO
  • Projeto e ajuste simultâneo de controladores em cascata e compensadores de realimentação pelo método das inequações
  • Data: 01/02/2004

  • AFONSO CELSO SOARES
  • LPA: um processo navegável para desenvolvimento de software parcialmente aderente ao SW-CMM nível 2
  • Orientador : LUCIA REGINA HORTA RODRIGUES FRANCO
  • Data: 01/01/2004

2003
Descrição
  • CARLOS HENRIQUE RENNÓ RIBEIRO SANTOS
  • Influência do STATCOM na Estabilidade de Sistemas Elétricos de Potência.
  • Orientador : PEDRO PAULO DE CARVALHO MENDES
  • Data: 19/12/2003

  • DAVID FAGUNDES FABRI
  • Características Operativas do Controle Automático de Geração em um Cenário Competitivo
  • Orientador : CLAUDIO FERREIRA
  • Data: 01/12/2003

  • AIRTON VIOLIN
  • Índice para classificação de configurações de barra de subestações
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 01/11/2003

  • HELGA GONZAGA MARTINS
  • A lógica paraconsistente anotada de quatro valores - LPA4v aplicada em sistema de raciocínio baseado em casos para o restabelecimento de substações elétricas.
  • Orientador : GERMANO LAMBERT TORRES
  • Data: 01/11/2003

  • DELVIO FRANCO BERNARDES
  • Uma proposição de novos protocolos de medição sob a ótica da qualidade da energia elétrica
  • Orientador : CARLOS ALBERTO MOHALLEM GUIMARAES
  • Data: 01/10/2003

  • EVANDRO DANIEL CALDERARO COTRIM
  • Projeto e Integração de um Sistema de Amostragem de Tensão e de Corrente para Aplicações em Sistemas de Medição de Grandezas Elétricas
  • Orientador : LAERCIO CALDEIRA
  • Data: 01/09/2003

  • JOAO GUILHERME DE CARVALHO COSTA
  • Mercados de energia elétrica: uma proposta para a alocação dos custos de perdas em sistemas de transmissão
  • Orientador : ARMANDO MARTINS LEITE DA SILVA
  • Data: 01/08/2003

  • CARLOS ALBERTO GUIA PEREIRA
  • Otimização de reguladores de motores de indução alimentados por intermédio de inversor de corrente com comutação natural
  • Orientador : ANGELO JOSE JUNQUEIRA REZEK
  • Data: 01/07/2003

  • RICARDO RANDO
  • Aterramento e proteção contra descargas atmosféricas em áreas classificadas
  • Orientador : MANUEL LUIZ BARREIRA MARTINEZ
  • Data: 01/07/2003

  • DANIEL MARROCOS CAMPOSILVAN
  • Uma contribuição a avaliação de contratos bilaterais de suprimento de energia elétrica
  • Orientador : JOSE POLICARPO GONCALVES DE ABREU
  • Data: 01/06/2003

  • ROBERTO CHOUHY LEBORGNE
  • Uma contribuição a caracterização da sensibilidade de processos industriais frente a afundamentos de tensão
  • Orientador : JOSE POLICARPO GONCALVES DE ABREU
  • Data: 01/05/2003

  • JAIR ALVINO TAVARES JUNIOR
  • Um sistema para controle de manutenção de equipamentos industriais
  • Orientador : OTAVIO AUGUSTO SALGADO CARPINTEIRO
  • Data: 01/03/2003

  • LILIA RAMOS CARNEIRO
  • Um sistema de admissão acadêmica para uma universidade
  • Orientador : OTAVIO AUGUSTO SALGADO CARPINTEIRO
  • Data: 01/03/2003

  • MIGUEL CARLOS MEDINA PENA
  • Falhas em transformadores de potência: uma contribuição para análise, definições, causas e soluções
  • Orientador : CARLOS ALBERTO MOHALLEM GUIMARAES
  • Data: 01/03/2003

  • VERA CRISTINA CORREALE TAVARES
  • Um sistema de controle e registro acadêmico para uma universidade
  • Orientador : OTAVIO AUGUSTO SALGADO CARPINTEIRO
  • Data: 01/02/2003

2002
Descrição
  • LUIZ CARLOS DA SILVA
  • Aplicação de computador pessoal como equipamento de bancada multifuncional de baixo custo para laboratÓrios de eletrÔnica e microprocessadores
  • Orientador : TALES CLEBER PIMENTA
  • Data: 01/12/2002

  • VALERIO OSCAR DE ALBUQUERQUE
  • Controle coordenado de tensão e potência reativa
  • Orientador : ANTONIO CARLOS ZAMBRONI DE SOUZA
  • Data: 01/12/2002

  • ADRIAN ENRIQUE R. O. PAREDES
  • Integração de sistemas de supervisão, proteção e automação de subestações de energia elétrica
  • Orientador : EDSON DA COSTA BORTONI
  • Data: 01/11/2002

  • CARLOS HENRIQUE RODRIGUES CARDOSO
  • Modelo prático para desenvolvimento de sistemas orientado a objeto baseado em UML
  • Orientador : LUCIA REGINA HORTA RODRIGUES FRANCO
  • Data: 01/11/2002

  • PAULO SERGIO QUINTANILHA FILHO
  • Gerenciamento de risco de base locacional em mercados de energia
  • Orientador : JOSE WANDERLEY MARANGON LIMA
  • Data: 01/11/2002

  • RENATA DE BIASI RIBEIRO
  • Fundamentos da nova legislação brasileira sobre qualidade de energia
  • Orientador : HECTOR ARANGO
  • Data: 01/11/2002

  • RONY LEITE GIFFONI
  • Amplificador operacional em baixa tensão e aplicações
  • Orientador : TALES CLEBER PIMENTA
  • Data: 01/11/2002

  • ANDRÉ OTTOBONI DIAS
  • Projeto Sistema de Recuperação de Dados do Sensor MSS - Multispectral Scanner para o Satélite LANDSAT 1, 2 e 3.
  • Orientador : GERMANO LAMBERT TORRES
  • Data: 23/09/2002

  • CLEBER ESTEVES SACRAMENTO
  • Avaliação da Confiabilidade no Planejamento de Sistemas de Distribuição.
  • Orientador : ARMANDO MARTINS LEITE DA SILVA
  • Data: 17/06/2002

  • ADRIANA CORTEZ DE SA
  • Uma Contribuição para o Estudo de Transformadores para Conversores Estáticos.
  • Orientador : ANGELO JOSE JUNQUEIRA REZEK
  • Data: 11/06/2002

  • CARLO JOSE RISSARDI SPERANDEO
  • Traçador de Curvas de Histerese Magnética de Baixo Custo.
  • Orientador : CARLOS AUGUSTO AYRES
  • Data: 05/03/2002

  • CLÁUDIO RIBEIRO LOPES JUNIOR
  • Sistema Multi-Agente para o Restabelecimento de Subestações Elétricas.
  • Orientador : GERMANO LAMBERT TORRES
  • Data: 26/02/2002

  • ERIK LEANDRO BONALDI
  • Manutenção Preditiva em Motores de Indução Trifásicos através do Espectro da Corrente do Estator.
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 25/02/2002

  • LEVY ELY DE LACERDA DE OLIVEIRA
  • Melhorando a Resposta Dinâmica de Filtros Ativos de Potência Baseados no Método de Referência Síncrona.
  • Orientador : LUIZ EDUARDO BORGES DA SILVA
  • Data: 25/02/2002

2001
Descrição
  • KARINA PEREZ MOKARZEL CARNEIRO
  • Estudo da Viabilidade Técnica e Econômica da Utilização da Energia Solar em Estações Rádio Base (ERB's).
  • Orientador : JOSE ANTONIO CORTEZ
  • Data: 14/12/2001

  • JOSE FELICIANO ADAMI
  • Projeto de um Amplificador de Potência de RF Operando a 836,5MHz em Tecnologia CMOS de 0,35µm para Aplicação em um Transceptor Wireless de Espalhamento Espectral.
  • Orientador : TALES CLEBER PIMENTA
  • Data: 03/12/2001

  • LEONIDAS CHAVES DE RESENDE
  • AVALIAÇÃO DA CONFIABILIDADE PREVENTIVA DE SISTEMAS DE POTÊNCIA.
  • Orientador : ARMANDO MARTINS LEITE DA SILVA
  • Data: 30/10/2001

  • ERIK DOS REIS RIBEIRO
  • "RECICLADOR DE POTÊNCIA BIDIRECIONAL PARA UPS SINCRONIZADA COM A REDE, OPERANDO NO MODO DESCONTÍNUO"

  • Orientador : CARLOS AUGUSTO AYRES
  • Data: 05/10/2001
  • Mostrar Resumo
  • -

  • PAULO GOMES
  • Segurança operativa dos sistemas elétricos: diagnóstico e perspectivas face a reestruturação do setor elétrico
  • Orientador : JOSE WANDERLEY MARANGON LIMA
  • Data: 01/10/2001

SIGAA | DTI - Diretoria de Tecnologia da Informação - UNIFEI - (35) 3629-1080 | Copyright © 2006-2019 - UNIFEI - sigaa07.unifei.edu.br.sigaa07